Spurs (2) @ Thunder (3) – E agora?

 https://i1.wp.com/l.yimg.com/a/i/us/sp/v/nba/teams/20080123/80x60/sas.gif103×108

Complicou a vida do San Antonio Spurs. Após de abrir 2 a 0 frente ao Oklahoma City Thunder, o Spurs deixou a equipe de Oklahoma empatar a série nos últimos dois confrontos jogando fora de casa, e, finalmente, na noite desta segunda-feira (4), permitiu a virada mesmo diante de sua torcida.

Agora ficou complicado

Irreconhecível

Os texanos até que começaram bem a partida, mas bastaram alguns minutos para que o Thunder buscasse a vantagem. A partir daí, o Spurs ficou irreconhecível, com um ataque lento, que hesitava muito antes de passar ou arremessar e cometia erros de infantis. Definitivamente não era o mesmo time que ganhou 20 partidas seguidas e que vinha apresentando um basquete coletivo e envolvente.

Parker, cadê você meu filho?

Tony Parker cresceu nos momentos finais do jogo, e a produtividade da equipe toda também. Mas o armador iniciou a partida muito mal, com visíveis dificuldades para sair da marcação de Thabo Sefolosha e sem encontrar espaços para o seu mortal arremesso de média distância. Se o francês não voltar a fazer apresentações dignas de MVP como vinha fazendo, as chances de vencer esta série se reduzem a quase zero.

Ginobili, Durant e Harden

Esses caras têm dado trabalho

Esses caras têm dado trabalho

Mesmo com a derrota do Spurs, temos de convir que esta série está um espetáculo a parte, com um basquete jogado em alto nível e personagens que abrilhantam o show com suas apresentações. Quando a vantagem do Thunder passava dois dígitos, apareceu toda a genialidade de Manu Ginobili, com cestas de três pontos espíritas e infiltradas impossíveis. Mas, para o nosso azar, a equipe adversária também tem gênios.Um destes é Kevin Durant. Modesto nos três primeiros quartos o ala, chamou a responsabilidade nos momentos finais, adicionando nove pontos no último período.

Além deste, havia James Harden. Faltam 28 segundos para o fim da partida, com o Spurs perdendo por dois pontos, o barbudo converteu uma cesta de três pontos, apesar da marcação sufocante de Kawhi Leonard. A derrota passa pela irrospansibilidade da equipe texana, mas acima de tudo pela genialidade da rival.

Win or Go Home

A coisa complicou. Restam mais dois jogos na série, e o Spurs precisa ganhar os dois para chegar à grande final da NBA. A próxima partida é na casa do Oklahoma, nesta quarta (6). Uma derrota implica no fim do sonho de conquistar o quinto anel nesta temporada.

Destaques da Partida

San Antonio Spurs

Manu Ginobili – 34 pontos e sete assistências

Tony Parker – 20 pontos e quatro assistências

Tim Duncan – 18 pontos e doze rebotes

Stephen Jackson – 13 pontos

Oklahoma City Thunder

Kevin Durant – 27 pontos e cinco rebotes

Russel Westbrook – 23 pontos, 12 assistências e quatro roubos de bola

James Harden – 20 pontos e três assistências

Anúncios

Sobre Bruno Lorscheiter Alves

Jornalista amador, apaixonado por esportes, basquete e lógico, San Antonio Spurs.

Publicado em 05/06/2012, em Playoffs 2012, Resumo de Jogos e marcado como , . Adicione o link aos favoritos. 5 Comentários.

  1. felype ferreira

    Go Spurs Go !! We still could win this series !! Put blood dedication and ler`s win ..!!

  2. tem q acreditar né?, GO SPURS GO

  1. Pingback: De Colo desmente acordo com o Spurs | Spurs Brasil

  2. Pingback: Spurs (2) @ Thunder (3) – Final da Conferência Oeste | Spurs Brasil

  3. Pingback: Green reconhece má fase e aceita papel de reserva | Spurs Brasil

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s