Arquivo diário: 18/04/2010

Spurs (0) @ Mavericks (1) – Começou mal

94X100

Os playoffs não começaram bem para o San Antonio Spurs. Neste domingo, a equipe de Gregg Popovich não chegou nem perto de conseguir parar o ala-pivô alemão Dirk Nowitzki, e, fora de casa, caiu diante do Dallas Mavericks: 100 a 94 para o rival.

Ao ver Bonner tentando marcar Nowitzki, Galvão diria: "Que que você tá fazendo, meninão? Que lambança!" (Glenn James/NBAE via Getty Images)

George Hill ganhou o duelo contra Tony Parker e começou a partida como titular – o francês saiu do banco de reservas ainda no primeiro quarto. Manu Ginobili, Richard Jefferson, Antonio McDyess e Tim Duncan completaram o quinteto inicial do Spurs. Jason Kidd, Caron Butler, Shawn Marion, Dirk Nowitzki e Eric Dampier alinharam pelo Mavericks.

O Spurs começou bem a partida, com Ginobili armando o ataque da equipe e com McDyess calibrado nos primeiros arremessos de média distância. Porém, aos poucos, o Mavs, comandado por Kidd e Nowitzki, foi assumindo o controle do jogo. Jefferson cometeu sua segunda falta antes do terceiro minuto e teve de sentar, enquanto Duncan começou mal a partida; perdeu três posses de bola somente no primeiro período. Com isso, o time da casa fechou a parcial em vantagem: 23 a 18.

Tim Duncan bem que tentou...

O segundo período começou com Ginobili e o Spurs aniquilando a vantagem construída pelo adversário no quarto inicial. Porém, o time de Dallas melhorou com a entrada de Brendan Haywood (alguém aí sabe explicar por que o Dampier é titular?), e esteve sempre à frente do placar – com o adversário na cola. Foi do meio para o fim da parcial que o time da casa voltou a assumir o controle do jogo, encerrando a primeira metade do jogo com 50 a 45 a favor.

O terceiro quarto começou exatamente da mesma maneira que o segundo: Spurs demolindo a vantagem e equilibrando a partida. Porém, o time visitante, mesmo em seus bons momentos, não conseguia manter a liderança no placar. Nos momentos chave da partida, o Mavs mostrava maior tranquilidade para pontuar. Foi assim no final do terceiro período, quando Pop tentou, sem sucesso, colocar Keith Bogans de ala-pivô para tentar parar Dirk Nowitzki. Neste momento do duelo, os mandantes conseguiram uma corrida interessante e abriram uma vantagem confortável, fechando a parcial vencendo por 76 a 69.

O quarto período começou com o time de Dallas, mesmo com Nowitzki no banco, conseguindo chegar à primeira vantagem de dígitos duplos da partida. Mas, após tempo técnico pedido por Pop, o time visitante conseguiu se acertar, derrubando a diferença para cinco pontos e forçando o treinador adversário a também parar o jogo. A partir daí, só deu Mavs; a equipe, que já era superior, não deu mais chances para o adversário e fechou a partida em 100 a 94.

As duas equipes voltam agora a se enfrentar na quarta, às 22h30, novamente em Dallas. Se o Mavs abrir 2 a 0, a situação vai ficar bastante complicada para Duncan e companhia.

Veja os melhores momentos da partida

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Tim Duncan – 27 pontos e oito rebotes

Manu Ginobili – 26 pontos, seis assistências, quatro rebotes e três roubadas de bola

Tony Parker – 18 pontos, quatro assistências e duas roubadas de bola

Dallas Mavericks

Dirk Nowitzki – 36 pontos (12-14 FG, 12-12 FT) e sete rebotes

Carol Butler – 22 pontos, seis rebotes e três roubadas de bola

Jason Kidd – 13 pontos, 11 assistências, oito rebotes e quatro roubadas de bola

Subindo!

Semana tranquila para o Caja Laboral – equipe espanhola em que joga o pivô brasileiro Tiago Splitter, cujos direitos, na NBA, pertencem ao San Antonio Spurs. O time conseguiu duas vitórias válidas pela Liga ACB – o campeonato espanhol de basquete – e melhorou sua condição na competição. Confira um pequeno resumo da semana da equipe a seguir:

Os jogos

11/04/2010 – Cajasol 65 x 78 Caja Laboral

Atuando fora de casa, o Caja Laboral conseguiu uma importante vitória graças, principalmente, à boa atuação defensiva no último período – tomou apenas oito pontos na parcial, respondendo com 17. O time visitante teve o cestinha do jogo: Mirza Teletovic, que anotou 23 pontos. Tiago Splitter também fez excelente partida – foram 20 pontos e dez rebotes do brasileiro. Do lado do Cajasol, destaque para Dusko Savanovic, com 13 pontos e seis rebotes.

17/04/2010 – Ayuda en Acción Fuenlabrada 80 x 86 Caja Laboral

O Caja Laboral, mais uma vez jogando como visitante, conseguiu vencer de virada mais um importante jogo da Liga ACB. O argentino Rubén Magnano, técnico da Seleção Brasileira de basquete, assistiu à partida e deve ter gostado do que viu, já que Tiago Splitter foi o principal nome do jogo – o brasileiro terminou com 26 pontos e sete rebotes. Marcelinho Huertas também teve boa atuação: 11 pontos, quatro rebotes, três assistências e duas roubadas de bola. Do lado do time da casa, destaque para Gerald Fitch, que marcou 16 pontos.

Situação da equipe

As duas vitórias fizeram com que o Caja Laboral (24-6) ultapassasse o Real Madrid (23-6) e assumisse a segunda colocação da Liga ACB, atrás apenas do Regal FC Barcelona (27-3). A equipe de Splitter volta à quadra pela competição somente no dia 25, em casa, diante do Suzuki Manresa.

Com isso, o De Olho Neles volta apenas na primeira semana de maio para acompanharmos, juntos, as quatro últimas rodadas da fase de classificação da Liga ACB. Não perca!

Spurs (0) @ Mavericks (0) – Primeira rodada dos playoffs

San Antonio Spurs @ Dallas Mavericks – Primeira rodada dos playoffs

Data: 18/04/2010

Horário: 21:00 (Horário de Brasília)

Local: American Airlines Center

Situação do Jogo

Finalmente! Chegou a hora de torcer para o San Antonio Spurs em mais uma série de playoffs. A equipe texana se classificou na sétima colocação da Conferência Oeste, e encara agora o rival local Dallas Mavericks – algoz do time nesta mesma fase na última pós-temporada. Porém, por incrível que pareça, o Spurs – que se classificou em terceiro no ano passado e tinha o mando de quadra – parece chegar mais inteiro para o mata-mata de 2010. Mas vale lembrar que o Dallas Mavericks foi uma das equipes que mais se reforçou desde então, e chega com favoritismo para o confronto.
.

San Antonio Spurs

PG – Tony Parker/George Hill

SG – Manu Ginobili

SF – Richard Jefferson

PF – Tim Duncan

C – Antonio McDyess

Fique de olho – Gregg Popovich ainda não sabe qual será seu armador titular no primeiro duelo contra o Mavericks. Tony Parker pode sair na frente devido à contusão que George Hill sofreu no último jogo da temporada regular – coincidentemente contra a equipe de Dallas. Garrett Temple corre por fora na briga pela vaga.
.

PG – Jason Kidd

SG – Carol Butler

SF – Shawn Marion

PF – Dirk Nowitzki

C – Eric Dampier

Fique de olho – Para muitos, Dirk Nowitzki é considerado o melhor estrangeiro em atividade na NBA. Porém, em seu curriculum, falta um título de NBA para compensar as muitas temporadas de fidelidade ao Mavs. Será que chegou a hora?

20ª escolha do Draft 2010

Quem será o próximo draftado pelo Spurs? (Foto por Jim Gund/Sports Illustrated/Getty Images )

Em um sorteio de desempate que aconteceu na sexta em New York, o Spurs ganhou a 20ª escolha do próximo Draft, que será realizado em junho – seu mais alto posto desde a escolha de Tim Duncan, primeiro em 1997.

.
Os dirigentes da NBA decidiram seis empates para determinar a ordem para o recrutamento desse ano, incluindo um empate de quatro times pelos 19º e 22º lugares , entre Spurs, Boston Celtics, Oklahoma City Thunder e Portland Trail Blazers, que terminaram com uma campanha de 50 vitórias e 32 derrotas. O San Antonio ficou em segundo no desempate, atrás do Celtics e à frente de Thunder e Trail Blazers.
.
Na segunda rodada, o Spurs terá a 49ª escolha.
.
A lista com a sequência de escolha dos times ausentes da primeira rodada ficou assim:
.
15. Chicago (Para Milwaukee) 41-41
16. Charlotte (Para Minnesota via Denver) 44-38
17. Milwaukee (Para Chicago) 46-36
18. Miami 47-35
19. Boston 50-32
20. San Antonio 50-32
21. Oklahoma City 50-32
22. Portland 50-32
23. Utah (Para Minnesota via Philadelphia) 53-29
24. Atlanta 53-29
25. Denver (Para Memphis) 53-29
26. Phoenix (Para Oklahoma City) 54-28
27. Dallas (Para New Jersey) 55-27
28. LA Lakers (Para Memphis) 57-25
29. Orlando 59-23
30. Cleveland (Para Washington) 61-21