Arquivo diário: 06/01/2012

Cory Joseph faz estreia discreta em Austin

Joseph está em Austin ganhando experiência

O armador Cory Joseph estreou discretamente na vitória do Austin Toros sobre o Maine Red Claws por 109 a 103. Joseph ficou em quadra por 31 minutos, anotou 11 pontos (2-6), pegou cinco rebotes e roubou duas bolas. O pivô Luke Zeller, que disputou a pré-temporada com o Spurs e que também foi enviado para Austin, fez seis pontos e pegou três rebotes em aproximadamente 18 minutos.

O cestinha da noite foi o também armador Justin Dentmon. O jogador, que é um dos principais pontuadores da D-League, marcou 24 pontos (10-14 FG), coletou quatro rebotes e distribuiu cinco assistências. Como o San Antonio Spurs está sem o argentino Manu Ginobili, machucado, acho que vale a pena observar esse jogador mais de perto.

Anúncios

Ídolo local, T.J. Ford conquista espaço em San Antonio

Tudo ok na vida de T.J. Ford (Foto: site oficial)

Pouca gente falou de T.J. Ford quando ele desembarcou em San Antonio. Após um bom começo de carreira, o armador foi caindo com o passar dos anos e perdeu espaço dentro da liga. Mas T.J. é do Texas, uma espécie de ídolo local, e muito por isso ganhou a chance de jogar com Gregg Popovich.

Aos 28 anos, Ford parece contente com um papel secundário. Ele é reserva do francês Tony Parker e tem média de pouco mais de 16 minutos por jogo. Contra o Golden State Warriors, na quarta-feira (4), o armador foi um dos destaques da equipe com nove pontos e oito assistências.

Na quinta (5), contra o Dallas Mavericks, Ford voltou a se destacar. Os sete pontos e cinco assistências renderam elogios do comandante do Spurs. “T.J. fez uma grande partida”, disse Gregg Popovich ao final do embate. “Ele foi agressivo e energizou os companheiros. Foi um trabalho realmente bom”, completou.

O agora veterano armador sabe que está agradando, mas reconhece que ainda há um longo caminho pela frente. “Vamos ter muitos jogos neste mês e hoje foi um bom teste”, disse ele, em referência à vitória sobre o Mavs por 93 a 71. “Temos que nos preparar para um jogo de correria contra o Nuggets (sábado, 7). Eles têm muitos jovens e muita velocidade. Será uma partida dura, mas ainda temos um dia para descansar e se preparar”, pontuou.

Spurs (5-2) vs Mavericks (3-5) – Spurs atropela o Mavericks

https://i1.wp.com/l.yimg.com/a/i/us/sp/v/nba/teams/20080123/80x60/sas.gif93×71

Na noite desta quinta-feira (5), o San Antonio Spurs não tomou conhecimento do Dallas Mavericks, atual campeão da NBA,  e venceu o rival texano por 93 a 71 no AT&T Center. No total foram 16 bolas de três para o Spurs, feito que garantiu a segunda vitória seguida na temporada regular (na quarta, derrotamos o Golden State Warriors).

Tim Duncan fez outra boa partida!

Desde que o astro Manu Ginobili quebrou a mão, esperava-se uma queda na produtividade do ataque do Spurs. Porém, o que se viu nos último jogos foi um esforço maior da equipe para compensar a falta do argentino. E o primeiro ponto da noite já mostrava como seria o resto da partida. No ataque inicial, Gary Neal arremessou da linha de três pontos e marcou o primeiro de muitos para o seu time. O Spurs não saiu mais da liderança. As bolas de três caíam com facilidade. Foram 11 apenas na primeira metade do jogo. Bonner, Jefferson e Neal fizeram sua parte.

The red rocket strikes again! (AP Photo/Bahram Mark Sobhani)

A defesa também foi muito eficiente no primeiro e segundo quartos. Apenas 29 pontos foram sofridos nesses períodos. Além disso, Dirk Nowitzki conseguiu marcar apenas dois pontos (1-7) até a metade da partida.  O primeiro tempo de jogo acabou em 55 a 29 para o Spurs.

No terceiro quarto o Dallas esboçou uma reação e chegou a baixar a diferença para 12 pontos, mas o Spurs encaixou mais bolas de três e, com uma defesa sólida, manteve a vantagem segura – o penúltimo período acabou em 66 a 42. No último quarto, nenhum titular do San Antonio pisou em quadra. O garbage team garantiu a vitória, sem deixar o Dallas diminuir muito a diferença.

Os comandados de Gregg Popovich voltam à quadra no sábado, novamente em casa. O adversário da vez será o Denver Nuggets. O Mavs, por sua vez, volta para Dallas e encara o New Orleans Hornets, embate que também acontece no sábado.

Destaques da Partida

San Antonio Spurs

Matt Bonner – 17 pontos e seis rebotes

Richard Jefferson – 16 pontos e sete rebotes

Garry Neal – 12 pontos e cinco rebotes

Tony Parker – 11 pontos e oito assistências

Tim Duncan – Dez pontos e cinco rebotes

Dallas Mavericks

Jason Terry – 12 pontos e duas assitências

Delonte West – Dez pontos e três assistências