Spurs (48-16) @ Suns (33-32) – Temporada Regular

San Antonio Spurs @ Phoenix Suns – Temporada Regular

Data: 25/04/2012

Horário: 23h30 (Horário de Brasília)

Local: US Airways Center

Apenas cumprindo tabela, o San Antonio Spurs vai até o Arizona enfrentar o time de Steve Nash. Os texanos ainda disputam com o Chicago Bulls quem fica em primeiro lugar no geral. Para o Phoenix Suns, resta tentar a sorte no próximo Draft, já que a equipe está eliminada da pós-temporada. O aniversariante Tim Duncan pode ganhar como presente um dia de descanso no banco do treinador Gregg Popovich.

Confrontos na temporada (3-0)

16/01/2012 – San Antonio Spurs 102 vs Phoenix Suns 91

Com grande partida de Tim Duncan, que anotou 24 pontos e 11 rebotes, e de Tony Parker, com 17 pontos e nove assistências, o Spurs venceu sua nona partida em casa na temporada e se manteve invicto no AT&T Center.

27/03/2012 – San Antonio Spurs 107 @ Phoenix Suns 100

Liderados mais uma vez por Tim Duncan e Tony Parker, o Spurs conseguiu a quinta vitória seguida, a 14ª fora de casa na temporada. Juntos, os dois astros da equipe texana alcançaram a marca de 50 pontos.

14/04/2012 – San Antonio Spurs 105 vs 91 Phoenix Suns

Os texanos atropelaram o Phoenix. Parecia mais um jogo-treino no AT&T Center. Duncan liderou a equipe com 19 pontos e 11 rebotes e jogou apenas até o intervalo.

San Antonio Spurs

PG – Tony Parker/Gary Neal

SG – Danny Green

SF – Kawhi Leonard

PF – DeJuan Blair

C – Tim Duncan/Boris Diaw

Fique de Olho – Com a primeira vaga já garantida, o trio de ferro deve ser poupado. Bom para os reservas, como Gary Neal, que podem mostrar mais do seu jogo. O ala-armador tem médias de 9,9 pontos, 2,1 rebotes e 2,1 assistências por jogo na temporada.

PG – Steve Nash

SG – Shannon Brown

SF – Jared Dudley

PF – Markieff Morris

C – Marcin Gortat

Fique de Olho – Pensando apenas no Draft e na próxima temporada, é hora de dar lugar aos novatos e desenvolver seu jogo. O calouro Markieff Morris tem médias de 7,4 pontos e 4,4 rebotes por noite na temporada.

Anúncios

Sobre koba

Torcedor do San Antonio Spurs desde 1992.

Publicado em 25/04/2012, em Pré-Jogo e marcado como , . Adicione o link aos favoritos. 6 Comentários.

  1. Vai poupar e perder o primeiro lugar geral?

  2. Humberto Júnior

    Ah, sinceramente Amaury essa sua fascinação por regular irrita bastante. Você quer o quê? Que o Pop arrisque como fez ano passado e tivemos um Ginóbili não 100% pros playoffs? Tá louco, mano. Até porque o Heat ainda é favorito pra ganhar o Leste, não o Bulls. Dos nosso 4 títulos, apenas em 2 tivemos melhor campanha geral, nos outros 2 não. E mesmo assim, passamos o rodo na equipe de melhor campanha em 2005, o Suns, e arrancamos pro título. Ano passado tivemos a melhor campanha, mas provamos que não tínhamos time pra ser campeão, o mesmo ocorreu com o próprio Bulls que nem foi um adversário assim tão duro pro Heat. Pare pra pensar nisso um instante. Para desse fascínio com regular, tá virando chatice já.

    • Você pega um ano isolado, um azar que demos ano passado e vai tomar pro resto da vida? Imagina daqui a 15 anos, você ainda vai ficar lembrando que perdemos Ginobili em 2011 por quê não poupamos o time nos jogos finais?

      Estranho seria se colocassemos os titulares pra jogar não tendo nenhum objetivo, aí sim eu acharia loucura. Mas, enquanto houver uma meta a ser alcançada temos que dar o sangue. Aí vamos pra final contra os Bulls e perdemos no jogo 7… aí você vai ficar remoendo: “Será que se o jogo fosse em San Antonio, o resultado seria diferente?”

      Se tivessemos colocado os titulares naquela derrota pro Jazz, por apenas 5 minutos estariamos com o primeiro lugar geral garantido agora. Não seria por causa de menos de 5 minutos em quadra e alguns pontos marcados que alguem iria cair machucado, nem suar a camisa iriam.

      Campeonatos se decidem nos minimos detalhes, basquete assim como futebol é imprevisivel. Quer dizer que no futebol você apoia os times dando o máximo de si pra garantir o segundo e decisivo jogo em casa, mas, no basquete não?

      • Humberto Júnior

        Amigo, de onde você tirou essa história de futebol? Quem falou isso foi você, não eu. Eu não afirmei que apoiava nada, Mãe Dinah. Você agora fala pelos outros? Desculpa, não sabia que tinha esse direito. E mais, sua comparação é totalmente infeliz, primeiramente porque apesar de decidir em casa o último jogo, os dois times jogarão o mesmo número de jogos em sua casa (um), o que não acontece da NBA. Segundo porque, diferente do futebol, uma série de 7 jogos até pela quantidade é muito mais previsível. Dá pra se afirmar várias coisas com uma boa margem de acerto, inclusive o próprio formato/forma do jogo em si propicia isso.
        E outra, não teríamos vencido o Bulls por causa de 5 minutinhos com os titulares, o Jazz nos dominou durante a metade do 2° período. E engraçado como você se contradiz ao afirmar que o campeonato é decidido nos detalhes, mas não atentar pro fato do
        mesmo detalhe de colocar os titulares em campo e uma conseqüente lesão também pode nos desfavorecer. E o risco sempre existe, isso não é pessimismo, é precaução. Sua perseguição nesse sentido com o Pop tá ficando chata já. E reafirmo: Bulls não é
        favorito no Leste, temos o mando contra uma eventual final contra o Heat que é o time a ser batido naquela conferência.

  3. Bruno Pongas

    Uma coisa interessante aí. O jogo do Bulls contra o Pacers acaba antes de começar o jogo do Spurs. Acho que o Popovich escalará o time de acordo com o resultado da partida do Chicago.

  1. Pingback: Cory Joseph está de volta a San Antonio | Spurs Brasil

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s