Arquivo do autor:Leonardo Sacco

Spurs (1-0) vs Mavericks (0-1) – Emoção desnecessária

90×85

Com um pouco mais de emoção do que o necessário, o San Antonio Spurs venceu o Dallas Mavericks por 90 a 85, neste domingo (20), no AT&T Center, e largou na frente para a disputa da série, válida pela primeira rodada dos playoffs da Conferência Oeste. Após um começo de jogo excelente, a equipe vacilou e venceu apenas graças às atuações acima da média de Tim Duncan e Tony Parker. Vamos ao que de melhor aconteceu no duelo:

Parker foi o destaque do time no começo do jogo (NBAE/Getty Images)

Avassalador

Com uma defesa incrível e um ataque afiado, o Spurs fez 21 pontos e levou apenas 12 no primeiro período de jogo. A diferença considerável foi construída principalmente devido à atuação ofensiva de Parker, que, no início do duelo, destruiu todas as tentativas de defesa do adversário. Os nove pontos de distância acabaram sendo decisivos para a vitória ao final do duelo.

Duncan foi o grande nome do Spurs (NBAE/Getty Images)

Tem alguém aí?

Tendo em vista a superioridade, parecia que o jogo entre Spurs e Mavs tinha tudo para terminar com bela vitória dos donos da casa. Engano de todos. O time de Dallas reagiu com uma partida magistral de seu banco de reservas e foi para o intervalo com surpreendente vantagem de um ponto no placar.

Papéis invertidos

Um dos grandes desequilíbrios da série é a força dos bancos de reservas. Antes do jogo começar, era apontada a vantagem do Spurs no quesito, já que os reservas de Gregg Popovich lideram a NBA em pontuação e acerto de arremessos. Já no adversário, a situação era preocupante no setor. Pois as posições se inverteram e o Mavericks foi quem teve ajuda decisiva de sua segunda unidade. Foram 46 pontos feitos pelos suplentes do adversário, enquanto os do alvinegro anotaram apenas 23 – destaque negativo para Marco Belinelli, que saiu zerado de quadra ao tentar quatro arremessos e não converter nenhum.

Dupla afiada

Em determinado momento do terceiro quarto, Tim Duncan se chocou com Monta Ellis e foi para o banco com dores no joelho. Preocupação que virou alívio quando o ala-pivô voltou às quadras e liderou o Spurs à vitória. Quando, no último período, o Mavericks chegou a abrir dez pontos de vantagem, foi sob o comando do ala-pivô que o alvinegro brilhou. No total, foram 27 pontos feitos pelo veterano.

Outros destaques

Além dos 21 pontos de Tony Parker, fica o bom desempenho de Kawhi Leonard e, principalmente, o trabalho defensivo de Boris Diaw, que exerceu ótima marcação sobre Dirk Nowitzki, que terminou a partida com apenas 11 pontos anotados, como pontos positivos do jogo.

De novo em casa

Após a vitória com sustos, o Spurs volta a enfrentar o Mavericks, de novo no AT&T Center, na próxima quarta-feira (23), às 21h00 (horário de Brasília).

Justa homenagem

É bem verdade que Gregg Popovich não costuma ser muito animado na hora de dar entrevistas. Mas, pouco antes do começo do último período, mesmo com o duelo bem difícil, ele não perdeu a chance de homenagear Craig Sager. O repórter de quadra da TNT, uma lenda dentro da NBA, está com leucemia e foi substituído por seu filho, Craig Sager Jr.. E Pop, além de dar uma bela entrevista, diferente do que sempre acontece, parabenizou o garoto e ainda homenageou o repórter veterano. Entre outras, soltou: “Queremos você de volta rápido, prometo que serei bonzinho com suas perguntas”. Bonita homenagem que você pode assistir, com áudio totalmente em inglês, abaixo, acima do compacto da partida:

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Tim Duncan – 27 pontos e 7 rebotes

Tony Parker – 21 pontos, 6 assistências e 4 rebotes

Kawhi Leonard – 11 pontos e 10 rebotes

Tiago Splitter – 8 pontos, 11 rebotes e 2 roubos de bola

Dallas Mavericks

Devin Harris – 19 pontos e 5 assistências

Dirk Nowitzki – 11 pontos e 8 rebotes

Spurs (0) vs Mavericks (0) – 1ª rodada dos playoffs

San Antonio Spurs vs Dallas Mavericks – Primeira rodada dos playoffs

Data: 20/04/2014

Horário: 14h00 (Horário de Brasília)

Local: AT&T Center

Na TV: Space

Cotação no Apostas Online: Spurs 1,18 (favorito) vs Mavs 4,90

Abrindo a série em melhor de sete jogos da primeira rodada dos playoffs da Conferência Oeste, o San Antonio Spurs recebe o Dallas Mavericks no AT&T Center. Para o duelo, o treinador Gregg Popovich poderá contar com força máxima e jogadores descansados após repouso que envolveu inclusive o compromisso final da fase regular, que terminou com derrota para o Los Angeles Lakers. O rival, derrotado pelo alvinegro nos últimos oito confrontos entre os times, também terá todo o elenco à disposição para a estreia. E os jogadores da equipe da casa precisam ficar de olhos abertos: das quatro partidas disputadas neste sábado, primeiro dia de playoffs, três terminaram com visitantes como vencedores.

PG – Tony Parker

SG – Danny Green

SF – Kawhi Leonard

PF – Tim Duncan

C – Tiago Splitter

Fique de Olho - Não há como não esperar que Tony Parker seja fator de desequilíbrio. Nos jogos que disputou contra o rival na temporada regular, ele foi bem. O francês, com sua velocidade, é quem mais tem potencial para aproveitar as falhas defensivas do Mavericks.

PG – Jose Calderón

SG – Monta Ellis

SF – Shawn Marion

PF – Dirk Nowitzki

C – Samuel Dalembert

Fique de Olho - Principal pontuador do time de Dallas, Dirk Nowitzki costuma crescer em playoffs e pode ser um jogador bem perigoso se mal marcado. Com suas bolas de longa distância e sua boa movimentação, ele é a maior esperança para o Mavericks.

Duelo entre Spurs e Mavericks começa neste domingo

A caminhada do San Antonio Spurs na pós-temporada da NBA tem data e hora marcada para começar. Como melhor time na classificação geral, o alvinegro começará todas as séries que disputar atuando em casa e com a vantagem de atuar em quatro partidas como mandantes.

Nowitzki e Duncan frente a frente de novo (Reprodução/facebook.com/Spurs)

Diante do Dallas Mavericks, adversário da primeira rodada no Oeste, o Spurs entrará em quadra inicialmente no próximo domingo (20), às 14h00 (horário de Brasília).

VEJA O CALENDÁRIO DO CONFRONTO:

Jogo 1 – 20/04/2014 – 14h00 (horário de Brasília) – San Antonio Spurs vs Dallas Mavericks
Jogo 2 – 23/04/2014 – 21h00 (horário de Brasília) – San Antonio Spurs vs Dallas Mavericks
Jogo 3 – 26/04/2014 – 17h30 (horário de Brasília) – San Antonio Spurs @ Dallas Mavericks
Jogo 4 – 28/04/2014 – 22h30 (horário de Brasília) – San Antonio Spurs @ Dallas Mavericks
Jogo 5* – 30/04/2014 – San Antonio Spurs vs Dallas Mavericks
Jogo 6* – 02/05/2014 – San Antonio Spurs @ Dallas Mavericks
Jogo 7* – 04/05/2014 – San Antonio Spurs vs Dallas Mavericks

* Se houver necessidade; os horários serão divulgados se os duelos acontecerem

Spurs (61-18) @ Mavericks (48-32) – Não vale fazer piada

109×100

Dois anos seguidos sem derrotas para o grande rival local. Foi esse o feito que o San Antonio Spurs atingiu nesta quinta-feira (10), ao bater o Dallas Mavericks por 109 a 100, jogando na casa do oponente. Foi a oitava vitória consecutiva sobre os adversários em temporadas regulares, a segunda varrida seguida. Vamos ao que de melhor aconteceu no jogo.

Spurs, de Splitter, levou a melhor sobre o Mavs (NBAE/Getty Images)

Demônio da Tazmânia

Bem, quem já assistiu desenhos dos Looney Tunes sabe quem é o Taz. Nascido lá na Oceania, ele costuma fazer estrago por onde passa. E estrago foi o que fez o australiano Patrick Mill no Mavericks. Foram 26 pontos e seis assistências, melhor atuação do armador pelo Spurs. Substituiu bem demais Tony Parker, que foi preservado por Gregg Popovich.

Patrick Mills foi o cestinha do Spurs (NBAE/Getty Images)

Bem no perímetro…

O Spurs conseguiu sua vitória principalmente ao bom desempenho dos jogadores no perímetro, com ênfase para as bolas arriscadas da linha dos três pontos. Foram 16 arremessos certeiros em 34 tentativas, 47,1% do total – um excelente aproveitamento. O armador australiano Patrick Mills, cestinha do time no clássico desta quarta-feira, foi responsável por converter seis bolas de longa distância.

…melhor ainda no garrafão

O ala-pivô Tim Duncan obteve 15 rebotes na partida contra o Mavericks, enquanto o ala Kawhi Leonard coletou surpreendentes e incríveis 16. A dupla dominou a tábua dos dois lados da quadra e terminou sendo decisiva para mais uma vitória do Spurs, que ainda encara Houston Rockets, fora de casa, e Los Angeles Lakers, no AT&T Center, antes de encerrar sua caminhada em mais uma fase regular.

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Patrick Mills – 26 pontos

Tim Duncan – 20 pontos e 15 rebotes

Kawhi Leonard – 16 pontos e 16 rebotes

Dallas Mavericks

Monta Ellis – 24 pontos

Dirk Nowitzki – 19 pontos

Spurs (60-18) @ Mavericks (48-31) – Temporada regular

San Antonio Spurs @ Dallas Mavericks - Temporada Regular

Data: 10/04/2014

Horário: 21h00 (Horário de Brasília)

Local: American Airlines Arena

Na TV: Space

Após surpreendente derrota para o Minnesota Timberwolves, o San Antonio Spurs volta às quadras nesta quinta-feira (10) para enfrentar o Dallas Mavericks em clássico local. Em jogo, estará a chance do alvinegro vencer o adversário pela quarta vez seguida no campeonato, fazendo com que, pelo segundo ano seguido, os comandados de Gregg Popovich passem invictos pelos grandes rivais na temporada regular. Para ajudar, o ala-armador argentino Manu Ginobili deve atuar após sofrer lesão na última partida.

Confrontos na temporada (3-0)

26/12/2013 – Spurs 116 @ 107 Mavericks

Na primeira vez em que os rivais se cruzaram na temporada, grandes atuações de Tim Duncan e Tony Parker deram a vitória ao Spurs. O encontro marcou a primeira aparição de DeJuan Blair, ex-Spurs, pelo adversário no clássico. Ele foi bem, com 14 pontos e 11 rebotes.

08/01/2014 – Spurs 112 vs 90 Dallas

Já neste ano, novamente Parker comandou a vitória do Spurs, bastante tranquila, jogando em casa. O armador anotou 25 pontos e foi decisivo para o triunfo. Vindo do banco, Marco Belinelli aproveitou a fragilidade adversária no duelo e também foi destaque.

02/03/2014 – Spurs 112 vs 106 Mavericks

A terceira vitória na temporada diante do Mavericks foi também a mais difícil. Mesmo sem ter a liderança ameaçada, o Spurs viu o adversário encostar em alguns momentos do duelo e precisou de muito jogo coletivo para vencer – nada menos do que seis atletas fizeram mais de dez pontos. O melhor do time? Ele, claro, Tony Parker.

PG – Tony Parker

SG – Danny Green

SF – Kawhi Leonard

PF – Tim Duncan

C – Tiago Splitter

Fique de Olho - Melhor nos três jogos diante do Mavericks, Tony Parker tem tudo para brilhar novamente. Em ótima fase, o armador é promessa de muitos pontos e comando ofensivo diante do rival se voltar a atuar após sentir dores nas costas.

PG – José Calderón

SG – Monta Ellis

SF – Shawn Marion

PF – Dirk Nowitzki

C – Samuel Dalembert

Fique de Olho - Sempre ele. Independente da fase do Mavericks, Dirk Nowitzki costuma sempre ir bem. Na luta acirrada pelos playoffs, o alemão deverá brilhar se não quiser ficar fora da pós-temporada pelo segundo ano consecutivo.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 42 outros seguidores