Arquivo diário: 23/12/2010

Spurs United

Spurs United é um belo vídeo criado pelo pessoal do Yahoo Sports sobre o começo de temporada do San Antonio Spurs. Tem depoimentos de Manu Ginobili, Tony Parker, Tim Duncan, Richard Jefferson e até Matt Bonner, para alegria do Lucas Pastore. Brincadeiras à parte, clique aqui para conferir ou assista no player abaixo. Vale muito a pena!

Anúncios

Spurs (25-3) @ Magic (16-12) – Temporada Regular

Robson KobayashiSan Antonio Spurs @ Orlando Magic – Temporada Regular

Data: 23/12/2010

Horário: 23:00 (Horário de Brasília)

Local: Amway Center

Transmissão pela TV: Space

Situação do Jogo

O Spurs tem a melhor campanha da NBA e vai tentar vencer sua 11ª partida consecutiva novamente contra o time de Dwight Howard, só que desta vez o confronto será na terra de Mickey Mouse. Na noite passada, os texanos saíram vitoriosos do AT&T Center em cima do Denver Nuggets. Já o Orlando Magic está em decadência e foi derrotado na terça pela outra equipe do Texas, o Dallas Mavericks. Além disso, a franquia tenta se entrosar com a chegada de Gilbert Arenas, Jason Richardson e Turkoglu, que custou jogadores como Vince Carter, Rashard Lewis, Michael Pietrus e Marcin Gortat.

Confrontos na temporada (1-0)

22/11/2010 – San Antonio Spurs 106 vs. 97 Orlando Magic

Comandados por Manu e Parker, o Spurs levou a melhor no AT&T Center. Aquela partida marcou a 11ª vitória seguida na temporada.

San Antonio Spurs

PG – Tony Parker

SG – Manu Ginóbili

SF – Richard Jefferson

PF – Tim Duncan

C – DeJuan Blair

Fique de olho – Na noite passada, o astro da equipe texana jogou apenas 27 minutos para tentar aplicar o “efeito criptonita” em D12.

PG – Jameer Nelson/Gilbert Arenas

SG – JJ Redick

SF – Jason Richardson

PF – Hidayet Turkoglu

C – D.Howard

Fique de olho – O armador comandou o time do Washington por muitas temporadas, mas agora tenta buscar vaga de titular na equipe de Orlando.

Feliz com o triunfo, Splitter destaca confiança de Popovich

Splitter e Chris Andersen travaram duelo interessante (Foto: AP)

Tiago Splitter ajudou o San Antonio Spurs a conquistar sua décima vitória consecutiva. A vítima da vez foi o Denver Nuggets, que, sem o astro Carmelo Anthony, foi derrotado por 109 a 103. À vontade em quadra, Splitter atuou por pouco mais de 21 minutos, marcou 12 pontos e pegou nove rebotes.

Após a partida, o catarinense falou sobre o grande desempenho e ganhou muitos elogios. “Acho que o Pop (Gregg Popovich) confia em mim para ajudar essa equipe a conquistar vitórias”, opinou. “Todos precisam de tempo. Estou me acostumando ao sistema de jogo, assim como meus companheiros têm se acostumado a mim”, completou.

Manu Ginobili, principal jogador do San Antonio Spurs na temporada e melhor amigo de Splitter fora das quatro linhas, destacou a importância do brasileiro. “Tiago teve uma grande noite. Ele foi importante debaixo da cesta quando nós estávamos meio perdidos. Aposto que ele está feliz; nós também estamos contentes”, disse.

Gregg Popovich seguiu a linha do argentino e destacou o bom trabalho de seu novato. “Ele parecia confortável em quadra e fez um grande serviço, sobretudo nos rebotes”, avaliou.

Pelo lado adversário, outro brasileiro, o pivô Nenê Hilário, foi só elogios. “Ele está aprendendo com o melhor: Tim Duncan”, opinou Nenê. “Ele será bom. Tiago já é bom, apenas precisa de confiança e tempo de quadra”, pontuou.

1º encontro Spurs Brasil

Cinco fãs do San Antonio Spurs compareceram ontem no pub O’Malleys para torcerem juntos pela equipe texana contra o Denver Nuggets. Assim ficou caracterizado o 1º Encontro Spurs Brasil. Estiveram presentes os blogueiros Bruno Pongas, Lucas Pastore e Victor Moraes; André Pastore, que cuida da parte gráfica da página, e nosso convidado Rafael Panda, um dos moderadores da comunidade SAN ANTONIO SPURS-Notícias-BR no Orkut.

Da esquerda para a direita: Lucas Pastore, André Pastore, Rafael Panda, Victor Moraes e Bruno Pongas

Foi bem legal assistir ao jogo só com torcedores do nosso time predileto – particularmente este, que foi bem emocionante. Alguns bêbados do pub, percebendo nosso ânimo, começaram a torcer contra só pra encher o saco… mas qual torcedor do San Antonio Spurs não está acostumado com gente torcendo contra, não é mesmo?

Além disso, o bom humor pautou a nossa torcida, já que sabemos que o Panda não simpatiza com o estilo do Tony Parker, que o Victor acha que o Gary Neal não toma as decisões certas e que, a cada minuto que o Matt Bonner completa em quadra, um pedaço da alma do Lucas morre. Por isso, a cada cesta que um destes atletas fazia, tirávamos um barato do seu respectivo “hater”.

Esperemos que este tenha sido o primeiro de muitos encontros organizados pelo blog, e que cada vez mais fanáticos pelo Spurs possam aparecer para torceremos juntos pelo time.

Spurs (25-3) vs. Nuggets (16-11) – A noite dos novatos

109×103

O San Antonio Spurs conseguiu, nesta quarta-feira, uma grande virada sobre o Denver Nuggets no último período graças às grandes partidas dos novatos Gary Neal e Tiago Splitter, garantindo a melhor campanha da NBA e a décima vitória consecuitva da equipe texana.

Foto por Jerry Lara/Express News

O Spurs iniciou o jogo com o quinteto usual formado por Tony Parker, Manu Ginobili, Richard Jefferson, Tim Duncan e DeJuan Blair. A partida começou dura, com as duas equipes se alternando na liderança. Logo Blair cometeu duas faltas e Splitter entrou em quadra para fazer o duelo brasileiro com Nenê. Mesmo com 11 pontos de Ginobili e oito de Parker, o Nuggets conseguiu fechar o primeiro quarto à frente em 27 a 26.

Foto por AP Photo

O técnico Gregg Popovich deu uma mexida no time para o segundo período com Neal, Chris Quinn e Matt Bonner em quadra, e o San Antonio conseguiu retomar a dianteira no placar. Com nove pontos de Neal, os donos da casa conseguiram ir para o intervalo com pequena vantagem: 59 a 56.

Retornando ao jogo, o Denver alcançou a liderança no placar graças a J.R. Smith, que iniciou a partida no lugar de Carmelo Anthony e marcou 16 pontos no terceiro quarto. O brasileiro Splitter também teve grande desempenho neste período, anotando oito pontos e seis rebotes, mas o Spurs foi para a última parte do jogo com sua maior desvantagem, 80 a 89.

Popovich decidiu mudar sua defesa para zona no último quarto, e essa mudança surtiu efeito rapidamente, limitando o ataque do Nuggets a apenas quatro acertos em 24 arremessos. Embalados por dez pontos de Neal, os donos da casa conseguiram virar a partida numa bola de três pontos de Manu Ginobili e alcançaram a décima vitória consecutiva por 109 a 103.

Destaques da Partida

San Antonio Spurs

Manu Ginóbili – 22 pontos e seis assistências

Gary Neal – 22 pontos e 71,4% (5-7) nos arremessos de três pontos

Richard Jefferson – 16 pontos

Matt Bonner – 13 pontos

Tiago Splitter – 12 pontos, nove rebotes, uma assistência, um roubo de bola, uma falta, dois erros de ataque e 85,7% (6-7) nos arremessos de quadra em 21 minutos

Tony Parker – 11 pontos e nove assistências

Tim Duncan – Nove rebotes

Denver Nuggets

J.R. Smith – 22 pontos e sete rebotes

Ty Lawson – 22 pontos e 66,6% (8-12) nos arremessos de quadra

Chauncey Billups – 20 pontos e sete assistências

Nenê – 13 pontos, cinco rebotes e quatro assistências

Arron Affalo – 12 pontos e dez rebotes