Visitante indigesto

Daqui a pouco teremos que nos acostumar com o San Antonio Spurs longe de casa por muito tempo durante a famosa Rodeo Trip (que neste ano será de 6 a 24 de fevereiro), quando o AT&T Center vira palco de um dos rodeios mais famosos dos EUA e o time viaja pelo país para seguir jogando pela NBA. Em anos anteriores, o período era sempre de compreensão. Torcedores e mídia se uniam em pró de um pensamento quase pessimista que previa “derrotas iminentes e recuperação pós-All Star Game”. Dessa vez, parece que não será assim.

Contra o Lakers o time se comportou extremamente bem e conseguiu ótima vitória fora de casa (AP Photo)

Até agora, foram 12 partidas fora de San Antonio e nada menos do que dez vitórias. É o melhor desempenho de uma equipe longe de seus domínios na atual temporada. Números que poderiam não traduzir muita coisa, mas que acabam sendo significativos na postura de quadra do Spurs. Mais importante do que vencer duelos jogados como visitante é a maneira com a qual a equipe se porta quando está distante de sua torcida. Pode ser algo de temporada regular. Mas de qualquer jeito, interessa definitivamente para os playoffs.

Quando está longe do AT&T Center, o Spurs parece sempre mais aceso. Talvez por não ter o incentivo total da torcida, a equipe se mantém sempre em jogo para não dar margem aos já conhecidos apagões que costumam afligir Gregg Popovich e seu time nos segundos tempos das partidas. Não à toa, nos dez jogos que saiu vitorioso fora de casa, a média de diferença de pontos para o adversário é de nada menos do que 12.1 pontos, estatística alta e logicamente influenciada por vitórias como a de sábado (10), contra o Charlotte Bobcats, quando a vantagem foi de elásticos 32 pontos.

Mesmo se a média de pontos de diferença ganha valiosos aliados com vitórias elásticas, é bom ressaltar que apenas contra o Los Angeles Lakers o Spurs venceu por diferença de apenas dois pontos. No restante dos triunfos, sempre números maiores. Nas duas derrotas, diante de Los Angeles Clippers e Miami Heat, jogos completamente atípicos. O primeiro foi simplesmente a pior partida da equipe na temporada; o segundo foi jogado com o time completamente reserva – e mesmo assim quase foi vencido.

Claro que dentro de casa o Spurs tem vencido jogos por ótima diferença – a fase é boa e colabora muito com isso. Mas de um time que quer ser campeão, o mínimo que se espera é postura avassaladora em seus domínios. O diferencial acaba sendo o que se faz longe de casa. E nisso ninguém tem sido melhor que San Antonio. Os motivos? Além da animação dos jogadores longe da torcida, sem dúvidas o elenco. Principalmente se levarmos em conta que a segunda unidade, que vem sendo liderada por Manu Ginobili e Tiago Splitter, tem contado com atuações muito boas da dupla Patrick Mills e Nando De Colo. Mais ainda, se lembrarmos que Gary Neal está sendo titular de ocasião por conta da lesão de Kawhi Leonard e Stephen Jackson, outro importante reserva, que também está machucado.

Aos céticos que acreditam que isso é apenas temporada regular, é sempre bom lembrar que o melhor time dessa fase termina com mais mandos de quadra na pós-temporada. Pode não ser um fator decisivo no fim das contas, mas é importante. Na NBA um bom time se constrói com uma defesa sólida, quase sempre. E nada melhor do que testá-la onde os adversários são mais agressivos. Quem vai bem fora, vai bem quase sempre.

About these ads

Sobre Leonardo Sacco

É jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero. Cravou a opção pelo jornalismo no estouro do cronômetro, quando criou o Spurs Brasil em uma madrugada de domingo para segunda. Escreve para o Yahoo! Esportes e dá seus pitacos no @leosacco.

Publicado em 10/12/2012, em Zona Morta. Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. Vale lembrar que o Matt Bonner também tem jogado bem!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 47 outros seguidores