Spurs (19-8) @ Nuggets (14-12) – Preocupação?

106×112

Na noite desta terça-feira (18), o San Antonio Spurs alcançou sua segunda derrota consecutiva no campeonato, e a oitava da temporada 2012/2013. Após um revés pesado para o Oklahoma City Thunder na noite anterior, a equipe sentiu o cansaço e somou uma má exibição ao resultado. A partida também marcou a volta de Manu Ginobili, que não atuou na partida anterior devido a uma lesão no quadríceps.

Atuação monstruosa de Duncan não foi o bastante (Garret Ellwood/NBAE/Getty Images)

Os velhos problemas

Nas últimas temporadas, dois problemas vêm assombrando os torcedores do Spurs: o desempenho no terceiro quarto e a dificuldade em pegar rebotes. Nesta terça, os dois voltaram a se fazer presentes. Os leitores assíduos e atentos do blog perceberam que o parágrafo anterior é uma cópia do resumo da partida de segunda. Incrivelmente, as questões se repetiram contra o Nuggets. Além da exibição ruim do terceiro quarto, o time texano foi massacrado nos rebotes, com a equipe adversária coletando 58 e a equipe de San Antonio 45. Até quando isso vai se repetir?

Spurs deu dor de cabeça para Pop (Garret Ellwood/NBAE/Getty Images)

Destaques negativos

Stephen Jackson não voltou bem da lesão. Mal contra o Thunder, o ala fez novamente uma partida ruim, errando muitos arremessos e se complicando com faltas. Outro que não vem bem nas últimas partidas é Danny Green. Seus arremessos de três pontos, tão fundamentais, estão descalibrados. Contra o Nuggets, Green acertou apenas um de oito, além de errar mais dois arremessos de quadra. Tony Parker, um dos principais jogadores da equipe, também não teve boa atuação, forçando e errando muitos de seus arremessos e bandejas.

Sempre ele

Em meio a tantos pontos negativos, Tim Duncan conseguiu se diferenciar. Com 36 anos, o ala-pivô ficou em quadra por pouco mais de 40 minutos e anotou 31 pontos, 18 rebotes, seis assistências e cinco tocos diante do Nuggets. Absurdo!

Pedindo passagem

Maior pontuador dos últimos jogos olímpicos, o armador australiano Patrick Mills entrou em quadra e incendiou o último quarto, quando o Nuggets tinha ampla vantagem. O australiano converteu cinco bolas de três pontas e teve alguns roubos de bola importantes nos minutos cruciais da partida.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Tim Duncan – 31 pontos, 18 rebotes, 6 assistências e 5 tocos

Manu Ginobili – 16 pontos e 6 assistências

Patrick Mills – 15 pontos

Tiago Splitter – 10 pontos, 3 rebotes e 3 roubadas de bola

Denver Nuggets

Danilo Gallinari – 28 pontos e 9 rebotes

Kenneth Faried – 19 pontos e 11 rebotes

Andre Iguodala – 14 pontos, 9 rebotes e 6 assistências

Anúncios

Sobre Bruno Lorscheiter Alves

Jornalista amador, apaixonado por esportes, basquete e lógico, San Antonio Spurs.

Publicado em 19/12/2012, em Resumo de Jogos. Adicione o link aos favoritos. 12 Comentários.

  1. O jogo do Spurs não mudou em nada desde o inicio da temporada. O time continua abaixo do ano passado e somado a isso sentiu o cansaço nas últimas semanas. Esse ano não temos o jogo coletivo apresentado no fim da temporada anterior. No momento não sei se é um fato bom ou ruim, visto que o time precisa aprender a lidar com isso, para ter chances de ganhar a NBA. Uma vez que contra o Thunder, não apresentou resposta.

  2. Não vi o jogo inteiro, mas posso afirmar uma coisa: o Pop tá fazendo laboratório. Testando umas formações estranhas e jogadores em funções que não são deles. Ele quer saber exatamente o que cada jogador pode fazer na hora em que for exigido.
    O time já mostrou que jogando no esquema de sempre (rotação de bola com pick n’ roll) ainda é provavelmente o melhor time da NBA, mas que ao mesmo tempo este esquema tá ficando batido e marcado, então precisamos de alternativas. Splitter se mostrou uma opção confiável, e podem ter certeza que já entrou no leque de opções do Pop.
    Agora precisamos de mais jogadores para serem opções também.
    E precisamos, mais do que nunca, da volta do Kawhi.

    Por enquanto tudo bem.

    • Nao ha motivo para panico, mas quem sabe alguma troca possa ser feita diaw por ex é um que nao acrescenta nada, green sempre irregular assim como o elogiado mills (que fez partidas horriveis) anderson nao pode continuar enfim alguma troca deve ser feita para reforçar o time (o garrafao) go spurs

  3. spurs precisa de um bom reboteiro e defensor para ajudar no Garrafão.

  4. Gustavo Alves

    Pra mim, a defesa no garrafão ainda nem eh tanto o problema se compararmos com os rebotes. Está complicadissimo perder tantos rebotes. Duncan não pula pra pegar rebotes, e tem seus motivos, mas dae Diaw não tirar a pança do chao pra nada, eh foda.
    Na minha moral trocariam Matt Bonner, Diaw, Anderson (se eh q alguem quer) e Blair
    e correria atras de pessoal forte de garrafao (se bem q ta dificil achar, neh)

    Vi um artigo acho q no Projectspurs falando sobre as possíveis trocas, e realmente, acho o Derick Williams uma boa, se conseguissem, seria mais um passo pra renovação do time.
    Agora, que tirar o Gasol do Lakers seria legal, isso seria (mas aí entra a questao salarial tbm neh, e teriam q trocar Stephen Jackson e mais algumas coisas)

  5. Pelo que estou a ver o Parker só precisa de voltar a pôr em ordem o seu lançamento, porque ele está a cometer poucos turnovers, apenas 2 por jogo.

    Acho que os Spurs ficam melhor quando o Splitter vem do banco. Atenção, não tou a dizer que ele é mau, porque acho que ele a seguir ao Hall of Fame é o 2º melhor jogador interior do plantel, mas a equipa estaria mais equilibrada começando com Duncan e Blair e depois vindo do banco o Diaw e o Tiago.

    O que acham?

  6. Felipe Ladislau

    Na boa o Diaw vem bem diferente da temporada passada. Acho que o Stephen Jackson não é um jogador tão importante e pode sim ser envolvido em uma troca, jogadores pra sair é o que não falta, quando o jogo tá duro dá pra ver a cara amarela do Green. Torço para que os Spurs faça uma boa troca.

  1. Pingback: Monstruoso! | Destino Riverwalk

  2. Pingback: Spurs (19-8) @ Hornets (7-18) – Temporada Regular « Spurs Brasil

  3. Pingback: Spurs (24-8) @ Mavericks (12-19) – Ex-rivais « Spurs Brasil

  4. Pingback: Spurs (53-17) vs Nuggets (49-23) – Temporada Regular | Spurs Brasil

  5. Pingback: Spurs (57-20) @ Nuggets (53-24) – Temporada Regular | Spurs Brasil

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s