Arquivo diário: 11/12/2009

Spurs é eleito time da década nos esportes americanos

A revista Forbes elegeu o San Antonio Spurs como o time da década entre todos os esportes americanos. Foram consideradas na pesquisa equipes da NBA, da NFL, da NHL e da MLB. Da liga norte-americana de basquete, apenas três times figuraram na lista; além do Spurs, Dallas Mavericks, que ficou em terceiro, e Los Angeles Lakers, em sétimo.

Confira a lista completa

1º San Antonio Spurs (NBA)

2º Detroit Red Wings (NHL)

3º Dallas Mavericks (NBA)

4º Indianapolis Colts (NFL)

5º New England Patriots (NFL)

6º New York Yankees (MLB)

7º Los Angeles Lakers (NBA)

8º New Jersey Devils (NHL)

9º Philadelphia Eagles (NFL)

10º Boston Red Sox (MLB)

Anúncios

Spurs (10-9) vs. Bobcats (9-11) – Temporada Regular

San Antonio Spurs vs Charlotte Bobcats – Temporada Regular

Data: 11/12/2009

Horário: 23:30 (Horário de Brasília)

Local: AT&T Center

Situação do Jogo

Depois de perder três partidas seguidas, o San Antonio Spurs voltou a vencer na última quarta-feira, quando bateu, em casa, o frágil Sacramento Kings pelo placar de 118 a 106. Hoje, em mais uma partida no AT&T Center, contra mais um adversário de nível inferior, a equipe texana tem a oportunidade de conseguir mais uma vitória para seguir brigando pelo oitavo lugar da Conferência Oeste. O veterano ala-armador Michael Finley será o desfalque do Spurs na noite de hoje.
.

San Antonio Spurs

PG – Tony Parker

SG – Keith Bogans

SF – Richard Jefferson

PF – Tim Duncan

C –  Antonio McDyess

Fique de olho – Contra o Sacramento Kings, Richard Jefferson fez um de seus raros bons jogos desde que estreou com a camisa do San Antonio Spurs – foram 28 pontos e oito rebotes para o ala. Hoje, contra outra equipe fraca, chance para emplacar uma sequência. O camisa 24 vem com médias de 13,4 pontos, 4,5 rebotes e 2,7 assistências em 33,5 minutos por jogo.
.

PG – Raymond Felton

SG – Stephen Jackson

SF – Gerald Wallace

PF – Boris Diaw

C –  Tyson Chandler

Fique de olho – A quantidade de rebotes que Gerald Wallace vem pegando por jogo é impressionante; a marca de 12,3 por partida é elevadíssima para um atleta que, a princípio, nem joga no garrafão. Vamos ver se hoje, diante de bons reboteiros – como DeJuan Blair e Tim Duncan – Wallace consegue manter a média.