Equipe do Spurs Brasil faz prévia da série contra o Jazz

Começa neste domingo (29) a série San Antonio Spurs e Utah Jazz, válida pela primeira rodada dos playoffs. A equipe texana, que se classificou com a melhor da Conferência Oeste, tentará espantar o trauma do ano passado, quanto também avançou como líder e acabou derrotada pelo Memphis Grizzlies. Desta vez, novamente o adversário terá como ponto forte um garrafão de respeito. Confira o que os blogueiros do Spurs Brasil têm a dizer sobre o confronto:

Bruno Alves

Palpite: Spurs 4 x 0
A linha de frente do Utah Jazz é muito forte, superior à do Spurs, mas Pop já provou que pode vencer garrafões poderosos com a força do elenco e uma ajudinha nos rebotes de jogadores do perímetro, como Kawhi Leonard e Stephen Jackson. Na temporada regular, só perdemos um jogo e estávamos sem Parker, Ginóbili e Duncan – por pouco ainda não vencemos. Com força máxima, prevejo uma varrida no time de Utah.
Peça-chave do Spurs: Kawhi Leonard
Peça-chave do Jazz: Al Jefferson

Bruno Pongas

Palpite: Spurs 4 x 1
Por mais que o Utah Jazz tenha bons pivôs, acredito que o San Antonio Spurs leva essa série por ter um elenco muito melhor. Se ninguém se machucar no meio do caminho, a tendência, no meu ponto de vista, é ganharmos o confronto com certa tranquilidade.
Peça-chave do Spurs: Tim Duncan
Peça-chave do Jazz: Paul Millsap

Juliano Medeiros

Palpite: Spurs 4 x 1
O Spurs não deve ter problemas contra o Utah Jazz. Jogando um basquete envolvente, que inclui o time titular e o banco, o time texano é franco favorito e, diferente do ano passado, o elenco está completamente saudável. Se no garrafão o Jazz leva alguma vantagem, fora dele o Spurs é bem superior.
Peça-chave do Spurs: Tony Parker
Peça-chave do Jazz: Al Jefferson

Lucas Pastore

Palpite: Spurs 4 x 2
O Spurs melhorou muito em relação à temporada passada, principalmente no que diz respeito à defesa de garrafão. Mas o Jazz tem uma rotação de respeito no setor, formada pelo ala-pivô Paul Millsap, pelo pivô Al Jefferson e pelo reserva Derrick Favors. A eficiência do time texano em limitar os rebotes ofensivos do trio ditará a facilidade da série.
Peça-chave do Spurs: Tim Duncan
Peça-chave do Jazz: Paul Millsap

Rafael Proença

Palpite: Spurs 4 x 0
Depois do fiasco de 2011, o Spurs passará sem sustos pela primeira rodada e seguirá rumo ao título. Apesar de ter alguns jogadores talentosos e de terminar a temporada regular com cinco vitórias seguidas, o Jazz não tem força para segurar os comandados de Gregg Popovich. Ainda assim, é bom tomar cuidado nos jogos na EnergySolutions Arena, onde os donos da casa perderam apenas oito vezes este ano, sendo uma delas pro Spurs.
Peça-chave do Spurs: Tim Duncan
Peça-chave do Jazz: Al Jefferson

Robson Kobayashi

Palpite: Spurs 4 x 1
O Spurs tomará um susto perdendo uma em casa, mas, depois das chicotadas do técnico Gregg Popovich, vai levar o embate a sério e vencer a série.
Peça-chave do Spurs: Tony Parker
Peça-chave do Jazz: Al Jefferson

Victor Moraes

Palpite: Spurs 4 x 1
O Spurs não deve encontrar facilidade pela frente. Apesar da oitava colocação, a equipe do Utah Jazz já mostrou que pode complicar partidas mesmo contra adversários teoricamente melhores. Muito disso se deve à boa dupla de pivôs da equipe, formada por Al Jefferson e Paul Millsap. Mas o time de San Antonio tem um elenco mais qualificado e isso fará a diferença nesta série.
Peça-chave do Spurs: Tiago Splitter
Peça-chave do Jazz: Al Jefferson

Olho Neles!

Nada como um mito para brigar de igual para igual com os pivôs do Utah Jazz. Tim Duncan vem fazendo uma temporada fantástica e tem tudo para manter esse ritmo contra o time de Salt Lake City. The Big Fundamental recebeu três dos sete votos da equipe do Spurs Brasil – também foram lembrados Tony Parker, com dois votos, e Kawhi Leonard e Tiago Splitter, com um.

Al Jefferson sofreu com lesões na carreira, mas sempre que jogou se mostrou dominante. Alto e forte, o pivô é importante na defesa e no ataque, onde possui um considerável arsenal de jogadas. Apensas pela segunda vez disputando os playoffs, tem tudo para travar ótimos duelos contra Tim Duncan no garrafão. O pivô recebeu cinco votos do Spurs Brasil, contra dois de Paul Millsap.

Confira o calendário completo da série Spurs vs Jazz:

29/04, domingo, às 14h: Spurs vs Jazz
02/05, quarta-feira, às 20h: Spurs vs Jazz
05/05, sábado, às 23h: Spurs @ Jazz
07/05, segunda-feira, sem horário definido: Spurs @ Jazz
09/05, quarta-feira, sem horário definido: Spurs vs Jazz*
11/05, sexta-feira, sem horário definido: Spurs @ Jazz*
13/05, domingo, sem horário definido: Spurs vs Jazz*

* Se necessário

Anúncios

Sobre Equipe Spurs Brasil

Seu site de notícias sobre o San Antonio Spurs em português. Ativo desde fevereiro de 2008.

Publicado em 28/04/2012, em Análises e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. 10 Comentários.

  1. Alguma noticia sobre o gary neal?

  2. Eu sou torcedor do Hornets, vocês sabem. Mas vou torcer pelo Spurs nesses playoffs. Acho que o Spurs serve de modelo para que o Hornets se torne grande um dia. Portanto, vou torcer pelo time de vocês, que é um baita time. Aposto em um 4 x 1 sobre o Jazz, e acho que a final será entre Spurs e Bulls. Abços e boa sorte!

    • Silas Barboza de Sousa

      Parabéns,Lucas,primeiro torcedor do Hornets que encontro no Brasil,é raridade hein….
      E obrigado por torcer pelo Spurs…pois o pessoal do Suns Brasil,Mavs Brasil,Lakers Brasil e Wolves Brasil..já falaram que nos odeiam e que nos secarão muito….

  3. Silas Barboza de Sousa

    Este time do Spurs merece muito,pois com uma temporada muito consistente e com um elenco de muito profunidade,temos tudo para em Junho estarmos jogando ainda.Jazz não será páreo para este time,será 4×1 sendo pessimista.Temois tudo para ser campeão, e olha que esta não era minha visão no inicío da tempoarada,mas depois das transações do after all star break,nos fortalecemos muito.Fico as vezes pensando como Miami de 2005/2006,Boston 2007/2008 e Lakers 2009/2010,conseguiram ser campeões?Não consigo entender até hoje..nossa equipe hoje varreria sem dó estas equipes….
    E aposto em um cara que é também um ótimo dançarino Patty Mills,este cara terá vida longa nos Spurs..se Pop deixar..pois que qualidade tem este armador..que jogo de cintura..que balanço de qualidade…ele tem um swing que nem Tony Parker com a La Marseillaise(versão tango com Manu..rss) iguala.

  1. Pingback: All that Jazz? | Spurs Brasil

  2. Pingback: Spurs (0) vs Jazz (0) – Primeira rodada dos playoffs | Spurs Brasil

  3. Pingback: Spurs (1) vs Jazz (0) – Nada a temer | Spurs Brasil

  4. Pingback: Spurs (1) vs Jazz (0) – Primeira rodada dos playoffs | Spurs Brasil

  5. Pingback: Equipe do Spurs Brasil faz prévia da série contra o Jazz | Spurs Brasil

  6. Pingback: Equipe do Spurs Brasil faz prévia da série contra o Clippers | Spurs Brasil

Deixe uma resposta para Lucas Ottoni Cancelar resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s