Arquivo do autor:Vinicius Nordi Esperança

Spurs (15-5) vs Wolves (4-15) – Italiano voador

123×101

O San Antonio Spurs enfrentou o Minnesota Timberwolves neste sábado (6) e saiu vitorioso. Mesmo com as ausências de Tony Parker e Manu Ginobili, os texanos não encontraram dificuldades para bater o pior time da Conferência Oeste. Vamos as destaques do confronto:

Belinelli foi o principal jogador texano (Reprodução/nba.com/spurs)

Mostrando do que é capaz

Com um início de temporada complicado, ficando fora por conta de algumas lesões, Marco Belinelli está entrando em forma novamente. Atuando por mais minutos nas últimas partidas, o italiano vem jogando bem e mostrando que pode ser peça fundamental nos playoffs. Contra o Wolves, teve ótima partida, anotando 20 pontos e distribuindo seis assistências.

Mais um double-double para Duncan (Reprodução/nba.com/spurs)

Elenco qualificado

Uma das principais forças da equipe de San Antonio é seu elenco. Tanto os titulares quanto os reservas têm a capacidade de manter a equipe sempre competitiva, independentemente do oponente. Na partida contra a equipe de Minnesota, sete atletas texanos alcançaram mais que dez pontos, sendo que nenhum atuou mais que 32 minutos. Isso mostra a qualidade do elenco, marca registrada do título da temporada passada.

Um dos maiores

18 minutos: esse foi o tempo que Tim Duncan precisou para anotar mais um double-double, sem precisar de muito esforço. Atuando por 18 minutos, o ala-pivô conseguiu dez rebotes e 13 pontos, além de cinco assistências, sendo um dos destaques da equipe. Fica aqui uma frase dita por um comentarista, na partida em que anotou um triple-double. “Ele não fez uma partida brilhante, ele não precisa. Simplesmente foi lá e jogou o que sabe, mas sabe tanto que conseguiu essa marca com facilidade espantosa“.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Marco Belinelli – 20 pontos e 6 assistências

Cory Joseph – 18 pontos e 5 assistências

Kawhi Leonard – 18 pontos

Boris Diaw – 17 pontos

Tim Duncan – 13 pontos e 10 rebotes

Minnesota Timberwolves

Zach LaVine – 22 pontos e 10 assistências

Shabazz Muhammad – 20 pontos

Anthony Bennett – 14 pontos e 10 rebotes

Thaddeus Young – 14 pontos

Spurs (14-5) @ Wolves (4-14) – Temporada regular

San Antonio Spurs vs Minnesota Timberwolves – Temporada regular

Data: 06/12/2014

Horário: 23h30 (Horário de Brasília)

Local: AT&T Center

Cotação no Apostas Online: Spurs 1,05 (favorito) vs Wolves 10,0

O San Antonio Spurs volta aos seus domínios para enfrentar o Minnesota Timberwolves. Após grande vitória contra o Memphis Grizzlies na noite de sexta-feira (5), fora de casa, o time texano tem a missão de manter a boa fase contra o lanterna da Conferência Oeste.

Clique aqui e compre seus ingressos para o jogo

Confrontos na temporada (1-0)

22/11/2014 – Spurs 121 @ 91 Wolves

Atuando longe de casa, os texanos não tiveram dificuldades para bater seu oponente. Em partida em que todos os jogadores tiveram desempenho muito bom, fica o destaque para Austin Daye, que anotou um double-double no jogo.

PG – Cory Joseph

SG – Danny Green

SF – Kawhi Leonard

PF – Boris Diaw

C – Aron Baynes

Fique de Olho: Com a provável ausência de Tony Parker, que saiu machucado da partida contra o Memphis Grizzlies, Cory Joseph terá a missão de liderar a equipe na armação. Fazendo bom trabalho vindo do banco, o canadense terá mais uma oportunidade de provar que pode brigar pela vaga de primeiro reserva com Patty Mills.

PG – Zach Lavine

SG – Corey Brewer

SF – Andrew Wiggins

PF – Thaddeus Young

C – Gorgui Dieng

Fique de Olho: Uma das grandes apostas para o futuro da NBA, Andrew Wiggins não vem brilhando nesse início de carreira. Entretanto, nas últimas partidas, vem amadurecendo e melhorando seus números. Comparado muitas vezes a Carmelo Anthony e até a LeBron James, o menino tem muito potencial e pode ser uma pedra no sapato dos texanos.

Spurs (13-4) vs Sixers (0-17) – Bem servidos

109×103

O San Antonio Spurs viajou até a Pensilvânia na noite desta segunda feira (1) para enfrentar os donos da casa, o Philadelphia 76ers, e saiu vitorioso. Com Kawhi Leonard sendo o principal jogador dos texanos, e mesmo com Tony Parker e Tim Duncan poupados, a equipe de Gregg Popovich não teve dificuldades para alcançar o triunfo. Vamos as destaques do confronto:

Tony Parker e Tim Duncan foram poupados da partida (Reprodução/nba.com/spurs)

Tony Parker e Tim Duncan foram poupados da partida (Reprodução/nba.com/spurs)

Engrenou

Registrando a oitava vitória consecutiva, o Spurs emplacou de vez na briga pelo topo da Conferência Oeste. Disputando partidas contra equipes teoricamente mais fracas e que não vão disputar com tanto afinco vagas aos playoffs, os texanos vêm criando uma gordura para os confrontos diretos que ainda serão realizados ao longo de sua campanha. Diante dos principais rivais ao título da conferência, o alvinegro perdeu apenas para Houston Rockets, indicando mais uma boa campanha da equipe de San Antonio nessa temporada regular.

Coadjuvante, Baynes vem jogando bem (Reprodução/nba.com/spurs)

Coadjuvantes em ação

Sem alguém pode ficar feliz com Tiago Splitter e Patty Mills fora neste princípio de temporada, essas pessoas são Aron Baynes e Cory Joseph. Às vezes criticados por parte da torcida, o pivô, que substitui o brasileiro, e o armador, que vem entrando no lugar do australiano, vêm tendo bom desempenho e suprindo a falta dos companheiros. Contra o Sixers, o australiano anotou 15 pontos e coletou nove rebotes, quase conseguindo um double-double. O canadense, por sua vez, fez talvez sua melhor partida na temporada, conseguindo 14 pontos, oito rebotes e seis assistências. Bom começo de campeonato para atletas muitas vezes deixados de lado, atuando somente no garbage time.

Melhora progressiva

Após ficar parte desse começo do campeonato fora por causa de uma infecção no olho, Kawhi Leonard, que ainda tem sequelas da doença, vem, aos poucos, apresentando o basquete que o tornou MVP das finais da NBA na temporada passada.

Analisando os últimos cinco jogos, o ala tem em média 19,8 pontos, 8,4 rebotes e 1,8 roubos de bola em pouco mais de 34,6 minutos por exibição. Levando em consideração suas médias desde o princípio, o atleta teve melhora considerável em todos os fundamentos.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Kawhi Leonard – 26 pontos, 10 rebotes e 4 assistências

Aron Baynes – 15 pontos e 9 rebotes

Cory Joseph – 14 pontos, 8 rebotes e 6 assistências

Manu Ginobili – 14 pontos

Danny Green – 11 pontos e 4 assistências

Philadelphia Sixers

Michael Carter-Williams – 24 pontos, 11 rebotes e 7assistências

Alexey Shved – 19 pontos

Henry Sims – 12 pontos

Kj McDaniels – 10 pontos e 9 rebotes

Spurs (12-4) @ Sixers (0-16) – Temporada regular

San Antonio Spurs @ Philadelphia 76ers – Temporada regular

Data: 01/12/2014

Horário: 22h00 (Horário de Brasília)

Local: Wells Fargo Center

Cotação no Apostas Online: Spurs 1,06 (favorito) @ Sixers 9,48

Nesta segunda-feira, o San Antonio Spurs viaja até a Pensilvânia para enfrentar o fraco Philadelphia 76ers. Na primeira partida entre as duas equipes no campeonato, mesmo com os reservas, os texanos tiveram vitória fácil. Mesmo com o alvinegro estando longe de seus domínios dessa vez, não é esperado que o time da casa consiga endurecer muito o jogo.

Clique aqui e compre seus ingressos para o jogo

Confrontos na temporada (1-0)

17/11/2014 – Spurs 100 vs 75 Sixers

Com ótima atuação do coadjuvante Matt Bonner, o Spurs conseguiu uma vitória tranquila contra a pior equipe da temporada. O jogo foi marcado pela volta dos texanos a seu ginásio, após uma sequencia de quatro partidas na Califórnia.

PG – Cory Joseph

SG – Danny Green

SF – Kawhi Leonard

PF – Boris Diaw

C – Aron Baynes

Fique de Olho: Após ótima atuação na última partida, na vitória sobre o Boston Celtics, Danny Green, que voltou a converter suas bolas de três, vem com tudo para mais uma partida contra o time da Pensilvânia. Com 18 pontos, seis rebotes, três assistências e três roubos de bola, o ala-armador foi o principal jogador texano na noite de domingo (30) no TD Garden.

PG – Michael Carter Williams

SG – Hollis Thompson

SF – Luc Mbah A Moute

PF – Nerlens Noel

C – Henry Sims

Fique de Olho: Sempre há uma luz no fim do túnel, e essa luz, para o Philadelphia 76ers, é Michael Carter-Williams. Após perder o começo da temporada por conta de uma lesão, o armador voltou e vem carregando o time nas costas. Com atuação impressionante na última partida de sua equipe, contra o Dallas Mavericks, na qual anotou 18 pontos, distribuiu 16 assistências e coletou dez rebotes, o segundanista é a principal arma do time da Pensilvânia.

Spurs (11-4) vs Kings (9-7) – De volta ao normal

112×104

O San Antonio Spurs enfrentou na noite desta sexta-feira (28), novamente, o Sacramento Kings, dessa vez no Texas. Após derrota no primeiro confronto, o segundo foi marcado por uma vitória tranquila por parte do time alvinegro. Vamos as destaques do duelo:

Tony Parker foi o destaque da partida anotando 27 pontos (Reprodução: nba.com/spurs)

Tony Parker foi o destaque da partida anotando 27 pontos (Reprodução/nba.com/spurs)

Francês on fire

Tony Parker vem mostrando todo seu potencial nos últimos jogos. Após um começo de campeonato inconstante, o francês parece que acertou a mão. Nos últimos quatro jogos, o armador tem médias 24,5 pontos e 6,5 assistências por exibição, contra Minnesota Timberwolves, Brooklyn Nets, Indiana Pacers e Sacramento Kings. Ainda que Kawhi Leonard tenha sido o MVP das finais na temporada passada e Tim Duncan e Manu Ginobili joguem bem, o principal jogador da equipe é o camisa #9, e tê-lo saudável e com boas apresentações é meio caminho para vitórias da equipe de San Antonio.

Messina vem dando conta do recado (Reprodução/nba.com/spurs)

Panela velha é que faz comida boa

Incansáveis: essa é a palavra. Jogadores que não cansam de vencer, e mesmo estando velhos e com muitos títulos, se esforçam ao máximo. Tim Duncan, com 38 anos, apresentando médias de 14 pontos, 10,1 rebotes, 2,7 assistências e 30,2 minutos por jogo. Manu Ginobili, com 36 anos, apresentando médias de 11 pontos, 4,2 assistências, 2,4 rebotes e 24,4 minutos por jogo. Por mais que a equipe tenha Tony Parker e Kawhi Leonard, sem os dois veteranos as coisas ficariam complicadas. Infelizmente, a aposentadoria está próxima, e Gregg Popovich terá que tirar mais coelhos da cartola, pois será tarefa quase impossível substituir ambos os craques à altura.

Monstro

Kawhi Leonard novamente deu mostras da sua capacidade. Um monstro defensivamente, com quatro tocos e três roubos de bola, e ofensivamente, vem mostrando que jogadas não precisam ser desenhadas para ele, pois ele vai e resolve sozinho.

Com 19 pontos, foi o segundo cestinha do time, contra um time que tem o ótimo Rudy Gay.

Bom começo

Ettore Messina vem substituindo o comandante Gregg Popovich, afastado por conta de uma cirurgia, e vem fazendo bonito. Mostrando muita energia e mantendo o esquema de jogo do “chefe”, já conduziu a equipe com duas vitórias em dois jogos. O italiano, cotado para ser o próximo treinador dos texanos assim que Pop se aposentar, mostra que está entendendo muito bem o funcionamento de equipe e da NBA.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Tony Parker – 27 pontos e 8 assistências

Kawhi Leonard – 19 pontos, 4 rebotes, 2 assistências, 3 roubos de bola e 4 tocos

Tim Duncan – 18 pontos e 8 rebotes

Danny Green – 11 pontos

Aron Baynes – 10 pontos

Sacramento Kings

Rudy Gay – 23 pontos e 8 assistências

Ryan Hollins – 15 pontos e 6 rebotes

Darren Collison – 15 pontos

Ben McLemore – 14 pontos

Carl Landry – 12 pontos

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 50 outros seguidores