Spurs @ Hornets – Jogo 2 – Onde está o basquete dos campeões?

84X102

Hornets lidera a série (2-0)

O primeiro quarto da partida foi extremamente equilibrado. Com muitas trocas de liderança, o Spurs venceu o período por apenas um ponto; 23-22 foi o placar. Com Manu Ginobili e Tony Parker apagados, Duncan e Kurt Thomas colocavam os texanos no jogo.

O segundo quarto não foi diferente. Jogo equilibrado, porém muitos erros para ambos os lados. As duas equipes estavam em quadra com uma formação de 4 homens leves e apenas um no garrafão, porém ambas erravam arremessos fáceis e cometiam muitos turnovers; Manu Ginobili cometeu 4 TO dos 8 de sua equipe, sendo 3 erros em posses de bolas seguidas. No estouro do cronômetro, Tony Parker ainda converteu um arremesso de 3 pontos da zona morta, e as equipes foram para os vestiários com os visitantes vencendo por 1 ponto; 43-42 era o placar parcial.

O terceiro quarto foi um verdadeiro baile de Chris Paul, Peja Stojakovic e Cia. Tanto a defesa quanto o ataque do Spurs praticamente não existiam. Resultado, vantagem a favor da equipe de Nova Orleans, que aplicou impiedosos 38-16 no período e a diferença chegou a 17 pontos.

O quarto período foi apenas administrado pelos donos da casa. Em agums momentos, com os reservas em quadra, o Spurs diminuiu a vantagem para 12, então os titulares voltaram e diferença chegou a estar em 9, restando poucos mais de 6 minutos para o fim do jogo, o que deu uma ponta de esperança para os torcedores da equipe do Texas. Pura ilusão; a partir daí, a vantagem passou a aumentar e o desânimo tomou conta dos jogadores e torcedores do Spurs. Fim de jogo e liderança de 2-0 para o New Orleans Hornets na série.

Após esta partida fica claro que muita coisa precisa mudar para os jogos seguintes em casa. A começar pela defesa, que precisa voltar a imprimir o conhecido ritmo forte que marcou a equipe em todas as suas conquistas. O ataque necessita ser mais agressivo, menos apático e mais vibrante, e a precisão nos arremessos deve ser aprimorada.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Tim Duncan: 18 pontos e 8 rebotes

Brent Barry: 14 pontos

New Orleans Hornets

Chris Paul: 30 pontos, 2 rebotes e 12 assistências

Peja Stojakovic: 25 pontos e 6 rebotes

David West: 10 pontos, 10 rebotes e 5 assistências

Anúncios

Sobre Victor Moraes

Formado em Jornalismo no ano de 2012 pela Universidade Metodista de São Paulo. Fanático por esportes, sobretudo o basquete, passou pela redação do Diário Lance!, trabalhou na Liga Nacional de Basquete e no extinto Basketeria. Se orgulha de fazer parte da equipe do Spurs Brasil desde a criação em 2007.

Publicado em 06/05/2008, em Resumo de Jogos. Adicione o link aos favoritos. 3 Comentários.

  1. Se perdermos 1 dos 2 próximos jogos, disputados em San Antonio, acho que já era…

  2. Aí está a questão, onde está o basquete dos campeões??? Espero que esteja em SA.

    TEAM IS EVERYTHING

  3. Meu medo e q foi mto facil para o hornets ganhar la..

    Se continuar assim vai ser mto igual celtics x hawks..

    hawks ganho sofrido em ksa e n deu trabalho em boston..

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s