Arquivo da categoria: Resumo de Jogos

Spurs (4-1) vs Jazz (2-2) – Classificado

86×77

Nesta quinta-feira (17), o San Antonio Spurs venceu o Utah Jazz por 86 a 77, em confronto válido pela Summer League de Las Vegas, e se classificou para as quartas de final da competição de verão, que desde o ano passado coroa um campeão. Na próxima fase, o time texano vai enfrentar o Washington Wizards, às 23h do próximo sábado. Confira, a seguir, o que de melhor aconteceu na partida contra a equipe de Salt Lake City.

Spurs, de Denmon, levou a melhor sobre o Jazz (Reprodução/nba.com/spurs)

Os garantidos

Entre os três jogadores que estão com o Spurs na Summer League e que estão garantidos no elenco principal da franquia texana, mais uma vez Austin Daye foi o destaque. O ala deixou a quadra com 20 pontos (5-15 FG, 2-9 3 PT, 8-8 FT), quatro rebotes, três roubadas de bola e duas assistências, além de cinco faltas e três desperdícios de posse, em 29:20 minutos. O também ala Kyle Anderson anotou oito pontos (1-1 FG, 1-1 3 PT, 5-6 FT), uma assistência, uma roubada de bola e um toco, além de cinco faltas e dois desperdícios de posse, em 15:33 minutos. Por fim, o ala-pivô Jeff Ayres obteve seis pontos (2-4 FG, 2-2 FT), sete rebotes, três assistências e um toco, além de três faltas e um desperdício de posse, em 20:13 minutos.

Daye foi o cestinha do Spurs (Reprodução/nba.com/spurs)

Sem garantia

Na briga com Aron Baynes pela última vaga aberta no elenco do Spurs para a temporada 2014/2015, o armador Bryce Cotton mais uma vez começou como titular. Contra o Jazz, o jogador teve uma atuação sólida, deixando a quadra com 11 pontos (4-6 FG, 1-1 3 PT, 2-2 FT), cinco rebotes e três assistências nos 22:28 minutos em que esteve em quadra.

Os prospectos

Entre os jogadores selecionados pelo Spurs em Drafts anteriores e que seguem com seus direitos vinculados à franquia texana, o destaque foi DeShaun Thomas. Saindo do banco de reservas, o ala-pivô anotou 14 pontos (6-11 FG, 2-3 3 PT), dois rebotes, duas roubadas de bola e uma assistência, além de uma falta e um desperdício de posse, em 22:46 minutos. O armador Marcus Denmon, por sua vez, deixou a quadra zerado (0-4 FG, 0-2 3 PT), e registrou uma assistência e um rebote, além de um desperdício de posse, em 16:21 minutos.

Por fim, o ala-pivô Ryan Richards já não está mais com a franquia texana em Las Vegas. O britânico viajou para a Áustria para fechar novo contrato com o BC Zepter Vienna.

Os demais

Dois jogadores escolhidos para completar o elenco do Spurs na Summer League tiveram boa exibição. Titular, o armador Darius Morris, que passou por Philadelphia 76ers, Los Angeles Clippers e Memphis Grizzlies na última temporada, anotou dez pontos (5-10 FG, 0-1 3 PT), três rebotes, uma assistência e uma roubada de bola, além de cinco desperdícios de posse e duas faltas, em 27:44 minutos. O ala-armador Vander Blue, por sua vez, obteve dez pontos (2-4 FG, 1-1 3 PT, 5-7 FT) e duas assistências, além de duas faltas, em 18:09 minutos.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Austin Daye – 20 pontos, 4 rebotes e 3 roubos de bola

DeShaun Thomas – 14 pontos e 2 roubos de bola

Bryce Cotton – 11 pontos, 5 rebotes e 3 assistências

Darius Morris – 10 pontos e 3 rebotes

Vander Blue – 10 pontos

Utah Jazz

Rodney Hood – 19 pontos e 5 rebotes

Brock Motum – 14 pontos e 8 rebotes

Rudy Gobert – 12 pontos e 6 rebotes

Trey Burke – 12 pontos, 3 assistências e 2 roubos de bola

Spurs (3-1) vs Bucks (0-4) – O novato acordou

100×71

Na noite desta quarta-feira (16), o San Antonio Spurs enfrentou o Milwaukee Bucks, time de Jabari Parker, segunda escolha do Draft desse ano e grande promessa para o futuro da NBA, e conseguiu uma vitória fácil. Revezando bastante seus atletas, a equipe texana conseguiu manter o ritmo em grande parte da partida e está classificada para a sequência da Summer League. Vamos aos destaques do confronto:

Spurs superou o Bucks (Reprodução/facebook.com/NBASummerLeague)

SlowMo acordou

Demorou um pouco, mas a principal aposta do Spurs para a temporada, enfim, “acordou”. Fazendo partida sólida ofensivamente, Kyle Anderson, em poucos minutos, liderou a equipe em pontos na vitória sobre o Bucks, que garantiu o time na fase seguinte da liga de verão de Las Vegas deste ano. Com 14 pontos em pouco mais de 19 minutos, o ala fez o que se espera dele e mostrou que pode ser um grande apoio para o titular Kawhi Leonard.

Time júnior como time grande

Pode-se observar a influência de Gregg Popovich e o quanto o técnico está interessado no desenvolvimento dos jogadores ligados ao time principal. Na partida desta quarta, nenhum atleta do time atuou mais do que 20 minutos, sendo que todos participaram do duelo, e nenhum atuou por menos do que dez minutos. Isso mostra que Pop acredita em seu modelo e que já quer ensiná-lo até para atletas que não devem fazer parte da equipe essa temporada.

Marcação à lá Pop

Sendo principal responsável pela marcação de Jabari Parker, Austin Daye não fez feio. Não deixando o ala adversário confortável durante grande parte do jogo, o jogador do Spurs conseguiu forçá-lo a cometer sete perdas de bola durante todo o duelo. Além disso, fez uma partida sólida e, em 16 minutos, conseguiu nove pontos, quatro assistências e quatro rebotes.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Kyle Anderson – 14 pontos e 3 rebotes

Vander Blue – 12 pontos e 3 rebotes

Marcus Denmon – 11 pontos

Austin Daye – 9 pontos, 4 assistências e 4 rebotes

Milwaukee Bucks

Giannis Antetokounmpo – 20 pontos e 7 rebotes

Jabari Parker – 16 pontos e 4 rebotes

Spurs (2-1) vs Pelicans (2-1) – Daye desencanta

88×86

Nesta segunda-feira (14), o San Antonio Spurs bateu o New Orleans Pelicans por 88 a 86 e chegou à sua segunda vitória em três jogos na Summer League de Las Vegas. O destaque da equipe texana na partida foi o ala Austin Daye, que faz parte do time principal e finalmente teve uma boa exibição na competição. Confira, a seguir, o que de principal aconteceu na partida.

Spurs levou a melhor sobre o Pelicans (Reprodução/facebook.com/NBASummerLeague)

Os garantidos

Dos três jogadores que fazem parte do plantel da Summer League e já estão garantidos no elenco principal do Spurs para a temporada 2014/2015, o destaque foi Austin Daye. O ala, que vinha deixando a desejar na competição, deixou a quadra com 18 pontos (5-12 FG, 2-5 3 PT, 6-7 FT), 11 rebotes e cinco assistências, além de três faltas e um desperdício de posse, em 27:43 minutos. Além dele, o também ala Kyle Anderson anotou nove pontos (4-8 FG, 0-1 3 PT, 1-2 FT), três assistências e três rebotes, além de três faltas e dois desperdícios de posse, em 28:18 minutos, e o ala-pivô Jeff Ayres obteve 11 pontos (4-7 FG, 3-3 FT), cinco rebotes e uma roubada de bola, além de três faltas e dois desperdícios de posse, em 21:32 minutos.

Sem garantia

Titular pelo segundo jogo seguido, Bryce Cotton, que luta com Aron Baynes pela última vaga aberta no elenco principal do Spurs para a temporada 2014/2015, não teve boa exibição. O armador deixou a quadra com cinco pontos (1-6 FG, 0-2 3 PT, 3-3 FT), uma assistência e uma roubada de bola, além de cinco faltas e um desperdício de posse, em 18:38 minutos.

Os prospectos

Os dois jogadores selecionados pelo Spurs em Drafts anteriores que seguem com seus direitos ligados à franquia texana e entraram em quadra contra o Pelicans não foram bem. O ala-pivô DeShaun Thomas anotou cinco pontos (2-11 FG, 1-3 3 PT), seis rebotes e uma assistência, além de três faltas, em 17:03 minutos. Já o armador Marcus Denmon deixou a quadra zerado, errando os três arremessos de quadra que tentou (dois deles de três pontos), e obteve dois rebotes, uma assistência e uma roubada de bola em 16:25 minutos. Outro atleta nessa situação, o ala-pivô Ryan Richards nem sequer deixou o banco de reservas mais uma vez.

Os demais

Dois jogadores escolhidos para completar o elenco do Spurs na Summer League tiveram boa exibição na partida. Começando como titular, o armador Darius Morris, que passou por Philadelphia 76ers, Los Angeles Clippers e Memphis Grizzlies na última temporada, foi o cestinha do time texano com 19 pontos (7-12 FG, 1-1 3 PT, 4-4 FG), e ainda obteve quatro assistências, quatro rebotes e um toco, além de duas faltas e um desperdício de posse, em 29:48 minutos. Já o ala-pivô JaMychal Green, saindo do banco de reservas, deixou a quadra com 14 pontos (5-8 FG, 4-4 FT), nove rebotes, duas assistências e uma roubada de bola, além de quatro faltas e dois desperdícios de posse, em 18:31 minutos.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Darius Morris – 19 pontos, 4 assistências e 4 rebotes

Austin Daye – 18 pontos, 11 rebotes e 5 assistências

JaMychal Green – 14 pontos e 9 rebotes

Jeff Ayres – 11 pontos e 5 rebotes

New Orleans Pelicans

DeQuan Jones – 20 pontos

Courtney Fells – 19 pontos, 5 rebotes e 2 tocos

Josh Carter – 15 pontos

Russ Smith – 14 pontos, 10 assistências e 5 rebotes

Spurs (1-1) vs Cavaliers (2-0) – Primeiro revés

70×82

Neste domingo (13), o San Antonio Spurs sofreu sua primeira derrota na Summer League de Las Vegas deste ano. Depois de estrear com vitória sobre o Milwaukee Bucks, a equipe texana perdeu por 82 a 70 para o Cleveland Cavaliers do badalado ala Andrew Wiggins, primeira escolha do Draft deste ano. Confira, a seguir, os principais pontos da partida.

Spurs, de Denmon, levou a pior (Reprodução/nba.com/spurs)

Os garantidos

Os três jogadores do Spurs garantidos no elenco principal para a próxima temporada não tiveram boas atuações. Austin Daye anotou dez pontos, cinco rebotes, duas assistências, uma roubada de bola e um toco, mas teve aproveitamento ruim nos arremessos (3-11 FG, 2-6 3 PT, 2-4 FT) e registrou seis faltas e dois desperdícios de posse em 22:56 minutos. O novato Kyle Anderson deixou a quadra com dois pontos (1-7 FG), seis rebotes, três roubadas de bola, um toco, um desperdício de posse e uma falta em 25:07 minutos. Por fim, Jeff Ayres obteve dois pontos (1-4 FG), dois rebotes, uma assistência, uma roubada de bola, seis faltas e um desperdício de posse em 22:05 minutos.

Thomas foi o cestinha do time (Reprodução/nba.com/spurs)

Sem garantia

Na luta com Aron Baynes pela última vaga que resta aberta no elenco do Spurs para a temporada 2014/2015, o armador Bryce Cotton foi titular pela primeira vez na Summer League. Porém, não conseguiu boa atuação, obtendo três pontos (1-6 FG, 0-4 3 PT, 1-2 FG), quatro assistências, três rebotes e um desperdício de posse em 22:21 minutos.

Os prospectos

Entre os jogadores selecionados pelo Spurs em Drafts anteriores e que seguem com seus direitos ligados à franquia texana, somente Marcus Denmon foi titular. O armador deixou a quadra com oito pontos (3-8 FG, 2-5 3 PT), uma roubada de bola e três faltas em 21:45 minutos. Saindo do banco de reservas após fazer parte do quinteto inicial no jogo contra o Bucks, DeShaun Thomas teve atuação de destaque, com 21 pontos (7-16 FG, 2-3 3 PT, 5-5 FT) e cinco rebotes em 27:11 minutos. Por fim, Ryan Richards nem sequer deixou o banco de reservas.

Os demais

Dos jogadores escolhidos para completar o elenco da equipe texana na Summer League, o destaque foi JaMychal Green. O ala-pivô deixou a quadra com 12 pontos (6-11 FG, 0-2 3 PT), seis rebotes, dois tocos, quatro faltas e dois desperdícios de posse em 17:54 minutos. O armador Darius Morris, que passou por Philadelphia 76ers, Los Angeles Clippers e Memphis Grizzlies na última temporada, anotou seis pontos (3-7 FG), cinco assistências, cinco rebotes, um toco, uma falta e um desperdício de posse em 22:40 minutos.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

DeShaun Thomas – 21 pontos e 5 rebotes

JaMychal Green – 12 pontos, 6 rebotes e 2 tocos

Austin Daye – 10 pontos e 5 rebotes

Cleveland Cavaliers

Will Cherry – 21 pontos, 7 rebotes e 4 assistências

Jack Cooley – 15 pontos e 5 rebotes

Anthony Bennett – 13 pontos e 14 rebotes

Andrew Wiggins – 13 pontos, 3 rebotes e 2 tocos

Spurs (1) @ Kings (0) – Triunfo na estreia

85×69

Na noite desta sexta-feira (11), o San Antonio Spurs estreou na Summer League de Las Vegas contra o Sacramento Kings e saiu de quadra com a vitória. Com novos nomes como Kyle Anderson e Bryce Cotton, além de dois velhos conhecidos que já fazem parte do elenco principal, Austin Daye e Jeff Ayres, os texanos tiveram triunfo fácil na primeira partida da equipe na competição. Vamos aos destaques do confronto:

Daye foi o cestinha do Spurs (NBAE/GettyImages)

Kyle Anderson

Principal “contratação” do Spurs para temporada até aqui, Kyle Anderson deu mostras do que é capaz. Com um jogo comparado ao de outro jogador do time texano, Boris Diaw, o ala, que também pode atuar como armador, terminou a partida com seis pontos, seis assistências e quatro rebotes. Ofensivamente, pôde-se observar sua capacidade de realizar bons passes, além do ala parecer confortável no comando de pick-and-rolls. Porém, defensivamente, quando era preciso marcar algum ala-armador, ele teve certa dificuldade na execução.

Cotton melhorou no segundo tempo (NBAE/GettyImages)

Bryce Cotton

Iniciando a partida no banco, Bryce Cotton atuou por 16 minutos e anotou 12 pontos, acertando três dos quatro arremessos de quadra que tentou, incluindo uma boa de três convertida em duas tentativas, e marcou cinco pontos de lances livres. Na maior parte do tempo, jogou como armador, mas atuou algumas vezes na posição 2. Inicialmente pareceu perdido, mas, a partir do terceiro quarto, ajustou seu jogo, deixando dez de seus 12 pontos no segundo tempo.

Os ‘vetetanos’

Austin Daye e Jeff Ayres iniciaram a partida no time titular. O ala anotou 14 pontos, mas foram somente cinco acertos em 18 arremessos de quadra durante o tempo em que esteve em quadra. Para compensar, coletou nove rebotes. Já o jogador de garrafão conseguiu chegar aos dígitos duplos fazendo dez pontos, coletou quatro rebotes e conseguiu duas roubadas de bola. O maior problema dos “veteranos” foi o número de faltas. O primeiro cometeu cinco e o segundo, seis.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Austin Daye – 14 pontos e 9 rebotes

Bryce Cotton – 12 pontos

Darius Morris – 12 pontos

Marcus Denmon – 11 pontos e 5 rebotes

Jeff Ayres – 10 pontos e 4 rebotes

Sacramento Kings

Quincy Acy – 14 pontos e 7 rebotes

Nik Stauskas – 14 pontose e 3 assistências

Derrick Williams – 12 pontos e 5 rebotes

Ben McLemore – 11 pontos

Ray McCallum – 10 pontos e 5 rebotes

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 47 outros seguidores