No topo da Europa há anos

Continuando a análise do Spurs Brasil sobre as equipes que possuem nossos jogadores pela Europa, depois do CSKA Moscow, da Rússia, a bola da vez é o TAU Ceramica, equipe do brasileiro Tiago Splitter – futuro atleta do San Antonio Spurs.

Na última Euroliga de clubes, o TAU foi bem e chegou às semifinais do torneio. Contudo, foi derrotado pela forte equipe do CSKA – que seria o futuro vencedor do campeonato. Na disputa pelo terceiro lugar, nova derrota; dessa vez para os italianos do Montepaschi Siena, por 97 a 93. Mesmo sem nunca conquistar o cobiçado título europeu, o TAU vem no topo da Europa há alguns anos; nesse meio tempo, foi duas vezes vice-campeão da Euroliga – em 2001 e 2005.

Na Espanha, o TAU – que também é conhecido como Saski Baskonia – é um dos principais times do país. Nos últimos sete campeonatos espanhois, a equipe de Tiago Splitter chegou a quatro finais, conquistando dois títulos. Além disso, a tradição do TAU Ceramica se estende a mais cinco Copas da Espanha, quatro Supercopas da Espanha e uma Saporta Cup – competição que reúne os vencedores das copas de cada país pela Europa.

 As Estrelas

#21 Tiago Splitter

Posição: Pivô

Idade: 23 anos

Altura: 2.12m

Porque ele é uma estrela?

Tiago Splitter é um dos melhores jogadores da Europa na atualidade. E isso não é ufanismo, ao contrário do que muita gente deve pensar. Splitter foi contratado pelo TAU em 2000; entretanto, rodou por alguns clubes da Espanha até pegar experiência suficiente. Voltou para o TAU na teporada 2003-2004; durante quatro anos, ele foi coadjuvante do ala-pivô argentino Luis Scola, ídolo e estrela máxima dessa década vencedora da equipe espanhola. Após a saída de Scola para jogar na NBA, Splitter conquistou mais espaço dentro do elenco e passou a ser o principal jogador da equipe. No ano passado, suas expressivas médias de 14 pontos e quase cinco rebotes por partida na Euroliga de Clubes empolgaram os dirigentes da NBA, que já estavam de olho no atleta há muito tempo. No draft, ele foi selecionado pela equipe do San Antonio Spurs; contudo, preferiu continuar por mais um ano na Espanha, amadurecendo e ganhando um salário melhor.

#5 Pablo Prigioni

Posição: Armador

Idade: 31 anos

Altura: 1.93m

Por que ele é uma estrela?

Pablo Prigioni é sem dúvidas um dos grandes jogadores dessa geração argentina que infelizmente está chegando ao seu fim. Liderados por Manu Ginobili, a Argentina conquistou duas medalhas olímpicas e também chegou longe em campeonatos mundias. Durante muitos anos, Prigioni foi reserva de Pepe Sanchez no selecionado argentino. Com a saída de Sanchez, ele ganhou uma vaga de titular na armação; e não decepcionou. Nos jogos de Beijing, ele ajudou sua equipe a conseguir a medalha de bronze na disputa do terceiro lugar contra a Lituânia. No TAU desde 2003, Prigioni amadureceu como jogador e se tornou uma das estrelas do time junto com outro argentino, Luis Scola. Na última temporada, já sem a presença de Scola, suas médias foram de 8.4 pontos e 4.2 assistências.

#8 Igor Rakocevic

Posição: Ala-armador

Idade: 30 anos

Altura: 1.91m

Porque ele é uma estrela?

O sérvio Igor Rakocevic é mais um daqueles grandes jogadores europeus que chegam na NBA e acabam não vingando. O caso mais recente que tenho na memória é o do grego Vassilis Spanoulis, que após uma temporada frustrada no Houston Rockets voltou ao basquete de seu país. Rakocevic jogou no Minnesota Timberwolves na temporada 2002-2003 após ter sido selecionado pelo próprio Wolves dois anos antes. No ano em que foi recrutado, o sérvio mudou de equipe na Europa; migrou do tradicional Estrela Vermelha para o Buducnost, de Montenegro. Lá, ele ficou dois anos antes de ir para a NBA. Após duas excelentes temporadas, carimbou seu passaporte para a terra do Tio Sam. Em Minnesota, o atleta não teve grandes oportunidades. Em 42 jogos disputados, fez apenas 78 pontos, o que dava média de menos de dois tentos por partida. Após sair do Timberwolves, Rakocevic retornou ao Estrela Vermelha. O atleta ainda teve boas passagens por Valencia e Real Madrid – ambos da Espanha – até chegar no TAU Ceramica, em 2006. No TAU, Rakocevic é um dos principais jogadores da equipe; a boa média de 15.2 pontos por partida na última temporada mostra que ele está em ótima forma.

Os Coadjuvantes

#12 Mirza Teletovic

Posição: Ala-pivô

Idade: 23 anos

Altura: 2.06m

O que ele adiciona ao time?

O bósnio Mirza Teletovic é um jovem talento dessa equipe do TAU Ceramica. Ele começou sua carreira no KK Sloboda Dita Tuzla, da Bósnia. Na sua primeira temporada com a equipe de seu país, ele foi tímido e teve médias apenas razoáves. Entretanto, para os especialistas em basquete, se via com clareza que Mirza era um jovem talento a ser lapidado. Dito e feito; na sua segunda temporada com a equipe do Tuzla, Teletovic deu show; obteve médias de 26.4 pontos e 6.6 rebotes, o que lhe credenciou uma vaguinha na equipe belga do Oostende. Na Bélgica, o atleta continuou aprimorando seu basquete; fez duas temporadas sólidas com o Oostende e foi logo contratado pelo TAU. Após duas temporadas na Espanha, Teletovic é uma peça chave para o esquema do treinador, Dusko Ivanovic.

#33 Pete Mickeal

Posição: Ala

Idade: 30 anos

Altura: 1.97m

O que ele adiciona ao time?

Como todo jogador americano que almeja um dia chegar à NBA, Pete Mickeal até teve uma sólida carreira universitária; ele atuou por duas universidades distintas: A de Indian Hills e posteriormente a de Cincinnati. Na tentativa de jogar no melhor basquete do mundo, Mickeal foi draftado tarde no segundo round de 2000 pelo Dallas Mavericks. Após participar do training camp do Mavs e não agradar, o atleta foi dispensado. Logo após sair de Dallas, o jogador foi contratado pelo New York Knicks; contudo, uma grave lesão deixou Mickeal na lista dos atletas machucados por um bom tempo. No ano seguinte, ele seria dispensado também do Knicks. Após a frustrada tentativa de jogar na NBA, ele viu na Europa uma chance para guinar sua carreira. Foi no Peristeri e no Makedonikos – ambos da Grécia – que Mickeal ganhou visibilidade. Após rápida passagem pelo Dynamo de Moscow, o jogador foi parar no Lugo, da Espanha. Os bons jogos no território espanhol chamaram atenção dos dirigentes do TAU Ceramica, que resolveram contratá-lo para a temporada do ano passado. Em sua primeira temporada no TAU, Mickeal justificou o investimento e fechou o ano com médias de 15.8 pontos e 8.2 rebotes.

#45 Will McDonald

Posição: Pivô

Idade: 29 anos

Altura: 2.06m

O que ele adiciona ao time?

À exemplo de seu compatriota, o americano Will McDonald também construiu uma carreira universitária razoável. Pela Universidade de South Flórida, ele obteve médias 15.9 pontos e 8.1 rebotes por jogo em sua última temporada. Sem grandes alternativas no draft, McDonald preferiu testar o mercado europeu, e foi parar no Elan Chalon, da França. Os bons números no campeonato francês deram a oportunidade para McDonald mudar para a Espanha. Primeiramente, ele foi para o Gran Canaria, onde fez uma boa temporada. No ano seguinte, mais mudanças; o atleta se transferiu para o Estudiantes Madrid, que foi o clube onde ele realmente despontou. Após duas épocas muito boas no Estudiantes, o jogador foi finalmente contratado pelo TAU Ceramica, no ano passado. Com a boa briga no garrafão, o americano lutou para ganhar espaço e conseguiu seus minutinhos em quadra durante a temporada. No resumo, suas médias foram de 7.1 pontos e 3.1 rebotes. Mais adaptado ao estilo de jogo do TAU, McDonald deve jogar ainda melhor nesse ano.

Completam o Elenco

Outros atletas – alguns sem grande relevância – completam o elenco do TAU para essa temporada.

#9 Sergi Vidal (Ala) – Veterano de TAU Ceramica, o espanhol Vidal conhece a equipe como poucos, o que é um grande ponto ao seu favor. Na temporada passada, 7.4 pontos de média. 

#10 Matias Nocedal – O jovem armador espanhol de apenas 18 anos vem sendo trabalhado para substituir Pablo Prigioni em um futuro próximo; olho nele. 

#11 Ariel Eslava – O ala-pivô argentino Ariel Eslava é um daqueles jogadores que só entra no famoso garbage time. Nesse ano, mais uma vez ele deve ser pouco visto.

#19 Fernando San Emeterio O jovem ala chegou ao TAU Ceramica após três boas temporadas com a equipe do Girona. 

#22 Mustafa Shakur – Outro jovem jogador que busca espaço na reserva de Pablo Prigioni. O americano Shakur, em sua primeira temporada no TAU, parece correr na frente dos concorrentes.

#42 Stanko Barac – Barac tem 22 anos e 2.17m. Esse já seria um atrativo para vê-lo. O croata deve ganhar mais espaço na equipe após a saída de Tiago Splitter no ano que vem.

Sobre Bruno Pongas

Acompanha o San Antonio Spurs desde 1998, já escreveu para o Spurs Brasil de 2008 a 2012, criou o Destino Riverwalk e agora volta à velha casa para dar seus pitacos sobre o San Antonio Spurs.

Publicado em 30/10/2008, em Artigos, Na linha dos 3. Adicione o link aos favoritos. 2 Comentários.

  1. Saski Baskonia é o nome do clube, TAU é o patrocinador, assim como DKV é patrocinador (Clube = Penya).

    Teletovic é um ala com corpo de PF, uma espécie de D. Marshall, um dos principais arremessadores de 3 pontos do time. Pepe Mickael poderia ser incluído entre as estrelas, é titular abosluto da ala e foi MVP das finais da ACB na última temporada.

  2. Bruno Pongas

    Sim, sim…
    Mas acaba sendo que nem aqui no Brasil. Os times ficam mais conhecidos pelo nome do seu patrocinador do que pelo nome do próprio time – vide COC ibeirão Preto. “Ah, hoje vai ter jogo do COC”. Acho que o mesmo se encaixa à Seski Baskonia e Tau Ceramica. Aqui no Brasil – alvo do blog – é TAU Ceramica, quase ninguém sequer sabe do que se trata Seski Baskonia.

    Quando ao Teletovic e ao Mickeal; dois bons jogadores, realmente. Mas continuo achando que são coadjuvantes desse time – principalmente o Teletovic. O Mickeal ainda é discutível, mas, questão de opinião, realmente.

Deixe uma resposta para Linelson Y Castro Cancelar resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s