Spurs (16-6) vs Lakers (6-16) – Temporada Regular

assinatura SA Br'

San Antonio Spurs vs Los Angeles Lakers – Temporada Regular

Data: 13/12/2014

Horário: 0h30 (Horário de Brasiília)

Local: AT&T Center

Cotação no Apostas Online: Spurs 1.08 (favorito) vs Lakers 7.99

Após vencer sem dificuldades o New York Knicks, utilizando praticamente o time reserva, o San Antonio Spurs volta à quadra para receber o frágil Los Angeles Lakers na madrugada de sexta para sábado. Para o jogo, Gregg Popovich contará com os retornos de Kawhi Leonard (incômodo na mão), Tim Duncan e Manu Ginobili, que ganharam folga na vitória de quarta-feira. Já Tony Parker, que vem sofrendo com dores no calcanhar e não joga desde 5/12, será reavaliado nos vestiários para saber se tem condições de atuar. Pelo lado do visitante, que faz uma das piores campanhas de sua história e vive dias conturbados, a motivação à parte é a chance de Kobe Bryant ultrapassar Michael Jordan na lista dos maiores pontuares de todos os tempos da NBA. Para isso, ele precisará ter uma atuação de gala e anotar 31 pontos.

Clique aqui e compre seus ingressos para o jogo

Kawhi Leonard

PG – Tony Parker

SG – Danny Green

SF – Kawhi Leonard

PF – Boris Diaw

C – Tim Duncan

Fique de olho - Recuperado de uma contusão na mão, Kawhi Leonard tem tudo para manter o bom desempenho na temporada. O camisa #2 deverá ser importante dos dois lados da quadra, pontuando contra uma marcação frágil e parando Kobe Bryant na defesa.

Kobe Bryant

PG – Ronnie Price

SG – Kobe Bryant

SF – Wesley Johnson

PF – Ed Davis

C – Jordan Hill

Fique de olho - Mais do que nunca, hoje o Lakers se resume a Kobe Bryant. Apesar do excesso de erros nos arremessos, o veterano ala-armador acumula média de 25,5 pontos por jogo e ainda tem a capacidade de desequilibrar um duelo. Por outro lado, no último jogo embate as equipes, o camisa #24 parou na boa marcação do Spurs e converteu apenas um arremesso em 14 tentados. Será que a história se repete no AT&T Center?

Spurs (16-6) vs Knicks (4-20) – Que pelada!

109×90

San Antonio Spurs e New York Knicks se enfrentaram na noite desta quarta-feira (10), no AT&T Center em um dos jogos com mais baixo nível desta temporada na NBA. Enquanto do lado texano Tony Parker, Manu Ginobili, Kawhi Leonard e Tim Duncan foram poupados, os nova-iorquinos não mandaram para quadra Carmelo Anthony, seu principal jogador e cestinha. A vitória por 109 a 90 dos mandantes teve de positivo o retorno do pivô brasileiro Tiago Splitter, que ficou apenas oito minutos em quadra. Vamos aos fatos marcantes desse duelo.

Belinelli foi o destaque do Spurs (Reprodução/nba.com/spurs)

Pelados, pelados…

Sem nenhum de seus principais jogadores em quadra, o Spurs começou o confronto com uma formação nada habitual. Cory Jospeh e Danny Green (o único titular em quadra) formaram a dupla de armação, enquanto Kyle Anderson e Matt Bonner preencheram as alas e Aaron Baynes completou o quinteto inicial como pivô. O time ficou “pelado”, sem nenhuma de suas jogadas habituais. Para manter as coisas no eixo e conseguir a vitória, apenas com ajuda dos veteranos que vieram do banco de reservas durante o embate.

Boris Diaw fez bom jogo (nba.com/spurs)

Festa gringa

Iniciando o duelo no banco de reservas, o italiano Marco Belinelli e o francês Boris Diaw foram os principais jogadores do Spurs na vitória. O ala-armador, com sua mira certeira, colaborou com 22 pontos e foi o cestinha do time na partida. Já o ala-pivô, com sua experiência, conduziu o time nos momentos de tensão e foi crucial para deixar os mais jovens mais à vontade durante o duelo.

O que dizer desse jogo…

… que mal começou e nós já queríamos que tivesse acabado? Resumindo, foi uma das piores partidas do Spurs de se assistir. Os poupados fizeram muita falta, é claro, mas dois fatores ajudaram: o adversário era um dos piores times da NBA sem seu principal astro e a equipe texana vinha de um jogo na noite anterior, com parte do elenco cansada pela pequena maratona.

Voltou de vez?

De bom mesmo, a volta de Tiago Splitter. O brasileiro parece estar se recuperando bem de lesão que o afastou de boa parte da temporada até agora e esteve por oito minutos em quadra, anotando três pontos. Pegou um rebote, deu uma assistência e, pasmem, mesmo com esse pouco tempo, deu dois bloqueios. Volta gradual, mas que anima.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Marco Belinelli – 22 pontos

Boris Diaw – 12 pontos, 4 assistências e 3 rebotes

New York Knicks

Tim Hardaway Jr. – 23 pontos

Spurs (15-6) vs Knicks (4-19) – Temporada regular

San Antonio Spurs vs New York Knicks – Temporada Regular

Data: 10/12/2014

Horário: 23h30 (Horário de Brasília)

Local: AT&T Center

Após a surpreendente derrota para o Utah Jazz, o San Antonio Spurs não tem descanso e volta à quadra para enfrentar o instável time do New York Knicks. Os comandados de Gregg Popovich enfrentarão uma das equipes de pior campanha na NBA, tendo boa chance de se recuperar do último revés e manter o foco nos líderes da Conferência Oeste. Tony Parker, poupado do último compromisso, pode ser reforço importante para o duelo.

Clique aqui e compre seus ingressos para o jogo

PG – Tony Parker

SG – Danny Green

SF – Kawhi Leonard

PF – Boris Diaw

C – Tim Duncan

Fique de Olho - Um dos melhores jogadores do time na temporada, Tim Duncan será essencial contra um garrafão fraco e que não tem oferecido muita resistência. Chance de mais um jogo com brilho para o veterano ala-pivô, astro da equipe de San Antonio.

PG – Jose Calderón

SG – Iman Shumpert

SF – Carmelo Anthony

PF – Quincy Acy

C – Samuel Dalembert

Fique de Olho - Um dos principais cestinhas da NBA, Carmelo Anthony vive uma das piores fases de sua carreira, mas segue letal quando mal marcado. Mesmo cercado de críticas, continua capaz de comandar um ataque com facilidade. Olho nele!

Spurs (15-6) @ Jazz (6-16) – Derrota em Utah

96×100

O San Antonio Spurs perdeu a chance de impor a décima derrota consecutiva ao Utah Jazz, na noite desta terça-feira (9), na casa do adversário. O time texano foi derrotado pelo placar de 100 a 96, perdendo pela primeira vez em dois anos para o time de Salt Lake City. Na temporada passada, os quatro confrontos foram vencidos por Tim Duncan e companhia. Para esquecer a derrota, o time de preto e prata encara o New York Knicks nesta quarta-feira.

Duncan foi o destaque do Spurs (Reprodução/nba.com/spurs)

Não há o que falar dele

Mesmo com a derrota, o ala-pivô Tim Duncan teve mais uma daquelas atuações incríveis. O camisa 21, pelo quarto jogo seguido, conseguiu dois dígitos em pelo menos dois fundamentos. Foi quarto duplo-duplo (ou triplo-duplo) consecutivo, dessa vez com anotado 23 pontos e 14 rebotes. The Big Fundamental acertou dez arremessos em 16 tentativas, pegou quatro rebotes ofensivos e distribuiu quatro tocos. Nada mal, não é?

Enquanto isso, nada de Tiago Splitter no banco, ainda se recuperando de lesão. Além de Duncan e de Boris Diaw, outro titular, Matt Bonner e Aron Baynes foram os homens de garrafão do time. O Red Rocket fez cinco pontos o australiano, dois.

Leonard foi bem outra vez (Reprodução/nba.com/spurs)

Ausência

Desfalque sentido foi o do armador Tony Parker. Sem um substituto direto de peso, sempre que o francês fica fora do jogo, o Spurs sente a uma diminuição na produtividade. O armador reserva Cory Joseph não teve uma boa atuação, não distribuindo nenhuma assistência e anotando apenas sete pontos. Na última temporada, contra o Jazz, Parker teve médias de 20 pontos e 7,3 assistências por exibição.

Outra ausência foi a do treinador Gregg Popovich nos momentos decisivos. O técnico da equipe de San Antonio foi expulso ainda no terceiro quarto e não pôde orientar a sua equipe no fim do confronto.

Créditos

Apesar de talentoso, o time de Utah está tendo muita dificuldades nesta temporada. Esta foi apenas a sexta vitória da equipe. No entanto, as coisas se mostraram diferentes desde o princípio, quando eles conseguiram ir para o intervalo em vantagem sobre o advesário.

Normalmente, o segundo quarto sempre é o pior para o Jazz, e a segunda metade do jogo é sempre com a equipe atrás no placar. Na noite de terça, no entanto, eles conseguiram jogar organizadamente e pontuaram nas últimas cinco posses, enquanto o Spurs perdia a bola ou não conseguia mudar o placar quando a tinha a bola em suas mãos.

“Eu acho que eles foram muito agressivos. Pacientes. Eles executaram bem e foram melhores que nós em praticamente todas as facetas do jogo”, disse Gregg Popovich.

.Destaques da partida

San Antonio Spurs

Tim Duncan – 23 pontos, 14 rebotes e 4 tocos

Kawhi Leonard – 16 pontos, 5 rebotes, 5 assistências e 5 roubos de bola

Marco Belinelli – 13 pontos e 4 rebotes

Danny Green – 13 pontos

Manu Ginobili – 10 pontos e 8 assistências

Utah Jazz

Derrick Favors – 21 pontos e 8 rebotes

Gordon Hayward – 20 pontos e 7 rebotes

Alec Burks – 14 ponos e 4 assistências

Enes Kanter – 12 pontos e 15 rebotes

Spurs (15-5) @ Jazz (5-16) – Temporada Regular

 

San Antonio Spurs @ Utah Jazz – Temporada Regular

Data: 09/12/2014

Horário: 00h00 (Horário de Brasília)

Local: Energy Solutions Arena

Após vencer o Minnesota Timberwolves, o San Antonio Spurs cai na estrada para enfrentar o Utah Jazz. Pela segunda noite consecutiva, o time dirigido por Gregg Popovich não deve contar com Tony Parker, ainda se recuperando de lesão. Cory Joseph deve entrar para substituir o francês mais uma vez. No triunfo de sábado, o armador canadense contribuiu com importantes 18 pontos. Já Tiago Splitter pode ser uma novidade no banco, de acordo com o próprio treinador da equipe texana. O brasileiro só jogou dez minutos nesta temporada devido a uma complicada lesão na panturrilha direita. Manu Ginobili, com uma lesão no ombro esquerdo, também é dúvida. Já o time da casa tenta vencer desesperadamente para não amargar décima derrota seguida – seis delas aconteceram em casa.

Clique aqui e compre seus ingressos para o jogo

PG – Corry Joseph

SG - Danny Green/Marco Belinelli

SF – Kawhi Leonard

PF – Boris Diaw

C – Tim Duncan

Fique de Olho - O italiano Marco Belinelli ganhou a chance de passar muito tempo em quadra no sábado, contra o Minnesota Timberwolves, e provou que está pronto para pontuar o quanto for necessário. Em 28 minutos de exibição, foram 20 pontos marcados (FG 58.3%). No dia primeiro de dezembro, na vitória sobre o Philadelphia Sixers, o jogador passou 31 minutos em quadra e também conseguiu marcar dígitos duplos, com 11 pontos.

PG – Trey Burke

SG – Alec Burks

SF – Gordon Hayward

PF – Derrick Favors

C – Enes Kanter

Fique de Olho - Gordon Hayward é uma das únicas coisas positivas da campanha do time de Utah. Ele já fez 30 pontos ou mais em quatro ocasiões nesta temporada. Em sua última apresentação, contra o Kings, ele anotou 19 pontos, sete assistências e quatro roubos de bola.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 50 outros seguidores