Arquivo diário: 01/12/2010

Spurs (15-2) @ Clippers (3-15) – Temporada Regular

San Antonio Spurs @ Los Angeles Clippers – Temporada Regular

Data: 02/10/2010

Horário: 01:30 (Horário de Brasília)

Local: Staples Center

Situação do Jogo

Depois de vencer ontem o Golden State Warriors, também atuando fora de casa, o San Antonio Spurs entra em quadra novamente na madrugada de quarta para quinta-feira em um sempre desgastante back-to-back – o que aumenta a esperança de vermos Tiago Splitter em quadra. A equipe texana venceu as oito partidas que fez fora de casa até aqui, e, com 15 triunfos em 17 jogos no total, tem hoje a melhor campanha da NBA. Já o Clippers vem de melhora – após vencer apenas uma de suas primeiras 14 partidas, conseguiu dois triunfos nos últimos quatro jogos. Mesmo assim, o time angelino ainda ocupa a última colocação na Conferência Oeste.

Confrontos na temporada (2-0)

01/10/2010 – Spurs 97 @ 88 Clippers

Na estreia de Tiago Splitter, o Spurs conseguiu sua primeira vitória fora de casa na temporada. Tony Parker foi o destaque da equipe texana naquela partida, com 19 pontos, nove assistências e três roubadas de bola.

10/11/2010 – Spurs 107 vs 95 Clippers

Em casa e contra um Clippers desfalcado, o Spurs não teve a menor dificuldade para voltar a vencer o adversário. Manu Ginobili (22 pontos, quatro assistências e quatro rebotes) e Richard Jefferson (22 pontos, 4-6 nos arremessos de três) foram os destaques texanos.

Foto em nba.com

San Antonio Spurs

PG – Tony Parker

SG – Manu Ginobili

SF – Richard Jefferson

PF – DeJuan Blair

C – Tim Duncan

Fique de Olho – Depois de ficar apagado em alguns jogos, o “baixinho” mostrou ontem que tem sim potencial para ser titular do San Antonio Spurs: foram 16 pontos, dez rebotes e duas roubadas de bola na vitória sobre o Golden State Warriors.

Foto em nba.com

PG – Eric Blesdoe

SG – Eric Gordon

SF – Al-Farouq Aminu

PF – Blake Griffin

C – DeAndre Jordan

Fique de Olho – Com Chris Kaman, machucado, provavelmente de fora, toda a responsabilidade do garrafão angelino recai sobre os ombros do novato, que vem fazendo uma temporada impressionante: médias de 20,2 pontos e 10,6 rebotes por jogo, além de uma coleção de enterradas espetaculares.

Spurs (15-2) @ Warriors (8-10) – Triple Duncan!!!

118X98https://i2.wp.com/l.yimg.com/a/i/us/sp/v/nba/teams/1/80x60/gsw2.gif

Com um triple double de Tim Duncan, o San Antonio Spurs bateu o Golden State Warriors, fora de casa, por 118 a 98 e consolidou a liderança da NBA. Os texanos seguem com duas derrotas a menos que os rivais Boston Celtics e Orlando Magic, no Leste, e do Dallas Mavericks, no Oeste.

Duncan mostrou que ainda tem muita lenha para queimar (Foto: Rocky Widner/NBAE via Getty Images)

O Spurs iniciou a partida com a já conhecida formação com Parker, Ginobili, Jefferson, Duncan e Blair. A novidade mesmo ficou por conta da boa atuação deste último, que voltou a repetir o desempenho da última temporada e ganhou mais tempo em quadra, somando 16 pontos e pegando dez rebotes.

Manu foi mais uma vez o cestinha do Spurs (AP Photo)

Mas o grande destaque da noite foi Tim Duncan. O lendário ala-pivô texano anotou 15 pontos, coletou 18 rebotes e distribuiu 11 assistências, alcançando seu sétimo triple double na NBA. O último deles havia acontecido dia 20/05/2008, contra o Los Angeles Lakers.

E Duncan já dava sinais de uma grande partida logo no primeiro quarto. O Spurs superava o adversário por 30 a 26 e Duncan contabilizava oito pontos, quatro rebotes e três assistências.

No segundo e terceiro quartos, o domínio texano aumentou e a vantagem no marcador foi subindo. Ginobili, mais uma vez, estava “endiabrado” e infernizou a defesa adversária infiltrando, cavando faltas e arremessando de longe.

No último período, Tim Duncan sacramentou o triple double com uma assistência para um arremesso de George Hill, restando 6:26 por jogar. A festa estava completa. Com a larga vantagem, ainda houve tempo para ver Tiago Splitter mais alguns minutos em quadra, embora o desempenho do brasileiro não tenha chegado a empolgar.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Tim Duncan – 15 pontos, 18 rebotes e 11 assitências

Manu Ginobili – 27 pontos e seis rebotes

DeJuan Blair – 16 pontos e dez rebotes

Gary neal – 14 pontos

Tiago Splitter – Dois pontos, um rebote e uma assistência em oito minutos

Golden State Warriors

Stephen Curry – 32 pontos e cinco assistências

David Lee – 18 pontos, oito rebotes e cinco assistências

Andris Biedrins – Quatro pontos e 18 rebotes