Gortat elogia Duncan: “É um ícone”

Em entrevista ao site Project Spurs, especializado na equipe texana, o pivô Marcin Gortat, do Phoenix Suns, elogiou o ala-pivô Tim Duncan. De acordo com o jogador polonês, The Big Fundamental é uma referência da NBA, principalmente por conta de seu jogo ofensivo.

“Eu acredito, obviamente, que Tim Duncan é provavelmente neste momento um dos dois melhores jogadores da liga de costas para a cesta, isso se não for o melhor. Ele é um ícone. Um ícone da NBA e acredito que, se um dia ele se aposentar, a liga perderá uma de suas maiores estrelas. Ele é um verdadeiro exemplo. Um cara que venceu campeonatos e uma grande pessoa. Ele joga limpo na quadra”, disse Gortat, que se sentiu honrado em um duelo entre os dois nessa temporada quando, segundo o polonês, Duncan falou com ele pela primeira vez.

O jogador do Suns acredita que, mesmo com a idade avançada, The Big Fundamental continua sendo um dos melhores jogadores da NBA.

“Bem, claro que ele não tem mais 18 anos. Ele não corre e nem pula como costumava fazer, mas ele ainda tem muita experiência e ainda sabe fazer muitas coisas. Como eu disse, ele é um dos melhores”, declarou Gortat, afirmando ainda que gostaria de jogar com Duncan.

Sobre Lucas Pastore

Um dos fundadores do Spurs Brasil. Formado em Jornalismo na Universidade Presbiteriana Mackenzie em 2010, é editor assistente do UOL Esporte. Cobriu o basquete olímpico na Olimpíada de 2016 pelo LANCE!. Trabalhou também para Basketeria e mob36.

Publicado em 03/11/2011, em Notícias. Adicione o link aos favoritos. 8 Comentários.

  1. É um mito. Pena que seu ocaso está chegando. Já fiquei triste vendo o Almirante se aposentar e agora verei também Tim ir pelo mesmo caminho. Agora é torcer para surgir outro a altura desses dois.

  2. Será q o Spurs está na mesma situação do Boston Celtics? Sofre com com a idade dos seus jogadores e com muitas incertezas sobre a renovação do time e se vai da continuidade a série de títulos que está conquistando?

  3. Essa é uma boa pergunta, Pedro. Para isso, temos de esperar para vermos em que nível jogadores como Gary Neal, Kawhi Leonard, Tiago Splitter, DeJuan Blair, James Anderson, Danny Green e Cory Joseph podem chegar

  4. Que o Duncan, não… Duncan chegou como primeira escolha do Draft. Mas Parker e Manu foram apostas e vieram da Europa, assim como Neal e Splitter e outros draftados que ainda jogam no velho continente, como De Colo, Richards, Hanga, Bertans… Parker e Manu também passaram por um período de adaptação antes de começarem a brilhar

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s