Spurs (31-21) @ Pacers (18-35) – Iniciando bem o caminho para os Playoffs

90X87

Com uma noite estelar no retorno de Tony Parker, o San Antonio Spurs conseguiu vencer o Indiana Pacers fora de casa, iniciando bem a segunda parte da temporada regular, rumo aos playoffs.

Parker voltou com tudo! (Foto por Darron Cummings/AP Photo)

O técnico Gregg Popovich resolveu fazer mudanças no time titular, começando com Parker, George Hill, Keith Bogans, Tim Duncan e Matt Bonner. Mas as mudanças não deram certo no início, tendo o Spurs errado nove dos seus 11 primeiros arremessos. Principalmente Duncan estava péssimo no ataque, errando oito de suas nove primeiras tentativas de anotar pontos. Apesar do início ruim e ter acertado apenas 26,7% de seus arremessos, graças a nove pontos de Parker, o San Antonio ainda conseguiu fechar o primeiro quarto em 24 a 28.

Duncan conseguiu mais uma bela marca nos rebotes com 25 (Foto por Ron Hoskins/NBAE via Getty Images)

O Pacers continuou forte no ataque, abrindo o segundo período com 24 a 31. Mas o time texano conseguiu uma ótima recuperação, com algumas cestas de três pontos, fazendo uma corrida de 20 a 4. Com sete pontos de Manu Ginobili, eles conseguiram ir ao intervalo vencendo por 51 a 45.

Retornando do intervalo, o San Antonio continuou o bom rendimento no ataque do final do primeiro tempo, mas após a primeira metade do quarto permitiu que o Indiana conseguisse uma corrida de 2 a 13. O Spurs ainda fechou à frente o terceiro período em 69 a 67.

No quarto decisivo, as duas equipes batalhavam pela dianteira no placar, trocando seis vezes de liderança até metade do período. Com uma cesta de três pontos de Ricahrd Jefferson faltando três minutos para o fim da partida, o Spurs assumiu a liderança, segurando-a até o final e  fechando o jogo em 90 a 87.

Agora o San Antonio volta a jogar na quinta, enfrentando o Philadelphia 76ers ainda fora de casa.

Veja os melhores momentos da partida

Destaques da Partida

San Antonio Spurs

Tony Parker – 28 pontos

Manu Ginobili – 18 pontos, sete assistências e seis rebotes

Richard Jefferson – 13 pontos e seis rebotes

Tim Duncan – 26 rebotes e 11 rebotes ofensivos

Indiana Pacers

Danny Granger – 23 pontos e oito rebotes

Roy Hibbert – 14 pontos e seis bloqueios

T.J. Ford – 14 pontos

Troy Murphy – 16 rebotes

Earl Watson – três roubos de bola

Sobre Glauber da Rocha

Estudante de Direito e torcedor do San Antonio Spurs desde 2007

Publicado em 18/02/2010, em Resumo de Jogos. Adicione o link aos favoritos. 2 Comentários.

  1. Tá certo q pegou 26 rebotes, mas TD jogou praticamente sozinho no garrafão o jogo inteiro, e seu FG foi horrível 4-23!!! E o Spurs não jogou mto bem, é que o Pacers chora de ruim…

  2. malz discorda de vc Glubão, mas acho que o Spurs jogo mal, teve um péssimo aproveitamento nos arremessos de quadra (liderados pelo TD no quesito) mas foi guerreiro e conseguiu essa vitória, por um momento achei que fossem perder igual com o Blazers, mas Ginobili foi decisivo no final.

    De bom, foi ver todas nossas estrelas brilhando no mesmo jogo, Tony Parker carregando a pontuação, RJ com uma enterrada linda e imporante cesta de 3 no final, Ginobili sangue frio no final da partida tambem, e TD destruindo nos rebotes mais um vez…

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.