A justiça foi feita

Na minha estréia na coluna semanal, não podia deixar de falar do título conquistado na noite de ontem pelo time do Boston Celtics, dando prosseguimento ao que já tinha começado a falar meu colega de coluna Melloni.

Os jogos em Los Angeles foram bem parecidos. Em todos, o Lakers comandou o placar, porém no jogo 4, o time de Boston deu o pulo do gato e conseguiu vencer uma partida fora de casa, fazendo 3×1 na série, depois de estarem perdendo por mais de 20 pontos já no 1º período. Numa reação espetacular no 2º tempo, a equipe da costa Leste conseguiu umas das viradas mais impressionantes da história das finais da NBA, e venceu o jogo de forma surpreendente. No 5º jogo, Kobe novamente conseguiu levar o time de Los Angeles a mais uma vitória, com boa ajuda de Odom e Gasol no garrafão, deixando a série em 3×2.

No jogo 6, realizado ontem em Boston, um verdadeiro massacre. Os mandantes venceram por 131×92, fecharam a série com autoridade em 4×2  e conquistaram o título depois de 22 anos de jejum. Outra marca impressionante foi sair de pior time da NBA em uma temporada para vencer o título no ano seguinte. Ray Allen e Kevin Garnett finalmente conseguiram conquistar um anel, e Paul Pierce, o velho guerreiro de Boston, depois de anos de luta sem sucesso, também conseguiu seu primeiro campeonato. E mais: foi coroado com o prêmio de MVP das finais, prêmio, aliás, muito merecido para um jogador que teve impressionantes médias na decisão: 21,8 pontos, 6,3 assistências e 4,5 rebotes por jogo. Ray Allen também voltou a jogar bem e detém agora o recorde de bolas de 3 pontos em uma série de finais, com 22 bolas convertidas.

A justiça foi feita. O melhor time da temporada regular foi também o melhor time dos playoffs. Encontrou dificuldades na série contra Atlanta, mas acabou vencendo por 4×3. Contra os Cavs, a mesma coisa, 4×3. Nas finais de conferência, o que parecia ser mais difícil acabou sendo mais fácil; 4×2 contra o experiente time de Detroit. Nas finais contra o MVP da temporada regular, Kobe Bryant, novamente os Celtics fizeram valer seu melhor conjunto e fecharam em 4×2, para conquistarem o 17º caneco da sua história e se isolarem ainda mais como os maiores vencedores de todos os tempos da NBA. Parabéns para Doc Rivers e seu comandados. Parabéns Boston Celtics.

Publicado em 18/06/2008, em Um outro olhar. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s