Spurs (5-1) @ Kings (2-4) – Foi feio, mas valeu

97×86

Na noite de sexta-feira, o San Antonio Spurs visitou o Sacramento Kings e venceu o adversário por 97 a 86. A equipe texana esteve longe de suas melhores exibições, mas, mesmo assim, o resultado foi importante, já que o time vinha de derrota para os Los Angeles Clippers. Confira a seguir o resumo da partida.

De volta ao caminho das vitórias (Rocky Widner/NBAE/Getty)

Xô, gripe!

No jogo contra o Kings, o elenco do Spurs esteve avariado pela gripe. Doente, Stephen Jackson não jogou, o que abriu espaço para que Cory Joseph fosse relacionado – o canadense, no entanto, não entrou em quadra. Mais dois jogadores sofreram com o problema: Tony Parker, que atuou por apenas 24 minutos e deixou a quadra com cinco pontos, seis assistências e três rebotes, e Matt Bonner, que não saiu do banco de reservas.

Duncan deu show (Rocky Widner/NBAE/Getty)

DeJuan Blair titular

Depois de fazer um bom jogo contra o Indiana Pacers, DeJuan Blair recebeu a chance de ser titular ao lado de Tim Duncan contra o Kings. O ala-pivô anotou quatro pontos e três assistências em 19:52 minutos, enquanto The Big Fundamental deixou a quadra com 23 pontos – foi o cestinha do jogo -, 12 rebotes, quatro assistências, quatro tocos e três roubadas de  bola em pouco mais de 31 minutos. Um show!

Vieram do banco de reservas no garrafão Boris Diaw, com nove pontos, nove rebotes e quatro assistências em 28:40 minutos, e Tiago Splitter, com seis pontos e três rebotes em 16:23 minutos.

Boa, Mills!

A ausência de Stephen Jackson fez com que Gary Neal saísse da reserva da armação para atuar em uma das alas na segunda unidade, ao lado de Manu Ginobili. Deste modo, Patrick Mills recebeu a chance de fazer parte da rotação do time.

E ele não decepcionou: em pouco mais de 21 minutos, acertou oito dos nove arremessos que tentou e deixou a quadra com 18 pontos. Só Duncan esteve à sua frente na partida.

Haja coração…

Apesar da vitória por dígitos duplos, o Spurs complicou mais do que deveria o jogo e só deslanchou no período final. A equipe texana cometeu 20 desperdícios, número elevadíssimo. Curiosamente, Tony Parker e Manu Ginobili, com quatro perdas de posse cada, foram os destaques negativos na estatística. O time precisa cuidar melhor da bola a partir da noite deste sábado, quando visita o Portland TrailBlazers

Destaques da partida

San Antonio Spurs

Tim Duncan – 23 pontos, 12 rebotes, quatro assistências, quatro tocos e três roubadas de bola

Patrick Mills – 18 pontos e três assistências

Kawhi Leonard – 11 pontos, nove rebotes, dois tocos e duas roubadas de bola

Sacramento Kings

Jason Thompson – 17 pontos, seis rebotes e duas roubadas de bola

Marcus Thornton – 17 pontos, quatro rebotes e três assistências

DeMarcus Cousins – 14 pontos, nove rebotes e três assistências

About these ads

Sobre Lucas Pastore

Um dos fundadores do Spurs Brasil, seu maior orgulho na carreira jornalística. Formado em Jornalismo na Universidade Presbiteriana Mackenzie em 2010, é editor do LANCE!Net desde 2013, três anos após ter sido estagiário do Diário LANCE!. Neste meio tempo, foi repórter de automobilismo na agência mob36, redator do UOL Esporte e colunista no Basketeria.

Publicado em 10/11/2012, em Resumo de Jogos. Adicione o link aos favoritos. 11 Comentários.

  1. Silas Barboza de Sousa

    Cara,o que falar do Tim Duncan que monstro hein!
    Outro detalhe que chamou a atenção,foi a visível perda de peso de Dejuan Blair parece até uma outra pessoa,se as pessoas gordas ou acima do peso se mobilizassem da mesma forma se sentiriam muito melhor e teríamos um mundo mais higienico…Parabéns Blair….
    Mills…não foi surpresa nenhuma..ele é demais….rumo a 6X1.

    • Em que sentido vc diz higienico?
      E juntamente com o peso do Blair, a pontaria acho que foi junto, ne?
      Ontem ele errou cada arremesso que até eu faria…

      • Silas Barboza de Sousa

        Poxa bichão,vc já sentou do lado de um cara gordo,se sim já sabe do que estou falando..a transpiração do mesmo transforma efeitos deploráveis em qq ambiente….Os Cientistas afiirmam que uma maior concentração do tecido adiposo promove doenças e principalmente mais vulnerabilidade a bacterias e consequentemente odores e gases…logo uma pessoa gorda ou acima do peso é menos higienica do que qq um…
        Blair não perdeu a pontaria,pois noutro jogo ele foi super bem..revezando um pouco com o Tiago..ele tende a crescer bem mais….Estou gostando do Spurs este ano e acredito que se o Nando de Colo ‘decolar’ temos tudo para faturar o Oeste mais uma vez…seria a terceira seguida…

  1. Pingback: Spurs (5-1) @ Blazers (2-3) – Temporada Regular « Spurs Brasil

  2. Pingback: Sempre alerta, Mills! « Spurs Brasil

  3. Pingback: Spurs (6-1) @ Lakers (3-4) – Temporada Regular « Spurs Brasil

  4. Pingback: Spurs (7-1) @ Lakers (3-5) – Greensanity! « Spurs Brasil

  5. Pingback: O quinto elemento « Spurs Brasil

  6. Pingback: Spurs (42-12) vs Kings (19-35) – Temporada Regular « Spurs Brasil

  7. Pingback: Spurs (45-14) vs Kings (20-39) – Temporada Regular | Spurs Brasil

  8. Pingback: Spurs (57-21) vs Kings (28-50) – Temporada Regular | Spurs Brasil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 50 outros seguidores