Rasheed Wallace pode estar de chegada

brunonoticiaspa313

Muitas vezes taxado de jogador problema, Rasheed Wallace fez bom trabalho por onde passou. No início de carreira, no Portland Trail Blazers – depois da passagem de um ano pela equipe do Washington Wizards – o ala-pivô, mesmo perseguido pelo eterno problema com as faltas técnicas, agradou e montou um grande pilar ao lado do ídolo lituano Arvydas Sabonis. Depois disso, uma curta passagem pelo Atlanta Hawks (curta mesmo!). Wallace participou de apenas um jogo em Atlanta, que foi suficiente para deixar sua marca por lá; 20 pontos e seis rebotes na oportunidade.

Mesmo com temperamento difícil, Sheed (.esq) melhorou com o tempo e hoje em dia anda mais tranquilo

Mesmo com temperamento difícil, Sheed (esq.) melhorou com o tempo e hoje em dia anda mais tranquilo

Insatisfeito em Atlanta, o atleta de temperamento forte acabou indo parar em Detroit. No Pistons, Rasheed viveu sua melhor época na carreira. Ajudou sua equipe a vencer o título de 2004 em cima do badalado Los Angeles Lakers – que na época contava com Karl Malone e Gary Payton ávidos por um anel. No ano seguinte, Wallace ajudou o Pistons a chegar numa nova final; nessa oportunidade, no entanto, derrota no emocionante jogo sete diante do San Antonio Spurs.

Só que as vezes é difícil escapar de uma encrenca

Só que as vezes é difícil escapar de uma encrenca

Falando em Spurs, rumores que colocavam o veterano ala-pivô em San Antonio no meio dessa temporada voltaram à tona com a saída da equipe dos playoffs. É dito nos bastidores que R.C Buford, gerente geral do time, fará uma proposta ao jogador dentro da mid-level exception – regra na NBA que permite que equipes com salários acima do salary cap possam contratar agentes livres. Como Rasheed Wallace se torna free agent nessa proxima temporada, é bem provável que ele venha a se juntar ao elenco texano no ano que vem.

Ao meu ver, Sheed, como é conhecido o já veterano jogador, cairia como uma luva em San Antonio. Gregg Popovich precisa mais do que nunca de um jogador de confiança que possa aliviar os minutos de Tim Duncan e chamar a responsabilidade quando preciso. Matt Bonner provou no final da temporada que ainda é incapacitado para assumir tal papel (e nem nunca será). Drew Gooden pouco agradou nos jogos em que atuou, e dificilmente conseguirá uma vaguinha pro ano que vem. Tiago Splitter é outro que tem chances reduzidas de desembarcar no Texas em 2009-2010. Ou seja, Rasheed Wallace pode ser aquele jogador que estava faltando em San Antonio; o próprio jogador havia declarado que adoraria jogar ao lado de Tim Duncan, que para ele é um dos melhores jogadores da história da NBA. É esperar para ver.

Anúncios

Sobre Bruno Pongas

Acompanha o San Antonio Spurs desde 1998, já escreveu para o Spurs Brasil de 2008 a 2012, criou o Destino Riverwalk e agora volta à velha casa para dar seus pitacos sobre o San Antonio Spurs.

Publicado em 29/04/2009, em Notícias. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s