Spurs (21-8) vs. Mavericks (12-16) – R.I.P. Dallas

129×91https://i1.wp.com/i884.photobucket.com/albums/ac50/glaglauber/Logos%20NBA/DallasMavericks.jpg

O Natal deste ano não será dos mais felizes para Mark Cuban e o seu Dallas Mavericks. O mais polêmico dono de franquia da NBA deve ter arrancado os cabelos durante o clássico texano deste domingo (23), ao ver sua equipe ser simplesmente aniquilada por um dos maiores rivais. Jogando em casa, o San Antonio Spurs ignorou o clima de solidariedade natalina e não teve pena, aplicando uma verdadeira surra no AT&T Center: 129 a 91. Vamos aos destaques.

E lá vem boooomba! (D. Clarke Evans/NBAE/Getty)

Ho, ho, ho! Papai Noel chegou…

… e em seu saco de presentes trouxe uma infinidade de bolas de três pontos. Ao todo, o Spurs converteu 20 arremessos de longa distância, novo recorde da história da franquia. Tudo isso em apenas 30 tentativas, o que garantiu um aproveitamento de 66,7%. A pontaria de Danny Green foi a mais afiada: o camisa #4 converteu sete tiros do perímetro em oito tentativas e foi o cestinha do jogo com 25 pontos. Mas vale frisar; com exceção dos pivôs Tim Duncan, Tiago Splitter e DeJuan Blair e do armador Nando De Colo, todos os outros nove jogadores deixaram a quadra com pelo menos um arremesso longo convertido.

Ainda ouviremos muito falar desse camisa #2 (D. Clarke Evans/NBAE/Getty)

Eterno xodó

E Kawhi Leonard, mais uma vez, fez jus ao status de “queridinho” do San Antonio Spurs. Depois de voltar de lesão na última partida, o ala retornou ao time titular no clássico do Texas e foi um dos melhores em quadra. Além dos 17 pontos convertidos, Kawhi roubou cinco bolas e foi perfeito na marcação de O.J. Mayo, que anotou apenas sete pontos – bem abaixo de sua média de 19,8 pontos por jogo até então.

O freguês voltou!

E falando em volta, quem retornou às quadras nesta partida foi Dirk Nowitzki. O alemão se recuperava de uma atroscopia no joelho realizada há mais de dois meses e fez sua estreia na temporada 2012/2013. Sem ritmo e com os companheiros pouco inspirados, acabou engolido pela defesa rival e deixou a quadra com apenas oito pontos em 20 minutos jogados.

Acabou a maldição?

Se você acompanha o Spurs há algum tempo, já deve estar acostumado com os famosos “apagões” do terceiro quarto. Mas desta vez a “maldição” ficou longe. Foi justamente na volta do intervalo que o San Antonio Spurs teve o melhor momento na partida, ao vencer a parcial por 36 a 14. Nos rebotes – outro problema crônico da equipe – os donos da casa também levaram a melhor, vencendo a briga pelos ressaltos por 41 a 39.

No departamento médico

Quem parece que não terá folga tão cedo são os médicos do San Antonio Spurs. Depois de Stephen Jackson, Manu Ginobili e Kawhi Leonard enfrentarem problemas físicos recentes, agora foi a vez de Gary Neal. O ala-armador torceu o pé direito no início do último quarto e deixou a quadra para não mais retornar. A gravidade da lesão ainda não foi informada.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Danny Green – 25 pontos (7-8 3 PT) e 4 rebotes

Tony Parker – 18 pontos e 6 assistências

Kawhi Leonard – 17 pontos, 5 roubos de bola e 4 rebotes

Tim Duncan – 15 pontos, 5 rebotes e 4 assistências

Dallas Mavericks

Darren Collison – 15 pontos

Vince Carter – 13 pontos e 5 rebotes

Chris Kaman – 10 pontos

Sobre Victor Moraes

Formado em Jornalismo no ano de 2012 pela Universidade Metodista de São Paulo. Fanático por esportes, sobretudo o basquete, passou pela redação do Diário Lance!, trabalhou na Liga Nacional de Basquete e no extinto Basketeria. Se orgulha de fazer parte da equipe do Spurs Brasil desde a criação em 2007.

Publicado em 24/12/2012, em Resumo de Jogos e marcado como , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 12 Comentários.

  1. chora uma punição por ‘falta de hospitalidade e espírito natalino’ para o Stern, Cuban… vcs não são amigos???????

    kkkkkkkkkkkkkkkk

    #chupamavs #CHUPACUBAN

  2. Ribamar Rodrigues

    AQUI E SPUUUUUUURS , VAMO VAMO QUE SER CAMPEAO HEHE

  3. ótima vitória, o Spurs dessa temporada parece ainda mais fortalecido em relação ao da temporada passada, não esperava isso, ainda mais na Temporada Regular

    cara não gostei desse uniforme cinza, mas enfim, melhor do que aquele do ano passado do Dallas Chaparrals kkk

  4. Boa vitória, e continuem colocando os Highlights no resumo de cada jogo, igual vocês fizeram na temporada passada!

  1. Pingback: Notas sobre um massacre | Destino Riverwalk

  2. Pingback: Spurs (21-8) vs Raptors (9-19) – Temporada Regular « Spurs Brasil

  3. Pingback: Spurs @ Mavs será transmitido de graça para o Brasil « Spurs Brasil

  4. Pingback: Spurs (23-8) @ Mavericks (12-18) – Temporada Regular « Spurs Brasil

  5. Pingback: Spurs (24-8) @ Mavericks (12-19) – Ex-rivais « Spurs Brasil

  6. Pingback: Spurs (26-8) @ Bucks (16-14) – Sétima seguida! « Spurs Brasil

  7. Pingback: Spurs (34-11) @ Mavericks (18-24) – Temporada Regular « Spurs Brasil

  8. Pingback: Spurs (49-16) vs Mavericks (30-33) – Temporada Regular | Spurs Brasil

Deixe uma resposta para Guilherme Cancelar resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s