Spurs (2) vs Grizzlies (4) – O fim

https://i0.wp.com/l.yimg.com/a/i/us/sp/v/nba/teams/20080123/80x60/sas.gif91×99https://i0.wp.com/l.yimg.com/a/i/us/sp/v/nba/teams/1/80x60/mem2.gif

O torcedor do San Antonio Spurs esperava um final diferente para a temporada, um final muito diferente desse adeus precoce. A campanha de 61 vitórias na fase regular e a liderança do Oeste deixaram um sabor doce, mas que logo azedou. Cair diante do Memphis Grizzlies, na primeira rodada dos playoffs, estava longe dos planos.

As férias chegaram antes que o planejado (AP Photo)

Mas o que aconteceu na última sexta-feira foi apenas uma morte anunciada desde o jogo 1. Pode-se dizer que o Spurs entrou na partida desta sexta-feira apenas respirando por aparelhos, após ser reanimado por Manu Ginobili e Gary Neal no jogo 5. Ah sim, o placar de ontem? 99 a 91, mas isso é o que menos importa.

O Spurs lutou, é bem verdade. Vendeu caro o revés. Mas fracassou. Depois de entrar muito mal no primeiro quarto e equilibrar a partida no segundo e terceiro períodos, o time texano ainda deu esperanças ao seu torcedor quando buscou a virada e chegou a marcar 80 a 79. Mas foi apenas o último suspiro.

Randolph: O algoz (Photo Andy Lyons/Getty Images)

Zach Randolph, sim, ele mesmo, fez aquilo que poucos podiam imaginar que o ala-pivô seria capaz alguns anos atrás. Talento ele sempre teve, todos sabem, mas o que vimos em quadra foi um verdadeiro líder.

Randolph colocou a bola embaixo do braço e resolveu. Já vinha em uma grande noite, mas coroou a partida com um final impecável, que entrará para a ainda curta história do Grizzlies. Pontuou de todas as formas, com arremessos, ganchos e até contra-ataques. Fez o que quis e como quis, sem se importar com quem estava em seu encalço.

Dessa vez, sem brincadeiras infames, sem tempo para um novo milagre. Sucumbiu um gigante, mas diante de outro gigante, que foi Zach Randolph. Vitória merecida.

Memphis dominou toda a série. Mesmo quando perdeu, foi apenas por um acaso. Parabéns a Lionel Hollins, técnico da equipe. Dizer que deu um nó tático em Gregg Popovich soa como exagero, mas soube, sem dúvida, explorar as deficiências e fraquezas de um adversário teóricamente mais forte.

Ao Spurs, este ainda é um assunto longo e que terá consequências além daquilo que podemos analisar no momento. Ao Spurs, resta levantar a cabeça e já começar a pensar na temporada 2011/2012, provavelmente a última de Tim Duncan.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Tony Parker – 23 pontos

Manu Ginobili – 16 pontos

Tim Duncan – 12 pontos, dez rebotes e três bloqueios

Memphis Grizzlies

Zach Randolph – 31 pontos e 11 rebotes

Marc Gasol – 12 pontos e 13 rebotes

Tony Allen – 11 pontos e quatro roubos de bola

Sobre Victor Moraes

Formado em Jornalismo no ano de 2012 pela Universidade Metodista de São Paulo. Fanático por esportes, sobretudo o basquete, passou pela redação do Diário Lance!, trabalhou na Liga Nacional de Basquete e no extinto Basketeria. Se orgulha de fazer parte da equipe do Spurs Brasil desde a criação em 2007.

Publicado em 30/04/2011, em Resumo de Jogos e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. 18 Comentários.

  1. É, infelizmente o sonho acabou. Pro ano que vem muita coisa deve ser mudada em San Antonio, Dice está se aposentando e precisaremos de um bom pivo, jovem e agressivo, pra entra na rotação dos Big Mans com Splitter e Duncan. R. Jefferson não tem mais clima pra ficar no Texas, precisamos de dois alas pra jogar na 3. Um deles, de preferência, jogador rompedor de forçar, energia. O outro bom marcador e com bom arremesso, se possível. A armação com Parker, Ginobili, Hill e Neal acho que estamos bem, mas talvez um aramador veloz e que priorize as assistências fosse uma boa alternativa pra mudar um jogo.

    Difícil ter de falar na próxima temporada, acreditava bastante nesse time.

  2. Parabéns Grizzilies.
    Agora é preparar para a reformulação, podemos trazer o De Colo, M. Cousin além de trocar RJ…

  3. tem como o T. ariza vir para o Spurs???
    acho ele o ala mais proximo do Bowen

  4. Essa foi foda… ngm esperava.. eu estava mto confiante para esses playoffs.. mas.. o Spurs foi totalmente destruido nessa série.. o Memphis acabou com todas as jogadas que deram certo pro SA na temporada.. e isso nos custou a série..
    Eu acho q agora é hora de remontar a equipe.. Mandar embora RJ.. Talvez o Bonner.. Arrumar uma troca que valha a pena pelo Blair.. Só assim o time se recupera rápido.

  5. k-delmondes

    Renovação de cabeça erguida.

  6. Felipe Borba

    Esses ultimos jogos mostraram que o Spurs precisa mudar algumas coisas,começando com a atitude.Parabéns para os caras do Memphis jogaram muito bem,e vocês aqui do site poderiam fazer um post analisando o que tá errado no time?o que precisa mudar para a proxima temporada? valeu,obrigado

  7. Max Vinicius

    Triste de mais, Se o Grizzlies tivessem Rudy Gay era 4 a 0 sem duvidas.

  8. Se o Rudy gay estivesse nesse time, seria mais facil pro memphis ainda …
    Pow time ta muito velho, o que precisa é renovação ja ..
    Do mais fiquei mto chateado com a performance do spurs nesse playoff.
    Agóra continuarei torcendo contra o lakers pelo menos .. hahaha

    Go Dallas contra o lakerzinho .. \o

  9. Alias pessoal ae do site poderia fazer uma enquete .. quem vai ganhar a nba 10/11?
    ou os confrontos q ficaram ?
    Boston x Miami .. dae sai o campeão na minha opinião .. o que voces acham ?
    hehe’

    • Eu acho que o campeão vai ficar entre Boston,Bulls e Lakers, Thunder e Miami talvez podem brigar….

  10. Vitinho Nunes

    Caramba, nunca tinha ficado tão confiante que o Spurs ia se dar bem nesses playoffs. É possível que o Parker e Ginobili procurem outro time após a saída de Duncan? Espero que não, mas isso me assusta!

    • Gabriel Fonseca

      Esse pode ter sido o último jogo de TD, caso a greve aconteça mesmo na próxima temporada inteira.. )’:

  11. Sinto saudade do Brent Barry, do Robert Hory, do Finley, do Bowen, do Oberto, muita do David Robinson, sentirei mais ainda do Duncan espero que ele ainda jogue e possa ganhar mais um campeonato

  12. Essa série dos Spurs foi uma merda ! Quando eu falava que nós precisavamos de mais um jogador de grande capacidade pra mudar o jogo e ajudar o trio de ferro quando não estava dando tudo certo metero o cassete em mim , agora ficam ai com cara de bosta xingando todo mundo e querendo mudanças com jogadores de peso é engraçado né ! ´Tão vendo eu dizia é muito bom formar jogadores mas pra ser campeão não basta só isso se os Spurs ganharm 4 titulos foi porque misturou grandes jogadores com jogadores formados em casa ! Agora boas férias , já era, perdemos, acabou ! E Tim Duncan muito obrigada por tudo apesar dos pesares vc sempre será The BIG MAN !

  13. O problema do Spurs é simples: O elenco de apoio não sabe jogar playoffs. Brilham na regular e afinam qdo realmente precisa. Que nem o amigo acima disse: Saudades de Barry, Bowen, Horry, Finley, até do Elson.

    Duncan não jogou realmente NADA nessa série, mas quem sou eu pra falar mal dele… ele já fez coisas demais pela equipe, ngm pode criticá-lo por nada em respeito a sua história.

  14. Perdemos e perdemos bem! Parabéns aos Memphis.

    Está na hora da renovação e sinceramente acho que o Pop também deveria ser incuido nesta remodelação.

    Mas não é esta derrota que apaga tudo de bom que foi feito pelo BIG THREE e pelo Pop,eles são uns verdadeiros heróis e ao contrário de outros são uns campeões!!!!

    Mas tudo na vida tem um fim….

    GO SPURS GO!

  1. Pingback: Spurs (4) vs Heat (1) – Somos todos campeões | Spurs Brasil

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s