Arquivo diário: 07/10/2012

Spurs (1-0) vs Siena (0-1) – Show na estreia da pré-temporada

106×77

Na noite de sábado (6), o San Antonio Spurs estreou em grande forma na preparação para a temporada 2012/2013 da NBA. Jogando em casa, a equipe venceu o Montepaschi Siena, atual campeão italiano, por 106 a 77. Veja a seguir o que de importante aconteceu no jogo.

Novos e velhos rostos juntos em San Antonio (D. Clarke Evens/NBAE/Getty)

Base mantida

O técnico Gregg Popovich resolveu começar a pré-temporada com o mesmo time titular que terminou o último campeonato. Com isso, Tony Parker, Danny Green, Kawhi Leonard, Boris Diaw e Tim Duncan formaram o quinteto inicial para a partida contra o Siena. Porém, o treinador rodou bastante o elenco e, dos cinco, foi o ala quem mais ficou em quadra: o camisa #2, que se prepara para segunda temporada na NBA, jogou por quase 22 minutos.

Brasileiro afastado

Após dispensar o armador Sherron Collins, o Spurs teve apenas um desfalque para a partida deste sábado: Tiago Splitter. O pivô brasileiro, que vinha sofrendo com dores nas costas ao longo da semana, acabou preservado pela comissão técnica da equipe texana.

Air Manu! (D. Clarke Evens/NBAE/Getty)

Briga por minutos no perímetro

O Spurs vai começar a pré-temporada cheio de opções para as posições 1 e 2. Neste sábado, Pop mostrou quais serão suas preferências para o início do campeonato. Tony Parker (nove pontos, quatro assistências e três rebotes) e Danny Green (dois pontos e dois rebotes) fizeram parte do time titular. Gary Neal (11 pontos e três rebotes) e Manu Ginobili (11 pontos e três assistências), cestinhas da equipe na partida, entraram ainda no primeiro período e formaram a segunda unidade ao lado de Stephen Jackson, Matt Bonner e DeJuan Blair.

No decorrer da partida, o treinador ainda promoveu as entradas de Patrick Mills (quatro pontos), Cory Joseph (dez pontos e três roubadas de bola) e do novato Nando de Colo (dois pontos, três assistências e três roubadas de bola), que terão de suar na briga por minutos.

O 15º elemento

Alguns jogadores brigam para 15ª e última vaga no elenco do Spurs. Entre eles, o destaque foi Josh Powell. Acionado por Pop ainda no segundo período e titular no início do terceiro, o ala-pivô deixou a quadra com sete pontos e sete rebotes – liderou o time no fundamento.

No fim do terceiro quarto, entraram Eddy Curry (sete pontos) e Derrick Brown (quatro pontos). Na última parcial, ainda houve tempo para Wesley Witherspoon (dois pontos) e Tyler Wilkerson (dois pontos) mostrarem serviço.

O prospecto

Selecionado pelo Atlanta Hawks na 42ª escolha do Draft de 2004 e em seguida trocado para o Spurs, Viktor Sanikidze ainda tem seus direitos presos à franquia texana. O jogador, que pode atuar nas posições 3 e 4, fez sua estreia no AT&T Center – mas com a camisa do Siena. O ala anotou apenas cinco pontos, mas justificou a impulsão e o atleticismo que o deixaram famosos com 11 rebotes – maior marca da partida – e um toco. Vale lembrar que, neste ano, o time de San Antonio chegou a mandar olheiros para observá-lo.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Manu Ginobili – 11 pontos e três assistências

Gary Neal – 11 pontos e três rebotes

DeJuan Blair – Dez pontos, cinco rebotes e três roubadas de bola

Cory Joseph – Dez pontos e três roubadas de bola

Montepaschi Siena

Bobby Brown – 20 pontos e três assistências

Benjamin Eze – 15 pontos, seis rebotes, dois tocos e duas roubadas de bola