Arquivo diário: 20/06/2009

Brasil completo? Sei…

Nenê e Anderson Varejão dificilmente irão jogar a Copa América. Não estou entre os otimistas torcedores que acham que o primeiro fará força para se preparar a tempo, após lesão no braço, e irá brigar com sua franquia para defender as nossas cores, e nem acho que o segundo passará por cima dos seus problemas contratuais para atuar pelo Brasil.

Desse modo, um garrafão que deveria ser um dos mais fortes do mundo deverá alinhar com Tiago Splitter e mais alguém. J. P. Batista, Baby e Murilo devem ser os principais candidatos à vaga. Não que eu concorde com isso, mas os três vêm sendo presença certa nas convocações de Moncho Monsalve desde que ele assumiu a seleção.

O perímetro deve ficar um pouco mais próximo do ideal. Marcelinho Huertas, e – a princípio – Leandrinho devem formar a dupla de guards que, ao meu ver, é a melhor possível para a seleção. O problema é a carência na ala. Guilherme Giovanoni? Tavernari? Marquinhos? Forçar um pouco a barra e colocar Alex ou Marcus por ali?

Nenhuma das anteriores deve ser a resposta. Mais uma vez, Marcelinho Machado surge como grande favorito à vaga. O ala passa por bom momento na NLB, e é homem de confiança de Moncho, pois os dois já trabalharam juntos no basquete europeu. Uma pena, pois não sou grande fã do basquete individualista e, no meu ver, de estilo ultrapassado do flamenguista.

Huertas, Leandrinho, Marcelinho, J. P. e Splitter não formam a seleção dos sonhos do torcedor brasileiro. Não formam a minha, pelo menos. Em um grupo com Argentina e a nova força, a República Dominicana, o Brasil pode sofrer pra se classificar. Mas deve pssar adiante. Deve, inclusive, chegar ao mundial. Só veremos com que força.

Splitter é vice-campeão espanhol

77@90

Não deu para o TAU Cerámica. A equipe em que joga o brasileiro Tiago Splitter – que tem vínculo com o San Antonio Spurs na NBA – perdeu a quarta partida da final contra o Regal FC Barcelona e, com o placar de 3×1 contra, acabou sagrando-se vice-campeã da Liga ACB, o campeonato espanhol de basquete.

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

No começo da partida, o Regal FC Barcelona abriu boa vantagem no placar. O técnico do TAU Cerámica, Dusko Ivanovic, conseguiu corrigir as principais falhas da equipe e equilibrar o jogo. Porém, o Barça manteve seu basquete consistente e não deu chances para a reação do adversário.

O TAU Cerámica ainda teve o cestinha da partida; Igor Rakocevic, que fez 20 pontos e ainda distribuiu cinco assistências. Splitter também foi bem; foram 15 pontos e oito rebotes para o brasileiro. Pelo Barcelona, destaque para J. C. Navarro, que fez 19 pontos e deu nove assistências. Ele ainda foi eleito o MVP e o jogador mais solidário das finais.

Rakocevic (esq.) e Splitter (centro) foram destaques do TAU Cerámica no jogo. Fonte: baskonia.com

Rakocevic (centro) e Splitter (esq.) foram destaques do TAU Cerámica no jogo. Fonte: baskonia.com

Destaques da partida

TAU Cerámica

Igor Rakocevic – 20 pontos e cinco assistências

Tiago Splitter – 15 pontos e oito rebotes

Pablo Prigioni – 13 pontos e seis rebotes

San Emeterio – 11 pontos e cinco rebotes

Regal FC Barcelona

J. C. Navarro – 19 pontos e nove assistências

David Andersen – 18 pontos, quatro rebotes e três assistências

Fran Vásquez – 18 pontos e três rebotes

Gianluca Basile – 17 pontos, quatro rebotes e três assistências

Nós, da equipe Spurs Brasil, deixamos nossos parabéns tanto para o Regal FC Barcelona, os campeões da Liga ACB, quanto pelo TAU Cerámica, pela excelente campanha da equipe. Antes de entrar de férias, a coluna De Olho Neles ainda traz amanhã um balanço da temporada de Splitter. Não perca!