Arquivo diário: 04/01/2009

McDonald’s Championship 1999 – Parte 2

Na Parte 1, contamos a história do torneio. Na coluna “Passando a Limpo” de hoje e das próximas semanas, explanarei sobre cada jogo que aconteceu neste campeonato mundial de clubes.

O McDonald’s Championship de 1999 foi disputado em Milão, na Itália, entre os dias 14 e 16 de outubro. Abaixo estão os escudos dos times participantes do torneio.

Agora um resumo do primeiro dia de disputas do campeonato mundial de clubes:

Dia 1 – 14 de Outubro

1ª Rodada

Vasco da Gama (Brasil)  90 x 79  Adelaide 36ers (Austrália)

O ala-armador Demetrius, #6, do Vasco, na partida contra o Adelaide 36ers. (tripod.com/vascohoje)

O ala-armador Demetrius, #6, do Vasco, na partida contra o Adelaide 36ers. (tripod.com/vascohoje)

No primeiro dia de eliminatórias, o campeão da Liga Sul-americana Vasco da Gama  enfrentou o campeão da Oceania Adelaide 36ers. O Adelaide conseguiu liderar durante os três minutos iniciais apenas e conseguiu terminar o primeiro quarto empatado em 23 a 23. Mas no segundo período, o Vasco conseguiu uma boa vantagem com a contribuição de quatro cestas de três do armador americano Charles Byrd, liderando no intervalo com 49 a 37. Os australianos chegaram a diminuir a vantagem dos brasileiros para quatro pontos no terceiro quarto, mas o Vasco terminou a frente por 70 a 61. No período remanescente, o campeão sul-americano apenas manteve a dianteira e venceu pelo placar de 90 a 79. Os brasileiros eram mais atléticos que o 36ers e souberam aproveitar bem essa vantagem embaixo da cesta, porém o cestinha da partida foi Byrd, com 31 pontos, e pelos australianos o armador Brett Maher teve 19. Vejam aqui um vídeo sobre a partida.

C.S. Sagesse (Líbano)  88 X 98 Varese Roosters (Itália)

No outro jogo da primeira fase, campeão asiático S.C. Sagesse encarou o campeão italiano Varese Roosters. Os dois times fizeram um primeiro tempo parelho, com o quarto inicial terminando empatado em 25 a 25, e no segundo período o time libanês conseguiu a dianteira, mas permitiu que os italianos passassem à frente e finalizassem com 49 a 52. Mas, no terceiro quarto, os donos da casa conseguiram uma boa vantagem, chegando à parte final da partida vencendo por 63 a 83. O Sagesse tentou uma recuperação, mas já  era muito tarde e foi derrotado por 88 a 98. O Varese foi liderado pelo armador Giamarco Pozzeco, com 19 pontos, e os libaneses pelo ala Fadi El Khatib, fez 18. Vejam aqui e aqui pequenos vídeos da partida.

No próximo “Passando a Limpo”, falaremos sobre o segundo dia de disputas do torneio McDonald’s Championship.

Interativo – Spurs vs. Sixers – Temporada Regular

Melhores Momentos de Spurs vs. Sixers – 03/01/2009

Top 10 da Rodada de 03/01/2009

Entrevistas após a partida com o técnico Gregg Popovich, Roger Mason Jr., Tim Duncan e Manu Ginobili

Vejam nossa sessão de fotos do jogo clicando aqui

Spurs (22-11) vs. Sixers (13-20) – Vitória apertada após início arrasador

108X106

Após um início arrasador de partida, com um ataque quase perfeito, o San Antonio Spurs venceu o Philadelphia 76ers com uma cesta de Tony Parker no estouro do cronômetro.

Tony Parker e Roger Mason Jr. comemoram após a cesta da vitória do armador francês. (Express News)

Tony Parker e Roger Mason Jr. comemoram após a cesta da vitória do armador francês. (Express News)

O Spurs inciou a partida com Parker, Mason, Michael Finley, Tim Duncan e Matt Bonner. Com apenas sete minutos, Duncan e Bonner já haviam feito 20 pontos juntos. O time texano acertou 15 dos  20 arremessos de quadra que tentou; desses, foram oito em nove da linha dos três. O Spurs liderava por 21, com 40 a 19.  O segundo período começou devagar para o San Antonio, mas o Sixers começou a reagir, diminuindo a vantagem. O trio do Spurs fez 43 pontos juntos, e foi ao intervalo com 66 a 50.

Tim Duncan fez grande partida anotando um duplo-duplo (D. Clarke Evans/Getty Images)

Tim Duncan fez grande partida anotando um duplo-duplo (D. Clarke Evans/Getty Images)

No terceiro quarto, o Philadelphia continuou a sua recuperação; com os 14 pontos de Andre Miller, o time chegou a virar o placar com 78 a 79, mas o Spurs tomou a frente novamente e fechou por 84 a 81. Na parte final do jogo, os dois times estavam em uma disputa apertada. Faltando três minutos para o fim da partida, Parker não tinha marcado nenhum ponto. Andre Iguodala, com uma enterrada, empatou em 106 a 106 faltando 50 segundos para o acabar o jogo. Com 30 restantes, Parker errou um arremesso e o Sixers pegou o rebote, mas Ginobili recuperou a bola com 15 segundos ainda. Com 4 segundos, o argentino errou um arremesso de três pontos. Porém, Parker pegou o rebote, e, com um segundo faltando, ele girou, escapou da marcação de Miller e acertou  a cesta da vitória, vencendo por 108 a 106.

O San Antonio conseguiu sua segunda vitória no mês de janeiro, a sétima nas últimas dez partidas. O Spurs acertou 15 cestas de três pontos na partida, com 57,7% convertidos. O time volta a jogar na segunda, contra o Miami Heat, fora de casa.

Destaques da Partida

San Antonio Spurs

Tim Duncan – 26 pontos e 12 rebotes

Manu Ginobili – 21 pontos e 3 roubos de bola

Roger Mason Jr. – 19 pontos e 100% (5-5) nos arremessos de três pontos

Tony Parker – 15 pontos, 10 assistências e 4 erros de ataque

Michael Finley – 14 pontos

Philadelphia 76ers

Andre Miller – 28 pontos e 85,7% (12-14) nos arremessos de quadra

Andre Iguodala – 25 pontos, 8 rebotes e 8 assistências

Thaddeus Young – 19 pontos

Louis Williams – 11 pontos, 6 assistências e 2 roubos de bola

Marreese Speights – 10 pontos