Arquivos do Blog

Bonner passará por cirurgia no nariz após a temporada

Em 2014, a sorte não tem acompanhado Matt Bonner. Em menos de um mês, o camisa #15 do San Antonio Spurs levou duas “ombradas”, fraturando o nariz nas duas oportunidades. A última foi na quinta-feira (6), na derrota para o Brooklyn Nets. Por causa disso, segundo reportagem do jornal San Antonio Express-News, o Red Rocket passará por uma cirurgia no local ao término da temporada. Até lá, o jogador continuará atuando com uma máscara protetora.

Será este o visual de Matt Bonner em 2014 (Reprodução/Twitter)

A primeira fratura de Matt Bonner aconteceu no dia 17 de janeiro, na derrota para o Portland TrailBlazers. Na ocasião, ele foi atingido no nariz pelo ala-pivô adversário Thomas Robinson. A lesão o fez perder o jogo seguinte do time e atuar, a partir dali, utilizando uma máscara protetora. Vinte e um dias depois, o nariz do jogador do Spurs voltou a ser atingido, dessa vez pelo armador do Brooklyn Nets, Shaun Livingston, que o acertou com o ombro e provocou outra fratura, mesmo com o Red Rocket usando a máscara.

Nando De Colo foi outro que fraturou o nariz na partida contra o Brooklyn Nets. Entretanto, o francês nem sequer chegou a deixar a partida e deve seguir à disposição de Gregg Popovich.

Assista ao lance que provocou a segunda fratura no nariz de Matt Bonner:

Spurs (47-16) @ Blazers (28-36) – Temporada Regular

San Antonio Spurs (47-16) @ Portland TrailBlazers (28-36) – Temporada Regular

Data: 23/04/2012

Horário: 21h30 (Horário de Brasília)

Local: AT&T Center

Líder absoluto do Oeste, o San Antonio Spurs enfrenta o Portland TrailBlazers, que, já eliminado, está cheio de desfalques, em uma tentativa, talvez, de conseguir uma melhor escolha no próximo Draft. Uma vitória pode garantir o primeiro lugar da conferência à equipe de San Antonio, já que o Oklahoma City Thunder foi derrotado pelo Los Angeles Lakers no último domingo.

Confrontos da temporada (1-1)

13/01/2012 – San Antonio Spurs 99 vs 83 Portland Trail Blazers

Tony Parker (20 pontos e nove assistências) e Tiago Splitter (14 pontos e quatro rebotes) comandaram o excelente segundo tempo do Spurs e a vitória por 99 a 83. Pelo lado do Blazers, LaMarcus Aldridge, sempre ele, foi o destaque com 29 tentos.

21/02/2012 – San Antonio Spurs 97 @ 137 Portland Trail Blazers

Pela penúltima partida da Rodeo Trip, o Spurs foi derrotado pelo Portland encerrando uma sequência de 11 vitórias consecutivas. Na ocasião, Tony Parker e Tim Duncan foram poupados, e Kawhi Leonard e LaMarcus Aldridge, com 24 e 21 pontos, respectivamente, lideraram suas equipes em pontos marcados.

San Antonio Spurs

PG – Tony Parker

SG – Danny Green

SF – Kawhi Leonard

PF – DeJuan Blair

C – Tim Duncan

Fique de Olho - Na última partida contra o Cleveland Cavaliers, no dia do seu aniversário, Blair teve uma excelente atuação, com 15 pontos e sete rebotes. O pivô precisa lutar pelo seu espaço, já que está ameaçado a ter seus minutos reduzidos nos playoffs, onde sua equipe enfrentará times com garrafões fortes.

Portland Trail Blazers

PG – Nolan Smith

SG – Wesley Matheus

SF – Luke Babbit

PF – J.J. Hickson

C – Hashem Thabeet

Fique de Olho - O jovem J.J. Hickson não fazia boa temporada pelo Sacramento Kings até ser trocado para o Portland. Com a ausência do titular LaMarcus Aldridge, Hickson aproveitou as últimas partidas para mostrar que tem valor. Ele tem médias de 20,3 pontos nas últimas três noites.

Bonner e defesa combinam? Os números mostram que sim!

Matt Bonner seguindo os passos de Bruce Bowen! (Ok, forcei!)

Matt Bonner é um dos alvos preferidos dos torcedores do San Antonio Spurs quando a equipe vai mal. O camisa 15 é sempre o primeiro a ser criticado, principalmente por seu discutível desempenho defensivo.

Mas será que Bonner é realmente desprezível defendendo? Bem, já observei em algumas partidas desta temporada que o Red Rocket melhorou consideravelmente neste quesito. Está longe de ser um Tim Duncan (quase cometo uma heresia das grandes agora, ein!), mas tem lá sua utilidade.

Por incrível que pareça, os números mostram que Bonner e Duncan formam uma boa dupla. Um levantamento feito pelo jornalista Andrew McNeill, do 48 Minutes of Hell, mostra que a parceria tem a mesma eficiência defensiva que a “dupla dos sonhos”, formada pelo camisa 21 e pelo brasileiro Tiago Splitter.

Pois é! Confesso que eu também fiquei chocado com isso, mas é verdade. O San Antonio Spurs concede 97,6 pontos a cada cem posses de bola quando Duncan e Splitter jogam juntos. Quando a dupla de pivôs é Timmy + Red Rocket, o Spurs toma 97,7 pontos – uma diferença imperceptível!

Tudo bem que Duncan/Bonner (7,4 minutos por noite) ficam mais tempo em quadra que Duncan/Splitter (5,4 minutos por noite), mas é curioso saber que o Orange Mamba (desculpa Kobe Bryant) é mais relevante defensivamente do que pensamos. Para quem acredita em números isso é um prato cheio!

Abaixo, temos o desempenho ofensivo e defensivo de cada dueto de pivôs do San Antonio Spurs a cada cem posses de bola. O que vocês acham? Acreditam nos números?

Spurs (23-9) @ Blazers (17-16) – Temporada Regular

San Antonio Spurs (23-9) @ Portland TrailBlazers (17-16) – Temporada Regular

Data: 22/02/2012

Horário: 01h00 (Horário de Brasília)

Local: Rose Garden

O San Antonio Spurs entra em quadra nesta terça-feira para seu penúltimo jogo na Rodeo Road Trip. Os comandados de Gregg Popovich tentam manter a sequência de 11 vitórias consecutivas contra o bom time do Portland TrailBlazers – quem vem de derrota para o Los Angeles Lakers. A franquia texana segue sem os lesionados Manu Ginobili, Tiago Splitter e T.J. Ford.

Confrontos na Temporada (1-0)

13/01/2012 – San Antonio Spurs 99 vs. 83 Portland Trail Blazers

Tony Parker (20 pontos e nove assistências) e Tiago Splitter (14 pontos e quatro rebotes) comandaram o excelente segundo tempo do Spurs e a vitória por 99 a 83. Pelo lado do Blazers, LaMarcus Aldridge, sempre ele, foi o destaque com 29 tentos.

San Antonio Spurs

PG – Tony Parker

SG – Danny Green

SF – Richard Jefferson

PF – DeJuan Blair/Matt Bonner

C – Tim Duncan

Fique de Olho - Sem a criatividade de Manu Ginobili, San Antonio depende muito dos arremessos de três pontos. Quando Matt Bonner está com a pontaria calibrada, como aconteceu ontem, contra o Utah Jazz, o Spurs tem grandes chances de vencer.

Portland Trail Blazers

PG – Raymond Felton

SG – Nicolas Batum

SF – Gerald Wallace

PF – LaMarcus Aldridge

C – Marcus Camby

Fique de Olho - O versátil francês Nicolas Batum está em boa fase e mantém médias de 13,7 pontos e 4,3 rebotes por partida. Olho nele!

Spurs (12-7) vs Hawks (13-6) – Vitória e show dos reservas

San Antonio Spurs105X83Atlanta Hawks

O San Antonio Spurs recebeu na quarta-feira (25) o Atlanta Hawks e emplacou sua segunda vitória consecutiva na temporada. No triunfo por 105 a 83, destaque para o banco de reservas, que anotou 51 dos 105 pontos da equipe. Vamos aos principais pontos.

Bronca no terceiro quarto surtiu efeito! (AP Photo/Darren Abate)

Manda quem pode… 

Sou daqueles que aprecia o estilo disciplinador de Gregg Popovich. Contra o Atlanta Hawks, o time texano tinha conseguido abrir uma vantagem confortável no segundo quarto, mas acabou deixando o adversário encostar. Na volta do descanso, os jogadores continuaram apáticos e viram o oponente diminuir a diferença para apenas dois pontos. Irritado, Pop pediu tempo logo nos primeiros minutos do terceiro período e pagou geral. A bronca deu resultado e o quarto foi vencido pelo Spurs por 28 a 17.

Brasileiro Tiago Splitter está cada vez mais à vontade (AP Photo/Darren Abate)

Em alta

O brasileiro Tiago Splitter está em alta. Contra o Hawks, o camisa 22 mais uma vez se destacou. Com um grande arsenal ofensivo, Tiago marcou 16 pontos (5-6) e pegou oito rebotes. O brazuca ainda demonstrou estar afiado nos lances-livres: converteu seis em sete tentativas.

Mais banco de reservas 

Além de Splitter, mais dois suplentes se destacaram na noite de ontem. O sempre criticado Matt Bonner estava com a pontaria afiada e marcou 17 pontos (15 deles de longa distância). Danny Green, por sua vez, anotou dez pontos, cinco rebotes e cinco assistências. Green é, de longe, o reserva mais criativo do Spurs e já ganhou um espaço considerável dentro da equipe. Ontem, por exemplo, ele ficou em quadra por 27 minutos – bem mais tempo que o concorrente Gary Neal e quase igual ao titular Richard Jefferson.

Novatos

Kawhi Leonard voltou a jogar muito na defesa. O camisa 2 fez um ótimo trabalho defensivo sobre Joe Johnson e limitou o astro adversário a apenas dez tentos (5-12). De quebra, Kawhi fez oito pontos. O armador Cory Joseph também foi bem e fez sua primeira boa partida com a camisa do Spurs. Mais à vontade em quadra, o reserva de Tony Parker marcou oito pontos e distribuiu quatro assistências – uma delas muito bonita para o brasileiro Tiago Splitter.

Destaques da Partida

San Antonio Spurs

DeJuan Blair – 17 pontos

Matt Bonner – 17 pontos

Tiago Splitter – 16 pontos e oito rebotes

Tony Parker – 15 pontos e sete assistências

Danny Green – Dez pontos, cinco rebotes e cinco assistências

Atlanta Hawks 

Jeff Teague – 20 pontos e cinco rebotes

Josh Smith – 13 pontos e cinco rebotes

Joe Johnson – Dez pontos e sete assistências

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 50 outros seguidores