Parker é confirmado nos Jogos Olímpicos

A Federação Francesa de Basquete (FFBB) confirmou na manhã desta sexta-feira (6) que o armador Tony Parker foi liberado pelo San Antonio Spurs para participar dos Jogos Olímpicos de Londres. Parker chegou a ser dúvida para a disputa da Olimpíada devido a um machucado no olho adquirido em uma briga em um bar de Nova York no mês passado.

“Acabei de chegar em Paris com uma boa notícia. Eu vou para as Olimpíadas! Estou muito feliz – fui liberado pelo Spurs! Obrigado Pop!”, anunciou o jogador, que precisou passar por uma cirurgia no olho esquerdo, em suas redes sociais.

Parker usará óculos para proteger olho lesionado | Foto: FFBB

De acordo com a FFBB, os dois oftalmologistas contratados pelo Spurs confirmaram o que havia sido dito pelo médico francês que operou o olho de Tony e pelos especialistas suíços que analisaram o atleta na semana passada, e informaram que o astro está liberado para voltar a treinar. Tony precisou ainda do aval do técnico Greg Popovich, que concordou com a ida do francês ao campeonato.

Na quinta, Parker foi convocado oficialmente para os Jogos Olímpicos, mas sua presença ainda era uma incógnita. A lista dos 12 jogadores da França está repleta de nomes da NBA, como Boris Diaw, que atuou pelo Spurs na última temporada. Outro contemplado foi Nando De Colo, possível reforço do time texano para o próximo ano.

Tony deve se juntar ao resto da equipe ainda nesta sexta-feira em Orleans. O técnico da França, Vincent Collet, se pronunciou ao site oficial da FFBB e se mostrou feliz com o reforço de peso.

“Esta é uma grande notícia e um alívio para todos nós. Eu estive com Tony no telefone e me senti muito feliz e aliviado quando soube do resultado. Foi, para todos nós, muito doloroso e angustiante. Agora nós podemos combinar nossas forças e nos concentrar em nosso objetivo olímpico”, comemorou.

About these ads

Sobre Juliano Medeiros

Jornalista em formação, estagiário do Caderno Jogada, do Diário do Nordeste, fã do San Antonio Spurs e apaixonado por basquete.

Publicado em 06/07/2012, em Londres 2012, Notícias e marcado como , . Adicione o link aos favoritos. 2 Comentários.

  1. Rapaz, falam muito da Espanha como segunda força, mas se Joakim Noah estivesse, a França poderia muito bem ser encarada como a principal rival dos EUA.
    Parker, Diaw, De Colo, Batum… todos esses nomes bem conhecidos em San Antonio fazem da França um time respeitável. Seria um terror se o Brasil tivesse que enfrentá-los pra tentar uma medalha.

  1. Pingback: Green admite possibilidade de jogar pelo Celtics | Spurs Brasil

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 42 outros seguidores