Manu e Argentina tentam, mas não impedem show americano

Nesta sexta-feira (10), a Argentina perdeu para a seleção norte-americana por 109 a 83 nas semifinais das Olimpíadas de Londres. O jogo foi bem disputado no primeiro tempo, mas não foi o suficiente para que os sul-americanos derrotassem o Dream Team.

Ginóbili consola Campazzo (Foto: espn.com.br)

A equipe argentina chegou a encostar no placar, mas não conseguiu manter o ritmo e não liderou o placar em nenhum momento da partida.

No primeiro tempo de jogo, os hermanos puderam contar com os arremessos de três pontos de Leo Gutiérrez, com o jogo de garrafão de Luis Scola e com toda a categoria de Manu Ginobili, do San Antonio Spurs, que contribuiu com a sua experiência e liderança no time, acertando uma bola de três pontos no final do segundo quarto que diminuiu a vantagem adversária para somente sete pontos.

No ínicio do segundo tempo, o astro da franquia texana converteu mais três pontos para a Argentina, diminuindo a diferença para apenas quatro pontos a favor do time norte-americano.

Mas a reação argentina acabou por aí. Foi quando começou um show particular de Kevin Durant. O jogador do Oklahoma City Thunder, que foi o cestinha da partida com 19 pontos, converteu quatro bolas de três pontos que abriu de vez a vantagem dos Estados Unidos sobre a Argentina.

Com o jogo praticamente definido, deu-se início ao show time norte-americano no último quarto. Ponte-aéreas, bolas de três pontos, tocos, enterradas… foi um massacre sobre o selecionado sul-americano. Quando o jogo já caminhava para o seu fim, a Argentina colocou seu time reserva em quadra, poupando seus principais jogadores para a disputa do terceiro lugar contra a seleção russa.

Os Estados Unidos irão enfrentar na final, que acontece no dia 12 de agosto, a Espanha, repetindo a decisão dos Jogos Olímpicos de Pequim-2008.

Com virada surpreendente, Espanha derrota a Rússia e disputará o ouro.

A seleção espanhola venceu a equipe russa por 67 a 59 e classificou-se pela segunda vez consecutiva para as finais das Olimpíadas. Dentre os árbitros, estava o brasileiro Marcos Benito, que desempenhou um ótimo trabalho se tratando de um jogo tão importante.

O jogo não começou nada bem para a Espanha, que perdia o primeiro tempo por 13 pontos de diferença. Porém, o time esboçou uma reação no segundo tempo e conseguiu a vitória por oito pontos de vantagem. Pau Gasol e seus companheiros de seleção enfrentarão os Estados Unidos, repetindo a final dos jogos olímpicos de Pequim em 2008, que foi vencida pela equipe norte-americana.

A equipe espanhola chegou à semifinal sendo alvo de polêmicas e críticas devido à derrota para a seleção brasileira na última rodada de classificação do grupo B, o que garantiu o terceiro lugar na classificação à Fúria e evitou confrontos precoces contra Argentina e Estados Unidos. A derrota para o Brasil chegou a ser comemorada pela mídia local, criando uma série de polêmicas sobre a possível “entrega”.

A grande final acontece no dia 12 de agosto e promete ser um jogo muito disputado. A Espanha contará com suas principais forças: Os irmãos Marc e Pau Gasol e o destaque do time Serge Ibaka, jogador do Oklahoma City Thunder naturalizado espanhol.

About these ads

Sobre Sergio Neto

Jornalista esportivo desde 2012, ano em que passou a integrar a equipe do Spurs Brasil. Fanático por basquete desde criança e pelo San Antonio Spurs desde a era das "Torres Gêmeas".

Publicado em 11/08/2012, em Londres 2012, Notícias. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 50 outros seguidores