Arquivo diário: 18/09/2011

O empate mais desejado do ano

Os playoffs da WNBA começaram na quinta-feira (15/09) e o San Antonio Silver Stars teve sua primeira participação no dia seguinte (16/09), contra o Minnesota Lynx.

Pelo sétimo jogo seguido, o time texano perdeu para essa equipe, mas a partida nem sempre foi favorável ao adversário. O Stars começou ganhando, conseguiu impor vantagem, mas a qualidade do Minnesota as trouxe de volta ao jogo, e mais uma vez decidiram o placar final nos últimos segundos – o resultado final foi 66 a 65.

Hoje (18/09), lá no AT&T Center, o desfecho foi diferente. O time da casa sempre esteve na frente e soube administrar a partida. Com isso, venceu o segundo jogo por 84 a 75. (A diferença só não foi maior porque as jogadoras não se importaram em marcar nos segundos finais, já que não havia chance alguma de as visitantes tomarem a liderança) e empatou a série semifinal em 1 a 1.

Atenção para o quinteto inicial desses dois jogos (os números significam a posição de cada uma em quadra): Danielle Robinson (1), Becky Hammon (2), Jia Perkins (3), Sophia Young (4) e Ruth Riley (5). Coloco em evidência a armadora “DRob”. Primeiro: essa é a sua temporada pioneira como profissional e, em um momento determinante para o time, ela tomou o lugar de Tully Bevilaqua, veterana e uma das melhores defensoras da liga. Segundo: quando o jogo de hoje (18/09) estava prestes a acabar e o Lynx demonstrava uma reação perigosa, quem recebeu a bola na saída de fundo de quadra foi a novata, e essa obrigação é dada normalmente a Becky Hammon. Terceiro: no último jogo da temporada regular (contra Tulsa), ela marcou 37 pontos fora de casa e com isso fez com que o técnico e a equipe confiassem nela.

Danielle Robinson conquistou seu espaço no time, mesmo entre os grandes nomes lá presentes. Foto: D. Clarke Evans/NBAE/Getty Images

Danielle Robinson foi a sexta escolha do Draft dessa temporada. Ela chegou na liga com fama de ser rápida, mas sua velocidade não trazia resultados positivos porque a finalização ainda não estava calibrada. Mas ela está no mesmo time de Becky Hammon e Tully Bevilaqua, além de ter como treinador Dan Hughes e como assistente Vicke Johnson.

Becky Hammon é a melhor no que faz, sendo boa em qualquer fundamento que esteja ao seu alcance. Tully Bevilaqua tem experiência na WNBA e internacional com a seleção australiana. Dan Hughes tem dedo de ouro para calouras (Danielle Adams, por exemplo) e Vickie Johnson usa seu tratamento de choque (quando Becky Hammon entrou no New York Liberty, em 1999, ela e Theresa Weatherspoon batiam na jovem, que sempre se levantava. Isso impressionou a agora integrante da comissão do San Antonio Silver Stars).

Ou seja, Robinson aprende com os melhores, e está mostrando ser uma ótima aprendiz.

Na terça-feira, ainda sem horário definido, o San Antonio Silver Stars viaja para Minneapolis mais uma vez, para o terceiro jogo da série, aquele que vai determinar o último finalista da conferência Oeste, e a armadora primeiranista será colocada à prova naquele que será o jogo mais importante de sua curta carreira até agora.

Danielle Robinson, Becky Hammon, Jia Perkins, Sophia Young e Ruth Riley, o quinteo incial do San Antonio Silver Stars nos playoffs de 2011. Foto: D. Clarke Evans/NBAE/Getty Images

E para finalizar, convido-os a lerem a edição dessa coluna do dia 10 de julho, quando comentei qual seria o quinteto inicial ideal para o Stars. Ele finalmente está sendo usado pelo sábio Dan Hughes.

Tenham uma ótima semana!
Roberta, #GoStarsGo

Anúncios

Fica para a próxima

News by Koba

Neste domingo (18), Tony Parker jogou muito bem, mas foi incapaz de levar a França ao título inédito do Eurobasket – na final, sua equipe acabou perdendo por 98 a 85 para a Espanha. O armador anotou 26 pontos, cinco rebotes e cinco assistências, permanecendo quase o jogo inteiro na quadra. A Espanha, por sua vez tinha Pau Gasol, que fez um double-double, com 17 pontos e dez rebotes; Juan Carlos Navarro, que anotou 27 tentos (12-12 FT); Serge Ibaka, que bloqueou cinco arremessos, e Jose Calderon, que interceptou quatro passes. Marc e Paul Gasol até acertaram uma cesta de três pontos cada.

Medalha de prata para a França

Medalha de prata e vaga olímpica para a França (www.eurobasket2011.com)

O ala-armador Nando De Colo, que tem os seus direitos ligados ao San Antonio Spurs, anotou apenas dois pontos, uma assistência e duas roubadas de bola em 14 minutos.