Arquivo diário: 06/06/2009

A maldição de 2002-03

Gregg Popovich é um técnico polêmico. Amado por uns, odiados por outros, muito em função do estilo de jogo que impôs ao San Antonio Spurs. Desde sua chegada à franquia texana, foram quatro títulos, todos conquistados, também, pela não mais carismática figura de Tim Duncan.

Nem mesmo entre os torcedores da franquita texana Popovich é unanimidade. Opções por jogadores como Jacquie Vaughn, Matt Bonner e Fabrício Oberto muitas vezes deixam o fã da equipe com a pulga atrás da orelha.

Eu estou entre aqueles que acham que Popovich e Duncan têm que assinar um contrato vitalício com a equipe e ganhar um busto em San Antonio após sua aposentadoria. Eles transformaram um coadjuvante em uma respeitada equipe; muito do ódio dos outros torcedores vem daí.

O técnico em questão foi o último Coach of the Year a sagrar-se campeão da NBA, na temporada 2002-03. Curiosamente, o MVP daquela época, Tim Duncan, também foi o último a levantar o caneco.  Nessa temporada, por exemplo, o Cleveland Cavaliers de Mike Brown e LeBron James já ficou pelo caminho.

Para a próxima temporada, a competência de Popovich para remontar essa equipe, passando pelo próximo draft, e a experiência e eficiência de Tim Duncan são o ponto de partida para a equipe voltar ao topo. Vamos ver se os dois têm capacidade de voltarem a vencer os prêmios de COY e MVP e nos darem o penta campeonato.

Decisão será hoje!

82@102

A equipe do TAU Cerámica, onde joga o pivô brasileiro Tiago Splitter, cujos direitos, na NBA, pertencem ao San Antonio Spurs, perdeu na última quinta feira a primeira chance que teve para chegar às finais da Liga ACB, o campeonato espanhol de basquete. Jogando a segunda partida da série semifinal contra o Real Madrid fora de casa, o TAU Cerámica não foi páreo para o adversário e sucumbiu após um péssimo terceiro quarto.

Vamos ter que decidir em casa, pessoal! Fonte: baskonia.com

"Vamos ter que decidir em casa, pessoal!" Fonte: baskonia.com

No primeiro tempo da partida, os madrilenhos já mostraram a que vieram, mas a equipe de Splitter ainda conseguia manter-se na partida. Porém, a diferença de 16 pontos em favor dos mandantes conseguida no terceiro período acabou com qualquer chance do TAU Cerámica de classificar-se de maneira antecipada para as finais.

De boa notícia para o TAU Cerámica, ficou apenas a grande atuação do reserva Sergi Vidal, cestinha da partida, que marcou 21 pontos, pegou quatro rebotes e roubou três bolas. Tiago Splitter não conseguiu jogar uma boa partida; foram apenas nove pontos e dois rebotes do brasileiro. Pelo lado do Real Madrid, destaque para Felipe Reyes, com 18 pontos, quatro rebotes e três roubadas.

Destaques da partida

TAU Cerámica

Sergi Vidal – 21 pontos, quatro rebotes e três roubadas

Real Madrid

Felipe Reyes – 18 pontos, quatro rebotes e três roubadas

Louis Bullock – 16 pontos, quatro assistências

Sergio Llull – 14 pontos

Alex Mumbrú – 11 pontos, oito rebotes, quatro assistências e duas roubadas

Agora, o TAU Cerámica recebe o Real Madrid, ainda hoje. O vencedor da partida irá se classificar para as finais da Liga ACB. Não perca, amanhã, aqui, no Spurs Brasil, tudo sobre a importantíssima partida!