Arquivo diário: 25/05/2008

Storm @ Silver Stars – WNBA – Elas mandam no AT&T Center

72X87

As meninas do San Antonio Silver Stars mostraram nesse sábado que, se depender de seu desempenho em casa, o AT&T Center será fator determinante no decorrer da temporada 2008. As Stars receberam e despacharam as garotas do Seattle Storm, time da pivô brasileira Kelly Santos.

A equipe texana não teve problemas para alcançar a vitória, que começou a ser bem moldurada já no primeiro período da partida, quando o placar marcava 30-17 para as donas da casa. Nos doze minutos seguintes de jogo, a equipe liderada pela armadora Becky Hammon teve o trabalho de apenas manter a vantagem conquistada diante de um apático Storm.

Com a dupla formada por Hammon e a ala Sophia Young, as Silver Stars não tiveram nenhum problema para despachar as garotas da terra da chuva na segunda metade da partida. Entretanto, é bom ressaltar que no terceiro quarto de jogo o time de Seattle chegou a esboçar reação, diminuindo a vantagem para nove pontos. Mesmo assim, as texanas se mantiveram firmes e conseguiram a sua segunda vitória na temporada, atingindo um recorde de 2 vitórias e uma derrota e 100% de aproveitamento em casa – duas vitórias em dois jogos.

Destaques da partida

San Antonio Silver Stars

Becky Hammon – 20 pontos e 5 assistências

Sophia Young – 23 pontos e 5 rebotes

Helen Darling – 14 pontos

Seattle Storm

Swin Cash – 15 pontos e 5 rebotes

Lauren Johnson – 14 pontos e 7 rebotes

Kelly Santos – 2 pontos em 1:27 minutos jogados

Notícias – Alguns números sobre a série Lakers-Spurs

Nada novo

Sofrer uma grande derrota para o Lakers nos playoffs não é nada novo para o Spurs. A pior derrota sofrida pela franquia em um playoff foi contra o “Showtime” Lakers, liderado por Magic Johnson, que venceu por 47 pontos de diferença em 1986. Quando o Los Angeles eliminou o San Antonio nas finais da conferência Oeste em 2001, com Shaquille O’Neal e Kobe Bryant, o time californiano venceu por 14 (Jogo 1), 39 (Jogo 3) e 29 pontos (Jogo 4) de diferença.

Spurs estabeleceu marca negativa nos lance-livres

Os cinco lance-livres convertidos em 10 tentativas no Jogo 2 representam a marca mais baixa em playoffs. A marca anterior do Spurs era sete, que aconteceu contra o Denver, no quinto e último jogo da primeira rodada da temporada passada, na vitória por 93-78 do Spurs.

Potencial derrota

A história diz que o Lakers pode ficar tranquilo depois de conseguir a liderança por 2-0. A última vez que o Los Angeles perdeu uma série melhor de 7 nos playoffs depois de vencer os dois jogos foi em 1969, nas finais da NBA, quando perderam para o Boston Celtics em sete jogos. Desde então, eles ganharam 28 séries seguidas de melhor de sete depois de gahar os dois primeiros jogos, incluindo as duas séries da pós-temporada atual (sobre Denver e Utah). Com a vitória do Spurs no Jogo 7 sobre o Hornets, nas semifinais da conferência Oeste, o Spurs tornou-se apenas o 14º time dos 215 anteriores a ganhar depois de estar perdendo por 0-2 numa série melhor de sete.

Pré-Jogo – Lakers @ Spurs – Jogo 3

Pré-Jogo – Los Angeles Lakers @ San Antonio Spurs – Jogo 3

Local: AT&T Center

Horário: 21:30 (Horário de Brasília)

Data: 25/05/2008

O jogo será transmitido pela TV Esporte Interativo

Situação do jogo

O Spurs sofreu na última partida uma derrota por 30 pontos, a segunda na série melhor de sete. O time texano começa a série da mesma maneira das semifinais da conferência, contra o Hornets. O Spurs necessita dessa vitória para se manter na disputa, porém não será uma tarefa das mais fáceis. O Lakers vem mostrando uma grande força no ataque e um grande trabalho defensivo, anulando o trio de San Antonio, principalmente Manu Ginobili, que vem fazendo um péssimo começo de série. O Los Angeles vai para os dois jogos no AT&T Center para tentar pelo menos uma vitória, para decidir no Jogo 5 no Staples Center a vaga para a final da liga.

Série nos playoffs (Lakers 2-0)

21/05/2008 – Spurs 85@89 Lakers

23/05/2008 – Spurs 71@101 Lakers

Série na temporada regular (2-2)

13 Nov 2007 LAL 92@107 SA
13 Dez 2007 SA 97@102 LAL
23 Jan 2008 LAL 91@103 SA
13 Abr 2008 SA 85@106 LAL

Fique de olho

Lamar Odom

Lamar Odom (Photo by Jeff Gross/Getty Images)

Lamar Odom é um dos componentes do triângulo do Lakers formado por ele, Kobe Bryant e Pau Gasol. Ele está sendo uma peça importante nessa série, tanto no sistema defensivo quanto na ajuda na pontuação do time, pois com a queda nas médias em pontos de Kobe Bryant, o MVP precisa que seus companheiros colaborem fazendo mais cestas, e Odom executa bem esse trabalho.

Notícias – Ginobili se considera culpado pelas derrotas

Bruce Bowen, Robert Horry, Tim Duncan e Manu Ginobili, da Argentina, vendo o final da derrota no Jogo 2 do banco (AP Photo/Kevork Djansezian)O ala-armador argentino Manu Ginóbili teve rendimento abaixo da média até agora nas finais da Conferência Oeste contra o Los Angeles Lakers, que venceu as duas primeiras partidas da série.

Desculpas ele teria para a má fase, já que ele recentemente se recuperou de uma lesão em um dos tornozelos. Mas o jogador, que já se estabeleceu como um dos melhores da Liga, apesar de estrangeiro, assumiu seu momento ruim com todas as palavras, em uma cena rara no esporte.

“O tornozelo não é problema. Não está me limitando. Simplesmente estou jogando mal. Tenho que fazer as coisas melhor. Ser mais agressivo,” diz o jogador, conforme publicado no diário argentino “Clarín”.

Nos dois primeiros jogos das finais do Oeste, Manu somou apenas 17 pontos, com cinco cestas em 21 tentativas de dois pontos.

“Eu sou o culpado. Se tivesse jogado um pouco melhor nestes dois primeiros jogos, estaríamos com 1 a 1 na série. Sou crítico comigo mesmo e me sinto responsável,” admite Manu.