Arquivo diário: 04/12/2009

Spurs (9-7) vs. Celtics (15-4) – Blair volta a brilhar, mas Spurs cai diante do Celtics

https://i1.wp.com/i689.photobucket.com/albums/vv251/peskinha/barras/leo-resumo.jpg

83X90

O San Antonio Spurs recebeu na última quinta-feira o Boston Celtics, no AT&T Center, e amargou mais uma derrota na temporada regular. Jogando muito mal no primeiro tempo da partida, especialmente no período inicial, a equipe foi presa fácil para os visitantes, que contaram com o ala-pivô Kevin Garnett em grande forma.

DeJuan Blair mostrou todo o seu potencial ao atormentar a defesa do Celtics (Foto: Getty Images)

A partida começou com o Spurs completamente perdido em quadra. Sem nenhum padrão defensivo, a equipe foi facilmente dominada pelo adversário, que abriu vantagem de dez pontos – que acabaria sendo decisiva – logo nos primeiros 12 minutos. Os erros de ataque constantes e a péssima pontaria foram os principais fatores que levaram o time à derrocada neste quarto.

Para o segundo período, a franquia comandada por Gregg Popovich voltou melhor, com mais organização dentro de quadra. Sinal disso foi o equilíbrio imposto e refletido no placar. O marcador, no entanto, não deixou de anotar ampla vantagem para o Celtics. Os visitantes, apesar da melhora do Spurs, continuavam com o bom jogo coletivo que lhes rendeu os dez pontos de dianteira no primeiro quarto. Na ida ao intervalo, o placar marcava 47 a 39.

Garnett foi dominante e anotou 20 pontos (Foto: Getty Images)

Mais tranquilo pela larga dianteira conquistada ainda no começo da partida, o Celtics trabalhava melhor a bola e não deixava o Spurs esboçar qualquer tipo de reação – pelo contrário. Tendo como principais destaques os alas-pivô Tim Duncan e DeJuan Blair – que voltou a anotar um double-double –, a franquia do Texas deixou o adversário abrir ainda mais a vantagem, que foi parar na casa dos 11 pontos ao final do terceiro período.

Com a partida praticamente definida, coube ao Celtics relaxar em quadra. Tal relaxamento permitiu ao Spurs, por sua vez, esboçar uma fraca tentativa de reação. Sempre nas mãos de Blair, Duncan e, em algumas oportunidades, do armador Tony Parker, o time texano conseguiu diminuir para sete pontos a vantagem – nada que ameaçasse a vitória do adversário.

Esta foi a sétima derrota do Spurs na temporada. A equipe tem também nove vitórias e, com este recorde, figura na oitava colocação da conferência Oeste e na terceira posição da divisão Sudoeste, atrás de Dallas Mavericks e Houston Rockets, respectivamente.

Veja os os melhores momentos da partida

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Tim Duncan – 16 pontos e 15 rebotes

DeJuan Blair – 18 pontos, 11 rebotes e 9-11 nos arremessos de quadra

Tony Parker – 17 pontos, sete assistências e dois erros de ataque

Boston Celtics

Kevin Garnett – 20 pontos, sete rebotes e cinco assistências

Rajon Rondo – 12 pontos e 12 rebotes

Ray Allen – 15 pontos, quatro rebotes e três assistências