Arquivo diário: 12/01/2011

Spurs (32-6) @ Bucks (14-21) – Temporada Regular

Robson Kobayashi

San Antonio Spurs @ Milwaukee Bucks – Temporada Regular

Data: 12/01/2011

Horário: 23:00 (Horário de Brasília)

Local: Bradley Center

Transmissão: ESPN

Situação do Jogo

Na noite passada, o Spurs varreu o Minnesota Timberwolves, enquanto o Bucks escapou de uma verdadeira gelada. Isso mesmo; nevou tanto em Atlanta que o jogo contra o Hawks teve que ser cancelado. Os donos da casa sofrem com os problemas físicos: Michael Redd está fora indefinidamente; Brandon Jennings, Drew Gooden e Carlos Delfino também estacionaram no estaleiro sem data para retorno. Além deles, Andrew Bogut ficou de fora contra o Nets, no sábado, por conta de uma virose, mas deve voltar para esta partida.

Confrontos na temporada (1-0)

15/12/2010 – San Antonio Spurs 92 vs 90 Bucks

Após sair na frente, os texanos deixaram o Bucks empatar o jogo, mas, liderados por Manu Ginóbili, os texanos conseguiram arrancar mais uma vitória com uma cesta no estouro do cronômetro.

San Antonio Spurs

PG – Tony Parker

SG – Manu Ginóbili

SF – Richard Jefferson

PF – Tim Duncan

C – DeJuan Blair

Fique de olho – O argentino sarou e voltou a atuar bem. Com pouco mais de 29 minutos jogados na noite passada, foi o membro do “big four” que menos permaneceu em quadra.

PG – Keyon Dooling

SG – John Salmons

SF – Corey Maggette

PF – Chris Douglas-Roberts

C – Andrew Bogut

Fique de olho – Se o pivô adversário jogar, pode causar dor de cabeça para o nosso time. Bogut pegou 27 rebotes no confronto contra o Miami Heat. Além disso, lidera a NBA em bloqueios por jogo, sendo sete no último confronto no AT&T Center.

Anúncios

Spurs (32-6) @ Timberwolves (9-30) – Varrida com estilo

107×96

O San Antonio Spurs bateu o Minnesota Timberwolves nesta terça-feira pelo placar de 107 a 96. Foi a 32ª vitória da franquia texana na temporada, e a quarta e última sobre o T-Wolves. Na partida de hoje, Gregg Popovich utilizou mais uma vez seu “quinteto ideal”, formado por Tony Parker, Manu Ginobili, Richard Jefferson, DeJuan Blair e Tim Duncan.

RJ deixa a galera na saudade (Foto: AP)

Dentro de quadra, o Spurs mostrou serviço logo de cara e conseguiu abrir boa vantagem. Ao final do primeiro quarto, o placar apontava 36 a 25 para os visitantes. Um dos melhores momentos da noite aconteceu no terceiro período, quando o T-Wolves, nervoso em quadra, recebeu cinco faltas técnicas consecutivas, duas delas em cima do técnico Kurt Rambis, que foi expulso.

Certeiro, Manu foi mais uma vez o cestinha do Spurs (Foto: AP)

Com amplo domínio, San Antonio soube como administrar a vantagem no período final e deixou o Target Center com mais um belo triunfo na bagagem. Destaco aqui o aproveitamento nos arremessos. O Spurs acertou 46,8% de seus tiros e conseguiu, com uma boa defesa, limitar o adversário a ínfimos 37,8%. No mais, Tony Parker e companhia também dominaram a contenda nas assistências: 28 a 19. TP distribuiu 13 passes certeiros e anotou 12 pontos.

O cestinha texano foi o argentino Manu Ginobili, que, além de 19 pontos, pegou nove rebotes e deu seis assistências. Outros quatro atletas além de Parker e Manu chegaram à casa dos dez tentos: Richard Jefferson (17), Tim Duncan (16), Matt Bonner (16) e George Hill (13). O brasileiro Tiago Splitter entrou apenas no garbage time e nada produziu.

O San Antonio Spurs volta a jogar já nesta quarta-feira. O oponente da vez é o Milwaukee Bucks. Nesta terça, o Bucks jogaria fora de casa contra o Atlanta Hawks, mas o combate foi adiado por conta das nevascas que assolam a cidade.

Curiosidade: Além de varrer o Minnesota Timberwolves na fase regular, San Antonio alcançou seu 16º triunfo consecutivo sobre a franquia de Mineápolis, sem dúvidas um número bastante expressivo.

Destaques da Partida

San Antonio Spurs

Manu Ginobili – 20 pontos, nove rebotes e seis assistências

Richard Jefferson – 17 pontos, cinco rebotes e quatro assistências

Tim Duncan – 16 pontos, oito rebotes, três tocos e duas roubadas

Matt Bonner – 16 pontos e quatro rebotes

George Hill – 13 pontos, quatro rebotes e três assistências

Tony Parker – 12 pontos e 13 assistências

Minnesota Timberwolves

Kevin Love – 20 pontos e 20 rebotes

Luke Ridnour – 18 pontos e nove assistências

Martell Webster – 18 pontos e cinco rebotes

Corey Brewer – 11 pontos