Arquivo diário: 19/12/2012

Spurs (19-8) @ Nuggets (14-12) – Preocupação?

106×112

Na noite desta terça-feira (18), o San Antonio Spurs alcançou sua segunda derrota consecutiva no campeonato, e a oitava da temporada 2012/2013. Após um revés pesado para o Oklahoma City Thunder na noite anterior, a equipe sentiu o cansaço e somou uma má exibição ao resultado. A partida também marcou a volta de Manu Ginobili, que não atuou na partida anterior devido a uma lesão no quadríceps.

Atuação monstruosa de Duncan não foi o bastante (Garret Ellwood/NBAE/Getty Images)

Os velhos problemas

Nas últimas temporadas, dois problemas vêm assombrando os torcedores do Spurs: o desempenho no terceiro quarto e a dificuldade em pegar rebotes. Nesta terça, os dois voltaram a se fazer presentes. Os leitores assíduos e atentos do blog perceberam que o parágrafo anterior é uma cópia do resumo da partida de segunda. Incrivelmente, as questões se repetiram contra o Nuggets. Além da exibição ruim do terceiro quarto, o time texano foi massacrado nos rebotes, com a equipe adversária coletando 58 e a equipe de San Antonio 45. Até quando isso vai se repetir?

Spurs deu dor de cabeça para Pop (Garret Ellwood/NBAE/Getty Images)

Destaques negativos

Stephen Jackson não voltou bem da lesão. Mal contra o Thunder, o ala fez novamente uma partida ruim, errando muitos arremessos e se complicando com faltas. Outro que não vem bem nas últimas partidas é Danny Green. Seus arremessos de três pontos, tão fundamentais, estão descalibrados. Contra o Nuggets, Green acertou apenas um de oito, além de errar mais dois arremessos de quadra. Tony Parker, um dos principais jogadores da equipe, também não teve boa atuação, forçando e errando muitos de seus arremessos e bandejas.

Sempre ele

Em meio a tantos pontos negativos, Tim Duncan conseguiu se diferenciar. Com 36 anos, o ala-pivô ficou em quadra por pouco mais de 40 minutos e anotou 31 pontos, 18 rebotes, seis assistências e cinco tocos diante do Nuggets. Absurdo!

Pedindo passagem

Maior pontuador dos últimos jogos olímpicos, o armador australiano Patrick Mills entrou em quadra e incendiou o último quarto, quando o Nuggets tinha ampla vantagem. O australiano converteu cinco bolas de três pontas e teve alguns roubos de bola importantes nos minutos cruciais da partida.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Tim Duncan – 31 pontos, 18 rebotes, 6 assistências e 5 tocos

Manu Ginobili – 16 pontos e 6 assistências

Patrick Mills – 15 pontos

Tiago Splitter – 10 pontos, 3 rebotes e 3 roubadas de bola

Denver Nuggets

Danilo Gallinari – 28 pontos e 9 rebotes

Kenneth Faried – 19 pontos e 11 rebotes

Andre Iguodala – 14 pontos, 9 rebotes e 6 assistências

Anúncios