Arquivo diário: 28/03/2010

Spurs (44-28) @ Celtics (47-26) – Embalou!

94X73

Na noite deste domingo, o San Antonio Spurs venceu o Boston Celtics fora de casa por 94 a 73, ultrapassou o Oklahoma City Thunder, assumiu a sexta colocação da Conferência Oeste e encerrou uma série de cinco partidas complicadas com três vitórias e duas derrotas.

Em aguardado duelo, Duncan e Garnett foram coadjuvantes (Steve Babineau/NBAE via Getty Images)

Sem surpresas, Gregg Popovich mandou à quadra o mesmo quinteto inicial das últimas partidas: George Hill, Manu Ginobili, Richard Jefferson, Antonio McDyess e Tim Duncan. Porém, no primeiro quarto da partida, a equipe texana teve um pouco de dificuldades para conter o ímpeto do time da casa. Por isso, o Celtics terminou a primeira parcial em vantagem: 23 a 19 para o time de Boston.

Ninguém segura essa fera! (Steve Babineau/NBAE via Getty Images)

No segundo período, a equipe de San Antonio conseguiu reagir. Aos poucos, os comandados de Popovich foram minando a vantagem dos donos da casa no placar e conseguiram descer para os vestiários com um pontinho de vantagem: Spurs 44 a 43. Nesta altura da partida, Manu Ginobili já tinha 16 pontos. Porém, o time visitante tinha dificuldades para combater Paul Pierce e Kevin Garnett, que anotaram dez pontos cada um na primeira metade do embate.

O terceiro quarto foi o grande momento da equipe texana na partida. Comandado por Manu Ginobili – que atuou como armador em grande parte do período – o time preto e prata chegou a abrir 22 a 8 na parcial. O Celtics tentou esboçar uma reação no final do período, mas entraria no quarto derradeiro perdendo por 77 a 60.

Nos minutos finais, as duas equipes erraram bastante e dividiram as ações. Com isso, o Celtics não conseguiu se aproximar no placar e acabou derrotado. Gregg Popovich aproveitou para descansar Tim Duncan – que, mais uma vez, não fez boa partida. O ala-pivô não atuou no último quarto e deve ser poupado também do duelo contra o Nets, nesta segunda-feira, em New Jersey.

Veja os melhores momentos da partida

Destaques da Partida

San Antonio Spurs

Manu Ginobili – 28 pontos, sete assistências e três rebotes

Richard Jefferson – 16 pontos e 11 rebotes

George Hill – 15 pontos, três rebotes, três assistências e três roubadas de bola

Boston Celtics

Paul Pierce – 18 pontos, cinco assistências e três rebotes

Kevin Garnett – 12 pontos e dez rebotes

Finley enfrenta Spurs pela primeira vez de verde e branco

Depois de passar quatro temporadas e meia com o manto preto e prata do San Antonio Spurs, o ala Michael Finley – que se transferiu nesse ano para o Boston Celtics – irá encarar seu ex-time pela primeira vez.

Finley, de 37 anos, pediu para ser dispensado de San Antonio por conta da falta de oportunidades. Em Boston, ele já participou de 11 jogos e vem com média de 5.8 pontos por noite. Além disso, seu aproveitamento nos arremessos é de 55,1%.

Em entrevista ao Boston Herald no começo do mês, o veterano disse ter estranhado a mudança de casa, mas garantiu que foi muito bem recebido. “Achei que ia ser muito mais difícil vir para um time diferente, para uma entidade diferente, mudar de conferência”, disse ele na oportunidade. “Mas esses caras me receberam de braços abertos”, pontuou.

Manu Ginobili, ala do San Antonio Spurs, brincou com a imprensa de San Antonio e disse estar se preparando para um “choque” quando chegar ao TD Banknorth Garden daqui a pouco. “Será estranho vê-lo de verde e branco”, disse. Além disso, o ex-camisa #4 do Spurs agora veste a #40.

Complicou!

Dura semana para o Caja Laboral – equipe espanhola em que joga o pivô brasileiro Tiago Splitter, cujos direitos, na NBA, pertencem ao San Antonio Spurs. Contando com o retorno do brasileiro, a equipe não foi páreo para o seu adversário das quartas de final da Euroliga, e encontra-se agora em situação complicadíssima na competição. Vamos a um pequeno resumo da semana do time basco:

Os jogos

23/03/2010 – CSKA Moscow 86 x 63 Caja Laboral

O retorno de Tiago Splitter não fui suficiente para que o Caja Laboral conseguisse fazer frente ao CSKA jogando na Rússia. Os donos da casa começaram seu atropelamento já no primeiro tempo; no intervalo, a vantagem era de 20 pontos. O pivô brasileiro – que saiu do banco – teve atuação discreta; foram apenas dez pontos e três rebotes. Porém, ele não ficou muito longe de Mirza Teletovic e Fernando San Emeterio, principais pontuadores do time espanhol no jogo com 11 cada um. Do lado russo, destaque para Andrey Voroncevich, que anotou 15 pontos e sete rebotes.

26/03/2010 – CSKA Moscow 83 x 63 Caja Laboral

O time espanhol chegou a abrir 8 a 0 no primeiro quarto, dando a impressão que, dessa vez, a história seria outra. Que nada… mais uma vez, o Caja Laboral foi atropelado pelo CSKA Moscow na Rússia. Tiago Splitter dividiu com Mirza Teletovic a condição de principal pontuador dos bascos no jogo; o brasileiro anotou 11 – todos no primeiro quarto – e ainda contribuiu com quatro rebotes e dois tocos. Do lado russo, destaque para Ramunas Siskauskas, que terminou o jogo com 14 pontos, quatro assistências, três rebotes e três roubadas de bola.

Situação da equipe

Ao deixar o CSKA Moscow abrir 2 a 0 na Euroliga, o Caja Laboral se complicou nas quartas de final da competição, disputadas em séries melhor de cinco. Os espanhois precisam vencer os três próximos embates para se classificarem para o Final Four. O próximo duelo acontece na terça-feira, na Fernando Buesa Arena.

Na Liga ACB – o campeonato espanhol de basquete – o Caja Laboral (20-6) segue sua perseguição ao Regal FC Barcelona (24-2) e ao Real Madrid (21-5). A equipe volta à quadra pela competição logo mais, fora de casa, diante do Blancos de Rueda Valladolid.

Não perca, na semana que vem, o resumo de mais uma semana de Splitter e companhia aqui, no Spurs Brasil!

Spurs (43-28) @ Celtics (47-25) – Temporada Regular

San Antonio Spurs @ Boston Celtics – Temporada Regular

Data: 28/03/2010

Horário: 21:00 (Horário de Brasília)

Local: TD Garden

Situação do Jogo

O San Antonio Spurs visita o Boston Celtics para colocar fim a uma série de pedreiras nas últimas semanas. Depois de perder para o Atlanta Hawks, vencer o Oklahoma City Thunder, ser derrotado pelo Los Angeles Lakers, bater o Cleveland Cavaliers e encarar hoje o Celtics, a equipe texana tem amanhã um duelo teoricamente mais fácil: o New Jersey Nets, equipe de pior campanha nesta temporada da NBA. Tony Parker continua sendo o desfalque do Spurs na partida. Do lado dos mandantes, Marquis Daniels e Kendrick Perkins, se recuperando de contusões, são dúvida.

Série na temporada (0-1)

03/12/2009 – Spurs 83 vs. 90 Celtics

Depois de abrir dez pontos de vantagem no primeiro quarto, o Celtics mostrou experiência para administrar a vantagem e vencer, mesmo jogando no AT%T Center. Kevin Garnett foi o destaque dos visitantes naquela partida, com 20 pontos, sete rebotes, cinco assistências e duas roubadas de bola. Do lado texano, quem fez boa partida foi o novato DeJuan Blair: 18 pontos, 11 rebotes e dois tocos para o ala-pivô.
.

PG – George Hill

SG – Manu Ginobili

SF – Richard Jefferson

PF – Tim Duncan

C –  Antonio McDyess

Fique de olho – Ainda sem renovar o contrato e já na mira do Real Madrid, Ginobili foi o cestinha do Spurs nas últimas duas partidas da equipe, diante de ninguém menos do que Los Angeles Lakers e Cleveland Cavaliers. Alguém tem dúvidas de que ele deveria renovar?
.

PG – Rajon Rondo

SG –Ray Allen

SF – Paul Pierce/Michael Finley

PF – Kevin Garnett

C – Kendrick Perkins/Rasheed Wallace

Fique de olho – Michael Finley pediu para ser dispensado do San Antonio Spurs, pois alegou ter pouco espaço na rotação da equipe. Desde que chegou ao Boston Celtics, atuou em 11 partidas, e obteve médias de 5,8 pontos, 1,7 rebotes e 1,3 assistências em 13,7 minutos por jogo.