Arquivo diário: 30/04/2012

Splitter é dúvida para o Jogo 2 contra o Jazz

O pivô Tiago Splitter sofreu uma entorse no pulso durante a partida de domingo (29) contra o Utah Jazz. Nesta segunda-feira, o brasileiro passou por exames detalhados em San Antonio e a notícia que temos é relativamente boa: o problema foi mais simples do que parecia e Splitter talvez esteja em quadra no Jogo 2.

De acordo com o técnico Gregg Popovich, ainda é impossível dizer se o camisa 22 estará apto para encarar o segundo jogo. Segundo ele, o pivô é dúvida para o duelo. Pesa à favor do brazuca os três dias de descanso entre uma partida e outra, o que com certeza o ajudarão a se recuperar.

Parker analisa estreia vitoriosa do Spurs nos playoffs

Essa jogada da foto entrou no Top 10 da noite (VÍDEO ABAIXO)

Tony Parker vem jogando como um MVP. O armador francês faz sua melhor temporada da carreira e tem roubado a cena nos jogos do San Antonio Spurs. Na tarde de domingo (29), em sua estreia nos playoffs 2011/2012, Parker voltou a dar show. Contra o Utah Jazz, o camisa 9 anotou 28 pontos, distribuiu oito assistências e ainda pegou quatro rebotes.

“Tentei ser agressivo e queria ver o que eles fariam para brecar nossos pick and rolls. Depois disso, posicionei meus colegas da melhor forma e continuei num ritmo forte”, analisou o atleta, após o duelo. “No geral, nós fomos agressivos. Tínhamos que igualar nossa energia à deles, já que o Utah Jazz é um time muito físico e que joga com bastante intensidade”, completou Parker, que elogiou seus companheiros na sequência.

“Será uma guerra pelos rebotes durante toda a série. Acho que fizemos um bom trabalho hoje, especialmente Stephen Jackson. Ele foi ótimo neste quesito. Será importante que todos ajudem nossos pivôs a conquistar mais ressaltos”, avaliou o francês.

Por fim, Parker disse que seu trabalho defensivo sobre o também armador Devin Harris será essencial durante o confronto contra o Jazz. “Acho que essa é a grande chave”, afirmou. “Harris é quem faz o time funcionar. Ele pode ‘pegar fogo’ a qualquer momento e é muito bom nas bolas de 3. Será fundamental tentar pará-lo. Tenho certeza que ele virá com tudo no Jogo 2. Estarei preparado!”, finalizou.