Arquivo diário: 20/02/2009

Interativo – Spurs @ Pistons – Temporada Regular

Melhores Momentos de Spurs @ Pistons – 19/02/2009


Top 5 da Rodada de 19/02/2009


Spurs (36-17) @ Pistons (27-26) – Sem Ginobili, Spurs volta a vencer na rodeo trip

83X79

Mesmo desfalcado do argentino Manu Ginobili, o San Antonio Spurs conseguiu derrotar o Detroit Pistons mesmo jogando fora de casa, no Palace of Auburn Hills. A vitória marcou a quebra de uma sequência negativa de três derrotas para o Spurs. Já para o Pistons, a derrota foi a quinta de forma consecutiva.

Mesmo bem marcado, Allen Iverson conseguiu um de seus melhores desempenhos da temporada (Fonte: yahoo.com)

Mesmo bem marcado, Allen Iverson conseguiu um de seus melhores desempenhos da temporada (Fonte: yahoo.com)

Como sempre Duncan jogou bem, conseguindo um duplo-duplo (Foto por Duane Burleson/AP Photo)

Como sempre Duncan jogou bem, conseguindo um duplo-duplo (Foto por Duane Burleson/AP Photo)

O Spurs iniciou errando seus quatro primeiros arremessos e o Pistons conseguiu abrir vantagem de nove pontos, com cinco tentos do ala-pivô Rasheed Wallace. O time texano começou a partida de forma lenta no ataque, chegando a estar perdendo por 12. O armador francês, Tony Parker, marcou nove pontos no primeiro período nos nove minutos iniciais; assim, o Pistons terminou à frente no placar em 24 a 20. O San Antonio começou a jogar forte no ataque e, com uma cesta de três pontos de Matt Bonner, que fez outras duas de três no quarto, o time passou no marcador por 39 a 36. O Spurs conseguiu a dianteira e foi para o intervalo à frente no placar, com 45 a 40.

Na volta do intervalo, a partida continuou acirrada com os dois times alternando cestas convertidas, chegando à metade do terceiro quarto com o Spurs à frente por 55 a 51. Parker e o ala-pivô Tim Duncan fizeram juntos 10 dos 19 pontos do time no quarto, indo ao último tempo vencendo por 64 a 58. O técnico Gregg Popovich usou uma formação de menor estatura, com Parker e o novato George Hill juntos em quadra. Ela funcionou bem, com Hill atuando forte na defesa – conseguindo três bloqueios durante a partida. O armador Allen Iverson esteve impecável, com 12 pontos no último período, conseguindo a virada faltando 1:20 minutos para o final da partida, com 78 a 79. Mas com lances livres convertidos por Duncan, Parker e o ala Bruce Bowen, San Antonio conseguiu a vitória por 83 a 79.

Destaques da Partida

San Antonio Spurs

Tony Parker – 19 pontos e 11 assistências

Tim Duncan – 18 pontos, 18 rebotes e 3 bloqueios

Matt Bonner – 15 pontos

Detroit Pistons

Allen Iverson – 31 pontos e 7 assistências

Antonio McDyess – 13 pontos e 13 rebotes

Rasheed Wallace – 11 pontos

Jason Maxiell – 10 pontos

Entenda a “Rodeo Trip”

Já há alguns anos, sempre no início do mês de fevereiro, o San Antonio Spurs realiza uma série de jogos fora de casa em sequência. Esta série ficou conhecida como “Rodeo Trip”. Traduzindo o termo, nada mais é do que  “Viagem de Rodeio”, e entendam o por quê deste nome e por que a equipe precisa realizar tantos jogos longe de San Antonio.

O Texas é um estado conhecido por suas fazendas e criações de animais, e San Antonio é uma cidade relativamente pequena do estado que é conhecida pelo clima de “interior”. E é lá que acontece um dos mais importantes eventos de criadores de gado e um dos mais importantes rodeios dos Estados Unidos, o “San Antonio Stock Show & Rodeo”.

O evento começou nos anos 50, e dura cerca de duas semanas, sempre em fevereiro. O rodeio acontece simultaneamente às mostras de animais, e até o ano de 2003 foram realizados na arena Joe & Harry Freeman Coliseum, quando então passou a ser realizado no AT&T Center, atual casa do Spurs.

A quadra de basquete é substituida por uma arena de rodeio.

Devido a este evento e suas festividades, o Spurs é obrigado a viajar e realizar partidas fora de casa, em uma sequência de aproximadamente 8 jogos, até que a cidade volte à sua rotina normal e o ginásio seja desocupado. Este período de viagens costuma ser marcante para a equipe, que sempre consegue bons resultados mesmo fora de casa e engrena uma boa campanha rumo aos playoffs.

Nesta temporada, a Rodeo Trip começou no dia 02 de fevereiro e terminará dia 21; neste período, já aconteceram sete jogos, que foram respectivamente Warriors, Nuggets, Celtics, Nets, Raptors, Knicks e Pistons. Foram obtidas quatro vitórias e três derrotas, e ainda acontecerá mais uma partida amanhã contra o Wizards; só então o Spurs retornará ao Texas, para enfrentar dia 24 o rival Dallas Mavericks, jogando no AT&T Center.

Proposta para ter Camby foi rejeitada pelo Spurs

Após declarações concedidas pelo general manager do San Antonio Spurs, RC Buford, de que a equipe do Texas não teve nenhum interesse de trocar jogadores na última quinta-feira, data limite na qual a NBA permite trocas entre as equipes participantes, diversas fontes da liga afirmam que os texanos rejeitaram uma proposta pelo pivô Marcus Camby, atualmente no Los Angeles Clippers.

Camby em ação contra Hill. Jogadores poderiam ter sido envolvidos em troca. (Photo by DayLife.com)

“Tivemos na mesa algo em torno de cinco ou seis propostas, e analisamos todas muito bem analisadas para chegarmos à conclusão de que nenhuma nos agradava. Fou um bom dia”, disse, com sarcasmo, o treinador Gregg Popovich. “Como forma de respeito, no entanto, não direi quem são os nomes que recebemos, pois estes podem se sentir desvalorizados por nós e até mesmo por seus respectivos times, o que não é verdade”.

Segundo as múltiplas fontes que afirmam que o Spurs negou, no último minuto, a troca com o Clippers, o negócio envolvia três jogadores por parte da franquia de San Antonio e apenas Camby por parte do time de Los Angeles. Seriam os atletas envolvidos pelo Spurs o pivô Fabricio Oberto, o ala Bruce Bowen e o armador George Hill. A presença deste último – que é visto como um dos mais promissores jogadores do elenco – foi o ponto que fez com que a troca não fosse fechada. Camby é conhecido na liga como um dos grandes defensores de garrafão em atividade.

Spurs sai “ileso” da trade deadline

RC Buford está satisfeito com o atual elenco do Spurs (Divulgação)

RC Buford está satisfeito com o atual elenco do Spurs (Divulgação)

Depois de quase três longas semanas com incontáveis rumores cercando o San Antonio Spurs, a tão esperada trade deadline – último dia no qual as franquias são permitidas pela NBA a realizarem trocas – chegou, e nada de novo aconteceu com a equipe texana, que manteve seu elenco para o restante da temporada.

Enquanto alguns cogitavam a vinda do ala Richard Jefferson, outros defendiam a chegada do ala-armador Caron Butler, sendo que ambos permaneceram em seus times, respectivamente Milwaukee Bucks e Washington Wizards. Alguns mais otimistas – ou iludidos, podemos dizer – ainda acreditavam na já negada chegada do ala-armador Vince Carter, que permanecerá no New Jersey Nets. O general manager do Spurs, RC Buford, comentou o fato de o Spurs não ter se mexido para negociar.

“Em primeiro lugar, queremos – eu e o resto da diretoria – saber em qual momento nos colocamos como negociantes certeiros, ou seja, quando falamos que faríamos trocas com certeza?”, indagou Buford. “Não, estamos satisfeitos com o elenco e peças que nos têm sido de suma importância como Roger [Mason] e George [Hill] foram absurdamente cogitados em rumores. Nunca estivemos pré-dispostos a realizar trocas neste ano e seguimos essa filosfia. Acreditamos ter em mãos um ótimo plantel”.