Arquivo diário: 03/01/2010

Manu doente

O ala-armador do San Antonio Spurs, o argentino Manu Ginobili, jogou contra o Washington Wizards lutando contra uma forte gripe, que o manteve acordado na noite anterior à partida e afetou sua respiração.

Com a voz um pouco abaixo do normal por causa da congestão na garganta, Ginobili disse que sentiu um pouco de fadiga durante a vitória do Spurs, mas não o sufuciente para fazê-lo considerar não participar do jogo.

“Minha garganta, meu nariz”, disse Ginobili no início da entrevista após a partida. “Eu não consigo respirar. Você deveria provavelmente ficar longe de mim”, disse o argentino em tom de brincadeira a um dos repórteres.

“Eu estava um pouco cansado. Meus músculos estão doloridos e eu tive dor de cabeça, mas isso não foi suficiente para me tirar de quadra”, finalizou.

Anúncios

Spurs (20-11) @ Raptors (16-18) – Temporada regular

San Antonio Spurs @ Toronto Raptors – Temporada Regular

Data: 03/01/2010

Horário: 21:00 (Horário de Brasília)

Local: Air Canada Centre

Situação do Jogo

Com a vitória de ontem diante do Washington Wizards, o San Antonio Spurs alcançou sua melhor sequência da temporada com cinco vitórias consecutivas. Além disso, a equipe do Texas já ocupa o terceiro lugar na Conferência Oeste e está na cola do rival Dallas Mavericks, que vem com campanha de 23 vitórias e dez derrotas. O Raptors, por sua vez, é o sexto colocado no Leste com 16 vitórias e 18 derrotas.

Confrontos na temporada (1-0)

09/11/2009 – San Antonio Spurs 131 vs. 124 Toronto Raptors

Na época San Antonio vinha com uma campanha de 50% de aproveitamento. Manu Ginobili comandou o show com 36 pontos, quatro rebotes e oito assistências e os texanos saíram de casa vitoriosos.

PG – Tony Parker

SG – Keith Bogans/Roger Mason Jr

SF – Richard Jefferson

PF – Tim Duncan

C – DeJuan Blair

Fique de Olho – Depois que Michael Finley se lesionou, Roger Mason passou a ter mais oportunidades com Gregg Popovich e agora é o principal reserva da equipe junto com o argentino Manu Ginobili. Ontem, diante do Washington Wizards, foram 20 pontos e quatro bolas de três pontos convertidas em quatro tentadas.

PG – Jarrett Jack

SG – DeMar DeRozan

SF – Hedo Turkoglu

PF – Chris Bosh

C – Andrea Bargnani

Fique de Olho – Chris Bosh é o cara de Toronto já há algum tempo. Ele, inclusive, está prestes a se tornar o maior cestinha de todos os tempos com a camisa da equipe. Nessa temporada, ele vem com médias de 23.8 pontos e 11.2 rebotes.

Segundo lugar!

O ano começa com boas notícias para os torcedores do Caja Laboral, equipe espanhola em que joga o pivô brasileiro Tiago Splitter – cujos direitos, na NBA, pertencem ao San Antonio Spurs. Na última semana de 2009, o time basco venceu seus compromissos válidos pela Liga ACB – o campeonato espanhol de basquete – e manteve sua situação bem encaminhada. Vamos a um pequeno resumo da semana de Splitter e companhia:

Os jogos

27/12/2009 – Caja Laboral 73 x 66 Cajasol

Jogando em casa, o Caja Laboral enfrentou um adversário sólido, mas apresentou maturidade na segunda metade da partida para sair da quadra com a vitória. Mirza Teletovic foi o grande destaque do jogo; foram 26 pontos, cinco rebotes e dois tocos. Tiago Splitter teve atuação regular; 11 pontos, cinco rebotes e três assistências para o brasileiro. Do lado dos visitantes, destaque para Earl Calloway, com 16 pontos e duas roubadas de bola.

30/12/2009 – C.B. Granada 79 x 85 Caja Laboral

Mais uma boa vitória em mais uma difícil partida para o Caja Laboral, que dessa vez atuou como visitante. A equipe contou com uma corrida importante no terceiro quarto – vencido por 27 a 17 – para construir o resultado. Splitter foi o destaque de sua equipe; foram 21 pontos, 11 rebotes e dois tocos para o brasileiro. Pelo C.B. Granada, boa partida de Joe Ingles, com 26 pontos, quatro rebotes e dois tocos.

Situação da Equipe

As vitórias na Liga ACB fizeram o Caja Laboral (12-3) ultrapassar o Real Madrid (11-4) e ficar atrás apenas do Regal FC Barcelona (14-1) na classificação geral da competição. A equipe volta à quadra pelo torneio logo mais, fora de casa, contra o Lagun Aro GBC.

Na Euroliga, o Caja Laboral (6-2), que está na liderança do Grupo C graças aos critérios de desempate, já que tem a mesma campanha do CSKA Moscou, recebe o Marussi BC na próxima quarta-feira.

Não perca, domingo que vem, o resumo de mais uma semana do Caja Laboral aqui, no Spurs Brasil!

Spurs (20-11) @ Wizards (10-21) – Vitória suada

Robson Kobayashi - Resumo de Jogo

97X86

Todos esperavam um jogo fácil, mas o Wizards foi ‘osso duro de roer’.

Começamos o jogo com RJ24 e Duncan pontuando para o Spurs, chegamos a abrir 13-6 no placar. Quando Arenas anotou os seus primeiros dois pontos, Duncan já tinha seis pontos. O período terminou em 30-24 para os texanos.

Gilbert Arenas lamenta derrota em casa... (Foto por Ned Dishman/NBAE via Getty Images)

No segundo quarto, o time da capital fechou o garrafão, Mason aproveitou para fazer cestas de três pontos, foram três no período, apesar disso, o Wizards empatou o jogo e os times foram para os vestiários com 50 pontos cada.

Roger Mason conseguiu achar espaços para pontuar

Após o intervalo, cada time retornou com seus titulares. O Spurs chegou a tomar a frente, mas o Wizards não deu moleza, com uma cesta de Arenas, o jogo ficou empatado em 66-66. O time da capital chegou a abrir  uma pequena vantagem, mas o período terminou em 70-71.

Manu começou anotando dois pontos no período final, virando o placar a favor dos visitantes. Oberto conseguiu cavar duas faltas, uma em cima de Ginóbili e outra em cima de McDyess, mas o placar continuou a nosso favor. Faltando pouco mais de 4min, Bogans mandou uma bola de três pontos e só então a vitória começou a ser desenhada para os visitantes.

O Wizards  descansa um pouco e só enfrenta o Sixers no dia 5. Já o Spurs enfrenta o Raptors na próxima noite.

Veja os melhores momentos da partida


Destaques da Partida

San Antonio Spurs

Tim Duncan – 23 pontos, sete rebotes e três assistências

Roger Mason – 20 pontos (4-4 3pts)

Tony Parker – 12 pontos e sete assistências

Washington Wizards

Caron Blutler – 24 pontos e seis rebotes

Gilbert Arenas – 23 pontos e oito assistências

Antawn Jamison – 17 pontos e nove rebotes