Arquivo mensal: março 2008

Pré-Jogo – Rockets @ Spurs

Pré-Jogo – Rockets @ Spurs 

Local: AT&T Center

Horário: 14:00 (Horário de Brasília)

Data: 30/03/2008

Situação do jogo

Uma interessante partida será disputada no Texas na tarde de amanhã. Os Spurs vêm de 6 vitórias seguidas, e querem manter o bom desempenho para garantir uma boa colocação na conferência Oeste. Recentemente, o time trouxe de volta Brent Barry, ala armador dispensado pelo SuperSonics após polêmica troca com o time de San Antonio; após o retorno do atletla, seus concorrentes de posição, Ginobili e Finley, passaram a apresentar excelentes atuações. Pelo lado dos Rockets, a recente lesão de Yao Ming seria capaz de tirar o time do rumo; porém, nos últimos meses, só o time de melhor campanha da NBA, o Boston Celtics, foi capaz de parar os Foguetes. Tracy McGrady ganhou maior importância na equipe; por isso, deve ser seguido de perto hoje por Bruce Bowen.

Série na temporada (1-2)

06/11/2007 – Spurs 81 @ 89 Rockets

Mesmo com as boas atuações de Parker (21 pts, 4 ast) e Ginobili (23 pts, 5 stl, 3 ast), os Spurs, jogando fora de casa, não foram páreo para os Rockets de Yao Ming (28 pts, 13 reb, 6 ast).

16/11/2007 – Rockets 84 @ 90 Spurs

Sem T-Mac, os Rockets, de Scola (20 pts) e Battier (16 pts, 5 reb) ainda conseguiram equilibrar o jogo. Mesmo assim, jogando em casa, melhor para os Spurs, de Duncan (25 pts, 13 reb) e Ginobili (19 pts, 9 reb, 7 ast).

19/01/2008 – Spurs 81 @ 83 Rockets

Jogo decidido só no finalzinho; Alston acertou um lance livre faltando 2 segundos e deu números finais da partida, que ainda teve um jump shot errado de Bonner no estouro do cronômetro.

Fique de olho

Luis Scola
www.nba.globolog.com.br

O ala pivô argentino pertencia ao San Antonio. Porém, após discordâncias sobre o quando entraria para a NBA, teve problema para se juntar aos Spurs e foi negociado com os Rockets. Ganhando a cada vez mais minutos, principalmente após a lesão de Yao Ming, o jogador tem médias de 9,7 pontos e 6,1 rebotes por jogo, e é um dos principais concorrentes a novato do ano.

Notícias – Bonner finalmente se ligando e Spurs é 50

A rotação do San Antonio Spurs está cada vez mais acirrada, principalmente após as chegadas do pivô Kurt Thomas e do armador Damon Stoudamire e do retorno do ala Brent Barry, que havia sido envolvido na troca que trouxe o citado pivô, ex-Seattle Supersonics. E um dos jogadores que parece ter mais sentido essas trocas e essa mudança na rotação é o ala-pivô Matt Bonner.

Com caracteristícas que o possibilitam jogar tanto na posição três como na quatro, Matt era costumeiro reserva de Tim Duncan e às vezes de Bruce Bowen. Entretanto, com a chegada dos novos reforços, Bonner foi perdendo espaço no time, tempo de quadra e, consequentemente, estatísticas.

Foi então que o técnico Gregg Popovich veio a publico há cerca de duas semanas atrás dizendo que passaria a observar a produção de alguns jogadores, visando fazer cortes na equipe para a próxima temporada. O recado não foi direto, mas caiu como uma bomba para Matt.

E foi somente ontem, contra o fraco T’Wolves, que o jogador voltou a dar alguma contribuição melhor para a equipe.  Após jogar quase todo o segundo quarto no lugar do titular Tim Duncan (que posteriormente entrou no lugar do pivô argentino Fabricio Oberto) o ala anotou 7 pontos e agarrou quatro rebotes, sua melhor atuação pela equipe após o All Star Game desse ano (evento que aconteceu em meados de fevereiro).

Se mantiver as atuações, segundo Pop, Bonner continuará no time e será de extrema importância nos playoffs, uma vez que o jogador tem como principal característica a precisão nas bolas de 3 pontos.

Spurs é 50

Com a vitória ontem, no AT&T Center, o Spurs foi o primeiro time do Oeste e o terceiro de toda a liga a alcançar as 50 vitórias na atual temporada regular. Esta é a 9ª temporada consecutiva que o time do Texas obtém tal marca.

Wolves @ Spurs – Manu e a vassoura

Minnesota Timberwolves 84X99 San Antonio Spurs

O Spurs começou mal no ataque, mas não deixou o Wolves abrir grande vantagem, terminando perdendo o 1º quarto em 17-14.

No 2º quarto, as coisas mudaram; Manu começou detonando, deixou o Spurs com 16pts e depois mandou uma bomba, virando o jogo em 17-19. Logo depois, mandaria mais outra, deixando o jogo em 21-26. O Spurs foi pro intervalo com 34-49, registrando 17-35 nesse quarto.

No 3º período, o Spurs abriu 20pts de vantagem, mas, como de costume, relaxou, e, após dois lances livres de Foye, a diferença caiu para 3pts. O Spurs ainda conseguiu fazer 68-62 antes do quarto final.

Focados na defesa novamente, o Spurs conseguiu abrir 10pts de vantagem, quando Manu mandou outra bomba, registrando 70-83 no placar e fazendo o time do Wolves pedir tempo pra pensar se valia a pena o esforço. Pelo jeito, preferiram ter menos sorte no sorteio do draft e mais estatísticas a favor.

Todos os jogadores do Spurs que entraram em quadra fizeram pelo menos 2pts. O Spurs ‘varre’ o Wolves em 4-0.

yahoo.com

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Manu Ginobili: 26 pontos, com 8-11 nos arremessos de quadra, sendo 5 da linha dos 3pts.

Tony Parker: 18 pontos e 8 assistências.

Michael Finley: 16pts, com 7-8 nos arremessos de quadra, sendo que converteu as 2 tentativas da linha dos 3pts.

Minessota Timberwolves

Ryan Gomes: 17 pontos e 10 rebotes.

All Jefferson: 14 pontos, 8rebotes e 2 bloqueios.

Pré-Jogo – Wolves @ Spurs

Pré-Jogo – Wolves @ Spurs

Local: AT&T Center

Horário: 21:30 (Horário de Brasília)

Data: 28/03/2008

Situação do jogo

Sem chances de classificar para os playoffs e com um time em amadurecimento, o Minessota não oferecerá muitas dificuldades, e o Spurs deve vencer com certa facilidade mais uma partida em casa. Aliás, é bom o Spurs garantir essa, pois o calendário daqui pra frente vai ter vários jogos difíceis. O time texano quer se classificar em 1º para garantir a vantagem de mais jogos em casa nos playoffs, e a primeira colocação da conferência ainda está indefinida. Manu se destacou nos 3 confrontos contra o Wolves, será que terá a mesma liberdade novamente?

Série na temporada (3-0 )

30/11 – Spurs 106 @ 91 Wolves

Um jogo que o Wolves quase levou, mas, no final, valeu a experiência do time Texano pra fechar com vitória.

12/01 – Wolves 88@105 Spurs

Jogo disputado até o 3º quarto, quando o Spurs fez 31-21 e fechou com vitória.

21/02 – Spurs 100@99 Wolves

Mais uma vez a vitória só veio no final; a apenas 6.2 segundos, Manu garantiu a vitória.

Fique de olho

Al Jefferson
nba.com

Al Jefferson foi o cestinha pelo Wolves nos 3 jogos contra o Spurs, mas não espere demais desse jovem talento. Jefferson tem médias de 21,1pts e 11,5rb.

De olho na 50ª vitória

Se o Spurs vencer nessa noite, a franquia assegurará a 9ª temporada seguida com, pelo menos, 50 vitórias, estendendo a mais longa série atualmente na NBA.

Apenas dois times na história da NBA tiveram seqüências similares. O Boston Celtics venceu 50 jogos em nove temporadas sucessivas de 1980 a 88, enquanto o Los Angeles Lakers conseguiu esse feito por 12 campanhas consecutivas de 1980 a 91.

Essa poderia ser a 11ª temporada consecutiva, se a temporada regular do primeiro título, 1998/99, não tivesse sido tão curta, com apenas 50 jogos. A porcentagem de vitórias pelo total de partida daquela temporada foi de 74%, porcentagem que, se tivessem sido jogados os habituais 82 jogos, o Spurs teria ganho aproximadamente 61.

Entre em nossa comunidade no Orkut!

RECEBA AS ATUALIZAÇÕES DO SPURS BRASIL DIRETO NO SEU E-MAIL! CLIQUE AQUI E CADASTRE-SE!