Arquivo diário: 21/06/2010

Spurs continua trabalhos pré-draft

De olho no próximo draft, que acontece na quinta-feira, no Madison Square Garden, em Nova York, o San Antonio Spurs continua agendando trabalhos com os prospectos inscritos no recrutamento, a fim de conhecê-los mais de perto. Atualmente, a equipe detém a 20ª e a 49ª escolhas, mas, de acordo com rumores postados por mim e por Bruno Pongas, a franquia estaria interessada em subir na lista.

Alguns novatos que treinaram com o Spurs já foram analisados na série Reconstrução do Spurs, que postei nos quatro últimos sábados. Na parte 2, na qual falei do perímetro, analisei os ala-armadores Dominique Jones, Elliot Williams e Xavier Henry. Na parte 3, que tratava de alas da posição três, foram citados Paul George e Ryan Thompson. E, para finalizar, na parte 4, sobre jogadores de garrafão, postei uma análise sobre o ala-pivô Samardo Samuels. Mas mais atletas já entraram na lista da equipe texana.

Elliot Willlams é um dos favoritos a ser draftado pelo Spurs

Um deles é o combo guard A.J. Slaughter, que pode jogar nas posições 1 e 2. O atleta, oriundo da universidade de Western Kentucky, não está cotado nem para a segunda rodada do próximo draft. De qualquer maneira, Slaughter, que jogou seu terceiro ano universitário na última temporada, teve média de 16 pontos por partida. Tem como ponto forte a precisão de seu arremesso, mas é defensivamente fraco.

Quem também garantiu sua passagem pelo Texas foi outro combo guard, Jeremy Wise, que, curiosamente, não vem da Universidade – já participou da última temporada da D-League pelo Bakersfield Jam, e manteve médias de 16,6 pontos, 5,1 assistências e 3,2 rebotes por partida. Mesmo com o bom desempenho, também não aparece entre os possíveis selecionados no próximo draft.

Dentre os que devem pintar no próximo recrutamento, o destaque é mais um combo guard: Terrico White, da universidade do Mississippi, que deve ser escolhido do meio para o final da primeira rodada. O jogador, que recentemente concluiu seu segundo ano universitário, se destaca pelo atleticismo fora do comum para um prospecto, mas precisa desenvolver sua defesa e a qualidade do seu passe. Na última temporada, manteve média de 15,1 pontos e 4,6 rebotes por partida.

Terminando a lista de prospectos analisados de perto pelo Spurs, está o pivô Josh Lomers, que acaba de terminar seu último ano na universidade de Baylor. O atleta, que também não está cotado para ser selecionado no draft, teve média de 6,6 pontos e 3,7 rebotes por jogo na última temporada.