Arquivo diário: 28/02/2008

Notícia – Chegou o grande dia

Chegou o dia mais esperado da semana. Finalmente Jason Kidd terá um teste de verdade na armação dos Mavericks. Finalmente vamos ver se conseguimos parar o astro de Dallas. O jogo de hoje promete ser um dos melhores da atual temporada. Muito se fala de Lakers, Celtics, Hornets e Suns, mas por muitas vezes a maioria das pessoas se esquece dos co-irmãos do Texas, San Antonio Spurs e Dallas Mavericks.

O estilo de jogo durão e tático do Spurs faz com que muitas pessoas odeiem ver os jogos de tal time. O Dallas por sua vez chama a atenção por seu desempenho sempre irretocável na regular (fato não ocorrido nesse ano), mas sempre decepciona seus torcedores com eliminações (precoces ou não) nos playoffs. E daí?

Não interessa se um é lento e o outro “amarelão”. Não interessa se não são líderes da Confência ou se não praticam um basquete vistoso. O que interessa é que hoje é o grande dia. Fala-se desse jogo desde a mudança de Kidd para os Mavs, em meados de fevereiro. Com o veterano armador o time de Dallas conseguiu uma campanha de 3 vitórias e apenas uma derrota. Junto com Kidd eles ainda tem Dirk, Terry e Howard. Um quarteto de peso, que impõe respeito.

E respeito é a palavra certa para definir o Spurs. Não há um time em toda a Liga que não tema jogar contra nós, principalmente quando jogamos no AT&T Center (caso do jogo de hoje à noite). Duncan, Manu e Parker formam um dos trios mais interessantes da NBA. Finley, Horry, Oberto e Bowen fazem o chamado “serviço sujo” como ninguém. Então o que falta para esse clássico de hoje ser considerado um dos potenciais melhores jogos da temporada? Nada é a resposta de quem acompanha os dois times com certa intesidade (afinal, temos que estar sempre de olho em nossos maiores rivais). Já para quem não acha que tática, raça e emoção fazem parte do jogo… bem, para esses eu recomendo não assistir a partida de hoje. E para esses que se apegam mais a números do que ao jogo em si, a disputa acirrada dentro da Divisão Sudoeste deveria ser ingrediente mais do que suficiente para essa partida ser um jogaço.

Como já dizia Vicente Matheus, “Clássico é clássico e vice-versa”. Que seja assim hoje, um jogo que nos encha de emoção e, tomara, com mais uma vitória do Spurs.

por Leonardo Sacco

Anúncios