Arquivo diário: 11/11/2010

Spurs (6-1) vs Clippers (1-8) – Eu já sabia

Robson Kobayashi - Resumo de Jogo

107×95

Em mais uma partida diante do Clippers na temporada, o Spurs começou o jogo com os mesmos titulares das últimas noites: Blair, Duncan, Jefferson, Manu e Parker, afinal em time que está ganhando não se mexe. Já o Clippers, precisou modificar o quinteto, iniciando com Deandre Jordan, Blake Griffin, Ryan Gomes, Rasual Bluter e Eric Bledsoe. Blair abriu o placar da partida anotando dois pontos que logo foram igualados por Griffin. O jogo manteve-se equilibrado, e com uma cesta do perímetro de James Anderson os texanos terminaram o quarto na frente em 24-20.

Manu fez jogadas brilhantes nessa noite (Foto: ESPN)

Os comandados de Greg Popovich voltaram determinados, melhoraram defensivamente e logo abriram uma vantagem de dez pontos. O Clippers adotou a mesma tática e os times foram para o intervalo com o Spurs à frente em 51-44.

Retornamos dos vestiários meio sonolentos, bem “lentos”. Os visitantes logo viraram a partida, mas não por muito tempo. A vantagem retornou aos dígitos duplos e o período terminou em 79-65, com direito a um belíssimo toco do brasileiro Tiago Splitter.

Com a bela vantagem, o Spurs relaxou, até demais, deixando os angelinos diminuírem a vantagem para apenas seis pontos. A vantagem se manteve e Pop achou melhor não arriscar, e Duncan retornou para quadra. O time melhorou e a vantagem voltou para os dígitos duplos e acabamos vencendo mais uma. O Clippers não vence a nossa equipe desde 2006, e a última vitória no Texas foi em 2002.

O Clippers volta pra casa e encara o Detroit Pistons na sexta, enquanto o Spurs recebe o Philadelphia Sixers no sábado.

Destaques da Partida

San Antonio Spurs

Manu Ginóbili – 22 pontos (7-7 FT), quatro rebotes e quatro assistências.

Richard Jefferson – 22 pontos (4-6 3 PT).

Tony Parker – 21 pontos, nove assistências e duas roubadas de bola.

Tiago Splitter – Seis pontos, quatro rebotes e três bloqueios (16min)

Los Angeles Clippers

Rasual Butler – 18 pontos  e cinco rebotes.

Craig Smith – 15 pontos (6-6 FG) e quatro faltas (15min).

Anúncios