Arquivo diário: 13/06/2011

Parker diz que não joga sem seguro pela França

https://i1.wp.com/i689.photobucket.com/albums/vv251/peskinha/barras/glauber-noticias.jpg

O alto valor dos seguros a serem pagos pelas federações nacionais pode deixar vários jogadores da NBA fora das competições classificatórias para os Jogos Olímpicos, dentre eles o francês Tony Parker. Com o vencimento do acordo coletivo entre NBA e Associação dos Jogadores da NBA, no dia 30 de junho, o seguro que a FIBA exige que seja pago pelas federações será muito mais caro pela falta de um contrato vigente, pois tem de cobrir todo tipo de lesão que eles possam sofrer durante os torneios.

Segundo reportagem do USA Today, a Federação Francesa de Basquete já descobriu que os seguros para cinco jogadores da NBA, incluindo Parker, Joakim Noah, do Chicago Bulls, e Boris Diaw, do Charlotte Bobcats, deve passar dos U$2,9 milhões para o Eurobasket. As seleções européias têm trabalhado com a FIBA Europa para encontrar um preço mais acessível.

Sem um seguro com preço razoável, Parker disse que não jogará.

“Com otimismo, eles vão achar algo que nos permita jogar, porque obviamente de outra forma será difícil assumir o risco,” disse Parker. “Sem seguro, obviamente o Spurs é minha prioridade”, completou.

Mesmo com as dificuldades com o seguro, Parker disse que espera jogar pela sua seleção.

“Jogar com a equipe nacional é sempre algo que quero fazer,” disse Parker. “Eu nunca estive numa Olimpíada. Em conversas com Manu, eu sei que é uma grande experiência. Com otimismo, podemos nos qualificar”, declarou.