Arquivo diário: 06/07/2008

Análise dos draftados

https://i2.wp.com/img177.imageshack.us/img177/4408/passandoalimpoglauberdw5.png

Começo o “Passando a limpo” dessa semana pedindo imensas desculpas pela falta da coluna no domingo passado. Por alguns encalços e falta de tempo por precisar estudar, não consegui finalizar essa coluna, mas hoje venho aqui para trazê-la à vocês.

Hoje estou aqui para trazer uma ficha completa e uma análise detalhada dos jogadores adquiridos no Draft desse ano pelo Spurs. Esta análise é baseada nos vários sites sobre draft espalhados pela internet. Colocarei os pontos fortes e fracos de nossas escolhas. Então vamos ver quem são eles e como jogam.

George Hill

George Hill

Nome Completo: George Jesse Hill Junior

Data de Nascimento: 04/05/1986

Cidade Natal: Indianapolis (Indiana)

Posição: Armador

Altura: 1,88m

Peso: 82Kg

Colégio: Broad Ripple

Universidade: IUPUI

26ª escolha do Spurs

 

Pontos Fortes:

Hill é um grande defensor, sabe se posicionar bem, inclusive para pegar rebotes, e ainda tem mãos rápidas, braços longos e boa antecipação, que completam seu arsenal defensivo. Ele é um bom chutador, consegue arremessar de todas as partes da quadra com eficiência, vinda da boa quantidade de jogadas ofensivas que ele tem a oferecer. Apesar dele ser um pontuador, ele não é egoísta e tem um bom passe. Por causa de seus braços longos, ele parece ser maior do que aparenta. Um jogador que trabalha muito duro, não faz nada além de seus limites e raramente perde a calma.

Pontos Fracos:

Costuma jogar na posição 2, porém sua altura é para 1 ou para ser um jogador das duas posições. Ele não é um jogador espetacular, um atleta de decisão. Quando marcado por um bom defensor, ele se perde, e tem difculdade em marcar, por seu tamanho, nas duas posições. É o tipo de jogador que tem várias habilidades, mas não se destaca em nenhuma delas. A durabilidade pode ser um problema para Hill, pois na temporada retrasada ele ficou fora por ter quebrado o pé, e na última jogou com um pino de metal segurando o local cirurgicamente reparado. Mesmo ele não tendo mostrado nenhum problema nesse ano, é uma área para se preocupar.

Malik Hairston

Malik Hairston

Nome Completo: Malik Samory Hairston

Data de Nascimento: 23/02/1987

Cidade Natal: Detroit (Michigan)

Posição: Ala-armador

Altura: 1,98m

Peso: 100Kg

Colégio: Renaissance

Universidade: Oregon

48ª escolha do Suns trocada pela 45ª escolha do Spurs, Goran Dragic, mais consideração em dinheiro e escolha do Warriors no Draft de 2009.

Pontos Fortes:

Hairston é um jogador atlético, com altura ideal para jogar nas posições 1 e 2 e difícil de parar quando ataca a tabela. Movimenta-se bem sem a bola quando está atacando, criando oportunidades. Seu arremesso  teve uma melhora sólida. Mostra ser um defensor dedicado e bom reboteador, que dificulta a ação de jogadores menores em sua posição. Um jogador inteligente com bons fundamentos, e boa reputação com seus colegas de time e técnico na universidade.

Pontos Fracos:

Sua condução e seu passe são ruins, e também tem dificuldades de driblar seus marcadores. Não consegue arremessar bem quando pressionado, e tende a perder o controle quando tenta ir à cesta. Defensivamente, ele perde o foco e falta intensidade, e também é muito criticado por sua falta de vontade que as vezes indica que joga apenas por obrigação. Apesar de sua força, não consegue se impor na defesa contra jogadores rápidos e não consegue se antecipar. Jogou melhor nos seus primeiros anos de universidade, depois caiu de produção.

James Gist

James Gist

Nome Completo: James Gist III

Data de Nascimento: 26/10/1986

Cidade Natal: Silver Spring (Maryland)

Posição: Ala-pivô

Altura: 2,04m

Peso: 103Kg

Colégio: Good Counsel

Universidade: Maryland

57ª escolha do Spurs

Pontos Fortes:

Gist é um jogador muito atlético, que enterra facilmente e muito ágil, estilo Lamar Odom. Se porta muito bem defensivamente no perímetro e tem faro apurado para bloqueios. Seu arremesso de média distância tem melhorado. Ele pode adicionar mais peso sem perder seu atleticismo. Se posiciona perfeitamente para o rebote, com seus braços longos ajudando bastante. Tem grande resistência e adiciona a qualquer time muita energia. Ataca a cesta com força, mesmo com os defensores tentando bloqueá-lo. Eficente nos lances livres.

Pontos Fracos:

Seu grande problema é que ele está entre a posição 3 e 4; como ala faltam habilidades no perímetro, e como ala-pivô falta força para competir contra os adversários. Muitas vezes fica passivo dentro de quadra, desaparece no ataque e acaba sumindo em quadra. As vezes, em quadra, deixa o emocional aflorar e acaba forçando na defesa, fazendo faltas.

É isso aí pessoal! Espero que tenham conhecido um pouco mais sobre os novos jogadores do Spurs. Semana que vem estaremos de volta com nossa análise semanal.

 

Anúncios

Marbury pode chegar

De acordo com o site NBA Jumper, o armador Stephon Marbury deve perder espaço na equipe do New York Knicks com a chegada de Chris Duhon, e pode acabar ir parando no Boston Celtics, no Miami Heat ou no San Antonio Spurs.

Stephon Marbury

O Heat sai na frente graças à carência que tem para a posição; no Celtics ou no Spurs, o jogador seria apenas um reserva, e tem em seu alto salário um obstáculo para uma menor utilização na rotação. Em compensação, a equipe de Miami é uma incógnita para a próxima temporada, e, caso prefira segurança, o jogador pode acabar pintando no Texas.