Arquivo diário: 14/04/2011

Manu é dúvida para a estreia nos playoffs

O argentino Manu Ginobili pode ficar de fora da primeira partida dos playoffs contra o Memphis Grizzlies. O argentino sofreu uma entorse no cotovelo durante a partida de quarta-feira contra o Phoenix Suns. Uma ressonância magnética realizada nesta quinta constatou o pequeno problema.

Caso Ginobili desfalque a equipe, Gregg Popovich tem duas alternativas para iniciar a partida em seu lugar: George Hill ou Gary Neal. O primeiro foi o sexto homem do Spurs ao longo de toda a temporada, enquanto o segundo obtéve destaque através da pontaria afiada nos tiros de três pontos.

O primeiro duelo da série entre San Antonio Spurs e Memphis Grizzlies acontece no domingo, no Texas. O jogo é bem mais cedo que o normal, às 14 horas (horário de Brasília).

Anúncios

Spurs (61-21) @ Suns (40-42) – Sem Manu, sem vitória

Robson Kobayashi - Resumo de Jogo

103×106

Nesta quarta-feira, na última todada da temporada regular, o San Antonio Spurs decidiu ir com força total até Phoenix para enfrentar o Suns. Gregg Popovich escalou Tony Parker, Manu Ginobili, Richard Jefferson, Tim Duncan e Antonio McDyess para quadra, mas o time da casa atuou com vigor. Em um choque com Grant Hill, Manu teve uma entorse no cotovelo direito e deixou a partida logo nos primeiros minutos. O time de Arizona aproveitou a “moleza” e abriu 43 x 27 no primeiro quarto.

No segundo período, os visitantes apertaram a defesa e capricharam no ataque, e a diferença chegou a cair para apenas oito pontos. No retorno dos vestiários, os comandados de Gregg Popovich vieram em busca da vitória, mas o time de Nash batalhou e foi para o último período com 11 tentos de vantagem.

No quarto decisivo, a vitória começou a se desenhar para o time texano, mas os erros nos momentos decisivos foram cruciais e a equipe acabou derrotada. No domingo, o Spurs recebe o Memphis Grizzlies no AT&T Center, pela primeira rodada dos playoffs.

Veja os melhores momentos:

Destaques da Partida

San Antonio Spurs

Tim Duncan – 17 pontos, 12 rebotes e dois bloqueios

Gary Neal – 14 pontos, cinco rebotes e três assistências

Daniel Green – 13 pontos e quatro rebotes

Tiago Splitter – Dois pontos  em 4:15 minutos

Phoenix Suns

Marcin Gortat – 21 pontos e 13 rebotes

Channing Frye – 17 pontos e nove rebotes

Jared Dudley – 17 pontos e oito rebotes