Que fim de mês é esse?

Amigos leitores, nossa sequência de quatro vitórias consecutivas (a segunda melhor da NBA no moment0) encontra-se seriamente ameaçada. Não por conta de lesões dentro do elenco ou de queda de produção do time, e sim porque enfrentaremos quatro adversários fortíssimos nos nossos próximos quatro jogos, três deles atuando fora de casa.

O primeiro dos confrontos acontece já amanhã, em Los Angeles, contra os Lakers, líderes da Conferência Oeste. A equipe de Kobe e companhia vem de três vitórias seguidas e tem atualmente a melhor campanha da NBA; teoricamente, são os favoritos para a partida. Porém, vale lembrar que, em duelo recente, os Spurs levaram a melhor com uma cesta de Mason nos segundos finais; a equipe texana tem totais condições de vencer a partida.

Na madrugada de terça para quarta, os Spurs viajam até Utah para enfrentar o Jazz. A equipe é atualmente a oitava colocada dentro da Conferência Oeste, mas tem uma campanha não tão diferente assim dos Spurs. As equipes já se enfrentaram uma vez na temporada, com vitória do time de San Antonio; porém, o jogo foi totalmente atípico, pois o Jazz não contava com Williams e Boozer e a equipe texana estava desfalcada de Parker e Ginobili.

Na madrugada de quinta para sexta-feira, é a vez dos Suns medirem força com os Spurs. A equipe de Phoenix está atualmente na nona colocação da Conferência Oeste e precisará vencer o jogo, assim como o Jazz, para seguir na briga pelos playoffs. Os dois times já se enfrentaram duas vezes nessa temporada; uma vitória dos Suns em San Antonio e uma dos Spurs em Phoenix. É um duelo sempre imprevisível.

No sábado que vem, finalmente os Spurs voltam ao AT&T Center; para quem pensa que as pedreiras acabaram, a equipe recebe os Hornets, no que deve ser o confronto mais direto entre os quatro; o time da Nova Orleans, atualmente em quarto na Conferência Oeste, é o que tem a campanha mais parecida com a dos Spurs dentre os quatro próximos adversários dos texanos. O dois times já mediram forças uma vez nessa temporada, e os Hornets levaram a melhor jogando em casa mesmo sem poder contar com Stojakovic na oportunidade.

Para os torcedores que têm dúvidas se os Spurs podem ou não sagrarem-se campeões nessa temporada, essa semana deve ser um divisor de águas. Quatro derrotas talvez sejam encaradas como normais devido aos adversários que enfrentaremos, mas talvez quatro vitórias nos coloquem entre o grupo de principais favoritos ao título. Vamos esperar para ver.

Sobre Lucas Pastore

Um dos fundadores do Spurs Brasil. Formado em Jornalismo na Universidade Presbiteriana Mackenzie em 2010, é editor assistente do UOL Esporte. Cobriu o basquete olímpico na Olimpíada de 2016 pelo LANCE!. Trabalhou também para Basketeria e mob36.

Publicado em 24/01/2009, em Na linha dos 3. Adicione o link aos favoritos. 2 Comentários.

  1. Bruno Pongas

    Essa sequência será fundamental! Se sairmos com pelo menos 3 vitórias está OTIMO!

  2. Leonardo Sacco

    Se o Spurs não sair bem dessa série, não é o fim do mundo.
    Agora se sai bem… meu Deus, aí embala demais.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.